Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

centro de documentação e informação desportiva de moçambique

Este blog tem como objectivo difundir a documentação de carácter desportivo

centro de documentação e informação desportiva de moçambique

Este blog tem como objectivo difundir a documentação de carácter desportivo

30.Jul.14

“Mambinhas” somam e seguem

A SELECÇÃO Nacional de Futebol de Sub-17 continua a fazer furor nos Jogos da CPLP. Depois de terminar a primeira volta em primeiro lugar, na sequência da vitória na estreia sobre Timor Leste por 4-1, e empate com Angola (0-0), os “Mambinhas” voltaram a vencer ontem os timorenses, por ????, no arranque da segunda volta, na séria “A”.

 

O torneio de futebol não observou, tal como as modalidades de vólei de praia e ténis, interregno (descanso) ontem, isto porque os “Mambinhas” têm uma dupla missão. Fora da sua participação nos Jogos da CPLP, os Sub-17 de Moçambique defrontam Angola sábado em partida da segunda “mão” da segunda eliminatória de qualificação para o CAN-2015. Os “Mambinhas” levam vantagem na eliminatória, com a vitória de 2-1 conseguida em Maputo.

 

Entretanto, com a vitória sobre Timor Leste a turma moçambicana garantiu a sua presença na final, faltando uma jornada do fim da fase de grupos. Aliás, a selecção nacional de Sub-17 defronta hoje Angola, neste que será o seu último jogo da série. Os angolanos, derrotados por Timor Leste (1-0) na primeira volta, estão na cauda com apenas um ponto e voltam a cruzar-se com os timorenses, amanhã, no encerramento da fase de grupos.

 

 

Os “Mambinhas” aguardam pelo vencedor da série “B”, na qual Portugal e Cabo Verde disputam o acesso à final. Os portugueses voltaram a vencer São Tomé, depois de na estreia terem ganho o mesmo adversário por 6-0, e estão com vantagem de três pontos sobre Cabo Verde, que ficou de fora nesta ronda devido ao número ímpar de participantes. Cabo Verde vai defrontar hoje São Tomé, num jogo que é favorito, e vai discutir o acesso para a final com Portugal, na última jornada.  

 

 

 

 

Fonte:Jornal Noticias