Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

centro de documentação e informação desportiva de moçambique

Este blog tem como objectivo difundir a documentação de carácter desportivo

centro de documentação e informação desportiva de moçambique

Este blog tem como objectivo difundir a documentação de carácter desportivo

Preparação célere a 49 dias dos Jogos da CPLP Sal-2016

 

A preparação das selecções nacionais que irão representar o país na X edição dos Jogos da CPLP, a terem lugar de 17 a 24 de Julho, no Arquipélago de Cabo Verde, já ganha forma. As federações nacionais estão a terminar os preparativos dos documentos afins, tendo o dia 30 de Junho sido estabelecido como data-limite.

 

Quinta-feira foi a última reunião. A partir do próximo dia 09 de Junho, os encontros passarão a ser quinzenais, em razão da aproximação da data de partida para a Ilha do Sal.

 

Do encontro realizado semana passada, Rui Albasini, representante do Instituto Nacional do Desporto (INADE) saiu bastante satisfeito pelo interesse demonstrado pelas federações nacionais, em termos de cumprimento dos prazos estabelecidos para a entrega da documentação para a participação dos jovens nestes jogos, que envolvem a faixa etária abaixo de 16 anos.

 

Albasini diz estar feliz, porque tem a certeza de as selecções estarem todas a preparar-se, razão pela qual tem a garantia de poder ter todos os dados os documentos prontos, nos prazos estabelecidos, que é o dia 30 de Junho.

 

Para além da documentação para a emissão de passaportes, mediante a apresentação de uma autorização escrita dos pais ou encarregados de educação, todos os envolvidos na deslocação a Cabo Verde deverão tomar a vacina contra a febre-amarela.

 

Em termos de documentação, a preocupação era na modalidade de andebol, pois ainda faltava um atleta seleccionado da Província de Gaza, mas com total garantia de se ultrapassar o problema de imediato, uma vez que as inspecções médicas para esta modalidade estão marcadas para o período de 16 a 21 de Junho próximo.

 

Quanto ao regulamento de competições, Albasini recomendou, uma vez mais, a leitura atenta de dos documentos disponíveis, para se evitarem surpresas no terreno e disse mais:

 

– A partir deste momento, todas as federações nacionais podem interagir com as suas congéneres cabo-verdianas, para eventuais esclarecimentos, recomenda Rui Albasini.

 

 

 

Fonte:Desafio

Comentar:

CorretorEmoji

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.