Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

centro de documentação e informação desportiva de moçambique

Este blog tem como objectivo difundir a documentação de carácter desportivo

centro de documentação e informação desportiva de moçambique

Este blog tem como objectivo difundir a documentação de carácter desportivo

Quem vier será bem-vindo

 

Com duas décadas como dirigente, António Marques, ainda presidente do ATCM, decidiu deixar a presidência do clube. O acto eleitoral será em Março próximo quando se realizar a assembleia-geral. Na hora de saída, Marques diz que vai deixar a instituição em bom estado de saúde. 

 

Em Fevereiro de 2016, numa entrevista a este jornal, António Marques já manifestara publicamente a vontade de deixar a presidência do ATCM. Dissera na altura que sairia feliz se a pista principal tiver sido reconstruída!

 

Um ano e alguns meses depois, nas mesmas linhas do nosso semanário, o ainda presidente do clube, agora com 68 anos de idade, 28 dos quais vividos como dirigente desportivo na Académica e no ATCM; está mesmo determinado a deixar a presidência em Março próximo, quando se realizar a assembleia-geral do ATCM. 

 

Agora na hora do adeus, que diz sair de cabeça erguida, desportivamente sente-se traído – desonrado pelo empreiteiro (CETA) e mal acompanhado pela MMD - por não ver o sonho da pista materializado mas feliz porque o ATCM tem saúde para durar por muitos e longos anos.

 

Como avalia a época recentemente finda?

 

Começaria por aquilo que dói mais: financeiramente a época 2017 foi um autêntico desastre, apesar de se ter reduzido imenso o prejuízo nas provas. No ano passado tivemos um prejuízo de 2.000.000, 00 mt (dois milhões de meticais) e este ano foram 900 e poucos. Quem vier, tem que saber dar volta a esta situação, porque não podemos estar a drenar o dinheiro que a direcção faz,  a favor de competições. Em termos desportivos, penso que foi bom,  na medida em que cumprimos com a calendarização da época.   Desde a primeira à última prova,  em karting, drag racing,  drift e consagração da época cumprimos à risca. Há uma situação que não posso deixar de referir,  que tem a ver com os pilotos de drag racing, mobilizados não sei por quem, não quiseram participar no campeonato organizado pelo ATCM. Participaram em provas,  em número muito razoável,  mas não quiseram participar do campeonato. No fim não levaram consigo os troféus de campeões.

 

Gilberto Guibunda/Domingos Elias

 

 

Fonte:Desafio

Comentar:

Mais

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.