Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

centro de documentação e informação desportiva de moçambique

Este blog tem como objectivo difundir a documentação de carácter desportivo

centro de documentação e informação desportiva de moçambique

Este blog tem como objectivo difundir a documentação de carácter desportivo

UD do Songo regressa à liderança

 

A UNIÃO Desportiva do Songo regressou à liderança do Moçambola-2016, após vencer na tarde de ontem, em casa, ao Estrela Vermelha por 2-0 e beneficiar da derrota do Clube do Chibuto e o empate da Liga Desportiva de Maputo, em jogos pontuáveis para a 11.ª jornada.

 

A UD do Songo, que há duas semanas liderava a prova mor do futebol moçambicano, passou a somar 21 pontos e agora tem como perseguidores mais próximos a ENH de Vilankulo FC e Ferroviário de Maputo, segundo e terceiro classificados, respectivamente.

 

A ENH recebeu e venceu o Clube do Chibuto por 1-0. O anterior líder caiu em Chibuto e baixou para o sexto lugar, com 18 pontos, facto que reflecte o quanto a luta pelo comando está renhida. 

 

Nessa “dança” de sobe e desce o Ferroviário de Maputo subiu ao terceiro lugar sem precisar de jogar, na medida em que o Desportivo do Niassa protagonizou uma inédita falta de comparência na presente edição do Moçambola. Ainda não se sabe os motivos para esta ausência do representante do Niassa, mas de acordo com um dos membros da Liga Moçambicana de Futebol (LFM), a falta de comparência aconteceu também na habitual reunião técnica e ainda revelou o facto de o relvado nem sequer ter beneficiado das habituais marcações.   

 

O Maxaquene, por sua vez, baixou para o oitavo lugar, ao ser derrotado diante do Ferroviário da Beira por 2-0. Os “tricolores” somam 16 pontos e estão agora a cinco da liderança, enquanto os “locomotivas” aproximaram-se dos lugares da frente, sendo agora quinto classificados, com 19.

 

Com o deslize já mencionado do Chibuto, a Liga, que recebeu o Ferroviário de Nampula, perdeu uma soberana oportunidade de ser o novo líder, ao empatar a uma bola.

 

Quem continua de mal a pior é o Desportivo de Maputo, que, ao perder em casa frente ao homónimo de Nacala por 2-0, caiu para o último lugar.

 

Em situação não menos preocupante encontra-se o Costa do Sol, que voltou a perder, desta feita no reduto do Ferroviário de Nacala, por 1-0. Com este triunfo os nacalenses deixaram a zona de despromoção e fizeram “voar” os “canarinhos” para o 11.º lugar, com apenas 12 pontos. Começa a ficar muito difícil, embora ainda faltem 19 jornadas para o final do campeonato, os comandados de Sérgio Faife entrarem na luta pelo título. Sublinhe-se que o Ferroviário de Nacala somou a sua primeira vitória no Moçambola.

 

O 1.º de Maio goleou o Chingale por 3-0 e também deixou os lugares de descida de divisão.

 

Eis os jogos da próxima jornada: Chibuto-Ferroviário de Nacala, Desportivo de Nacala-ENH de Vilankulo, Chingale-Desportivo de Maputo, Ferroviário de Maputo-1.º de Maio de Quelimane, Ferroviário de Nampula-Desportivo de Niassa, Estrela Vermelha-Liga Desportiva de Maputo, Maxaquene-União Desportiva do Songo e Costa do Sol-Ferroviário da Beira.

 

 

Fonte:Jornal Noticias

Comentar:

CorretorEmoji

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.