Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

centro de documentação e informação desportiva de moçambique

Este blog tem como objectivo difundir a documentação de carácter desportivo

centro de documentação e informação desportiva de moçambique

Este blog tem como objectivo difundir a documentação de carácter desportivo

Songo em Lubumbashi, Costa do Sol no Zimpeto

 

OS representantes do nosso país nas Afrotaças entram hoje em cena, com a campeã nacional, União Desportiva do Songo, em Lubumbashi (RDCongo), onde vai medir forças (16.30 horas) com o TP Mazembe para a Liga dos Campões, enquanto o Costa do Sol recebe, às 19.00 horas, o Cape Town City, da África do Sul, no Zimpeto, para a Taça CAF.

 

É o regresso das equipas moçambicanas ao palco africano, depois do sucesso na pré-eliminatória. Desta vez, as equipas nacionais têm missões e adversários mais exigentes.

 

No Congo, não se afigura um jogo fácil para a campeã nacional, pois o adversário é TP Mazembe, um colosso do futebol africano com muitos títulos.

 

Trata-se de um plantel recheado de valores, sendo o actual detentor da Taça CAF.

 

Os “hidroeléctricos”, menos cotados neste tipo de competições, tentarão arrancar um bom resultado fora para que possam resolver a eliminatória no Chiveve, a 17 de Março em curso.

 

Esta é a segunda vez que o TP Mazembe defronta uma equipa moçambicana nas competições africanas. A primeira foi em 2013, quando os congoleses eliminaram a Liga Desportiva de Maputo da Taça da Confederação (CAF), ao ganhar por 4-0 em casa, antes de perder por 1-2 na Matola, no jogo da segunda “mão”.

 

No TP Mazembe constam três Supertaças de África (2010, 2011 e 2016), ostentando na sua vitrina cinco troféus da Liga dos Campeões, designadamente em 1967, 1968, 2009, 2010 e 2015, além de três Taças CAF em 1980, 2016 e 2017.

 

Quanto à UD Songo, esta é apenas a segunda participação nas competições africanas, depois de no ano passado ter sido eliminada pelo Platinum Stars, da África do Sul. Este ano os campeões nacionais afastaram o Ngaya FC, das Comores, na pré-eliminatória, por um agregado de 3-1, empate a um fora, e vitória, por 2-0, em casa (emprestada).

 

O jogo terá como árbitro Bakary Gassama, da Gâmbia, auxiliado por Jena Claude Birumushahu, do Burundi, e Marwa Range, do Quénia.

 

Para a Taça CAF, o Costa do Sol recebe os sul-africanos de Cape Town City às 19.00 horas, no Zimepto. A equipa sul-africana é bem menos experiente que os “canarinhos” neste tipo de competições, até porque joga pela primeira vez nas provas sob égide da CAF. Jogando em casa, o Costa do Sol tem a obrigação de ganhar para viajar tranquilamente para o Cabo, onde a 18 de Março vai acontecer o embate da segunda “mão”.

 

O Costa do Sol-Cape Town City terá uma arbitragem sutho, chefiada por Lebalang Mokete, auxiliado por Souru Phatsoane e Lesupi Puputla

 

 

Fonte:Jornal Noticias

Comentar:

Mais

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.