Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

centro de documentação e informação desportiva de moçambique

Este blog tem como objectivo difundir a documentação de carácter desportivo

centro de documentação e informação desportiva de moçambique

Este blog tem como objectivo difundir a documentação de carácter desportivo

Moçambola 2020 sorteado esta quinta-feira

sorteio moc.jpg

 

É já esta quinta-feira que será conhecido o alinhamento dos jogos do campeonato nacional de futebol, o Moçambola-2020, no decurso da gala anual da prova.

Os artistas da bola, os clubes e adeptos ficarão a conhecer a “sorte” dos respectivos clubes numa maratona de 26 jornadas, a arrancar a 4 de Abril e término previsto para finais de Novembro.

É também um momento de celebração do futebol moçambicano e exultação dos "mais", com a premiação dos melhores da temporada passada.

É neste sentido que, durante a gala, o Costa do Sol, campeão nacional, e União Desportiva do Songo, vice-campeã, serão consagrados.
A noite de estrelas do futebol moçambicano reserva espaço para a distinção de Eva Nga, avançado camaronês que, ao serviço do Costa do Sol, foi melhor marcador do campeonato nacional com 24 golos em 29 jogos.

Eva Nga, que no final da temporada trocou o Costa do Sol pelo Bidvest Wits da África do Sul, superou a concorrência do craque Luís Miquissone que anotou 19 tentos em 30 jogos. Curiosamente, os dois melhores artilheiros do Moçambola 2020 transferiram-se para outras formações, sendo que Miquissone brilha agora no Simba FC da Tanzânia.

Quem também irá desfilar na noite dos melhores é o jovem Victor Guambe, considerado guarda-redes menos batido do campeonato nacional com 21 golos sofridos em 28 jogos (2492). Guambe foi melhor que o internacional moçambicano Franque, “keeper” do Ferroviário de Maputo que sofreu 16 golos em 24 jogos (2160 minutos).

César Machava, guarda-redes do Ferroviário da Beira, com 17 golos sofridos em 23 jogos (2025 minutos) completa o top 3 dos melhores guarda-redes do Moçambola-2019.

Porque parte do espectáculo que se chama futebol, mesmo com enorme contestação a que foram sujeitos, os homens do apito também serão reconhecidos.

O árbitro Sérgio Lopes Rumbane, que em 11 jogos conquistou 192 pontos perfazendo a média de 17.45, foi o mais regular do campeonato passado.

O juiz da zona centro superou Aníbal Armando que, em 12 jogos, somou 204 pontos e média de 17.00, e Paulo Jones com 14 jogos e 227 pontos, média de 16.21.
Os patrocinadores do campeonato nacional de futebol não serão esquecidos, ate porque irão receber diplomas de reconhecimento.

Na noite de festa, há previsão de discursos de praxe. É neste sentido que o Secretário de Estado, Carlos Gilberto Mendes, irá fazer sua intervenção na gala. Na mesma ocasião, irão intervir os presidentes da Federação Moçambicana de Futebol, Feizal Sidat, Liga Moçambicana de Futebol, Ananias Couana, e representantes da Standard Bank e Aeroportos e Moçambique (ADM).

Entretanto, a Liga Moçambicana de Futebol reúne-se, esta sexta-feira, às 14h00, na sede da FMF, em Assembleia-geral ordinária, reunião magna que terá como pontos de agenda a apresentação, discussão do relatório de actividades e contas da Liga Moçambicana de Futebol no exercício de 2019 e apresentação, discussão e aprovação do plano de actividades e orçamento para 2020.

A assembleia-geral da LMF irá debruçar-se ainda sobre a transferência de despesas de transporte terreste para os clubes a partir de 2021, assim como o modelo de distribuição dos valores das transmissões televisivas.

 

Fonte:Opais

Comentar:

CorretorMais

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.