Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

centro de documentação e informação desportiva de moçambique

Este blog tem como objectivo difundir a documentação de carácter desportivo

centro de documentação e informação desportiva de moçambique

Este blog tem como objectivo difundir a documentação de carácter desportivo

“Nacionais” de ténis em Maputo e Matola

 

OS Campeonatos Nacionais de Ténis da edição-2016, que se realizam de 22 a 30 do mês em curso, terão a particularidade de serem disputados em duas fases nas cidades de Maputo e Matola.

 

A primeira, que se prolongará até aos oitavos-de-final, terá lugar na cidade de Maputo, concretamente nos “courts” do Jardim Tunduru. Já a segunda, que vai dos quartos-de final até às finais, acontecerá na província de Maputo, nos “courts” do Centro Cultural do Banco de Moçambique, no Município da Matola.

 

Os referidos “Nacionais” movimentarão, em simultâneo, os escalões seniores e juniores, prevendo que se disputem as provas de singulares homens e senhoras, pares homens e senhoras, singulares rapazes e raparigas.

 

A Federação Moçambicana de Ténis (FMT) viu mais uma vez abortada a iniciativa visando levar os “Nacionais” aos “courts” do Unilúrio, em Nampula, construídos de raiz, devido a limitações financeiras.

 

Aliás, uma vez gorada a possibilidade de realizar os “Nacionais” em Nampula, a FMT viu a província de Maputo como destino mais próximo para acolher o evento. Mas devido à insuficiência de “courts” – o Centro Cultural do Banco de Moçambique tem apenas dois campos – o evento será partilhado com a cidade de Maputo.

 

Foi sempre nossa intenção levar os “Nacionais” para outros lugares fora da cidade e província de Maputo, mas infelizmente não podemos concretizar, em duas edições, esse sonho devido à tensão político-militar. Temos os “courts” da Unilúrio prontos a sensivelmente mais de dois anos. Para compensar, será lá onde realizaremos as finais do Torneio dos Mestres, em Novembro”, prometeu Valige Tauabo, presidente da FMT. 

    

A realização das finais do Torneio dos Mestres em Nampula será uma ocasião para colorir a assinatura do acordo de gestão dos “courts” entre a Unilúrio e a FMT, que passará a fazer o uso dos mesmos para acolher torneios nacionais e internacionais. Os “courts” de Unilúrio compreendem dois campos de ténis, balneários e escritórios.

 

 

Fonte:Jornal Noticias

Comentar:

CorretorEmoji

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.