Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

centro de documentação e informação desportiva de moçambique

Este blog tem como objectivo difundir a documentação de carácter desportivo

centro de documentação e informação desportiva de moçambique

Este blog tem como objectivo difundir a documentação de carácter desportivo

NO REGRESSO DOS CAMPEÕES À CASA: Nem o atraso estragou a festa

 

PASSAVAM precisamente 30 minutos depois da 1.00 hora da madrugada desta terça-feira quando a aeronave que trazia de regresso à casa os novos campeões nacionais de futebol aterrou no Aeroporto Internacional da Beira, onde uma imensa multidão os aguardava desde as 18/19 horas do dia anterior.

 

O estado do tempo na cidade de Maputo, em particular, e em outros pontos da região sul era a explicação sobre o atraso do avião da companhia de bandeira.

 

Foi assim que a hora da chegada da equipa passou por algumas indefinições, até que ficou assente que seria à meia-noite. Mas isso voltou a não acontecer. Mesmo assim, tal estava longe de poder demover os dirigentes, sócios e simpatizantes, que continuavam a aguardar religiosamente pelos novos heróis do Chiveve.

 

 

A espera já ia bem longa quando foi amainada com a chegada da governadora Helena Taipo. Mesmo assim, ainda passaram bons minutos até que o aparelho trazendo os jogadores do Ferroviário da Beira “bateu” na pista do aeroporto. Era 1.30 hora, mais coisa menos coisa.

 

Aí foi a apoteose. Os atletas desceram do avião e percorreram alguns metros até ao local onde os esperavam a governadora de Sofala, Maria Helena Taipo e esposo; o membro da Comissão Política de assistência a Sofala, Eneas Comiche; o primeiro-secretário da Frelimo em Sofala, Paulo Majacunene; o administrador da Beira, João Oliveira; o representante do presidente do Conselho Municipal da Beira, o vereador Jose Manuel; e outros dirigentes a vários níveis.

 

Mas como o momento era efectivamente de festa, o protocolo foi quebrado. O grosso dos jovens entusiastas presentes não esperou, por isso juntando-se aos atletas para os cumprimentar, abraçar, beijar e levá-los ao colo, como foi com Moniz, o autor do golo no Songo.

 

A muito custo, o protocolo oficial foi sendo cumprido, com a governadora de Sofala a dirigir algumas palavras de muito apreço pelo feito aos jogadores, até à saída do recinto aeroportuário onde os cumprimentou um a um.

 

 

Fonte:Jornal Noticias

Comentar:

CorretorEmoji

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.