Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

centro de documentação e informação desportiva de moçambique

Este blog tem como objectivo difundir a documentação de carácter desportivo

centro de documentação e informação desportiva de moçambique

Este blog tem como objectivo difundir a documentação de carácter desportivo

10.Jul.18

MADEIRA JR. QUER LMB SUSTENTÁVEL

partida de basquete

 

António Madeira Jr. foi no último sábado reconduzido a presidente da Liga Moçambicana de Basquetebol (LMB), organismo que dirige desde finais de 2013.  Madeira foi apurado por aclamação pelos oitos clubes (Ferroviário de Maputo, Ferroviário da Beira, Costa do Sol, Maxaquene, Desportivo, Vaz Team, A Politécnica, Ferroviário de Nacala) que actualmente fazem parte da LMB, depois de nenhuma candidatura ter sido apresentada.

 

A assembleia-geral, inicialmente marcada para as 16.00 horas de sexta-feira, foi reprogramada para a manhã de sábado, devido a problemas que afecta(ra)m a companhia aérea de bandeira. A magna reunião tinha três pontos de agenda: relatório de contas de 2014-2017; eleição de uma nova Direcção; apresentação e discussão do calendário da Liga Nacional de Basquetebol.

 

Entretanto, apenas os dois últimos pontos foram avançados. A pedido dos clubes, o relatório de contas (2014-2017) foi protelado para discussão num dos dias de descanso do campeonato nacional, uma vez que os associonados não tiveram tempo suficiente para analisar o documento.

 

No mesmo dia o elenco ora eleito tomara posse. Liderado por Ilídio Caifaz, presidente da Mesa da Assembleia-Geral, o encontro contou com a presença de Francisco Mabjaia, presidente da Federação Moçambicana de Basquetebol (FMB).

 

Curto e breve, Mabjaia disse que: – “Somos reconhecidos internacionalmente porque vocês (LMB) fazem muito trabalho. Quero saudar-vos pelos resultados alcançados. Como federação continuaremos a dar o nosso melhor e daremos toda assistência necessária. Que a competição corra da melhor maneira possível. Devo saudar ao Madeira por ter merecido a confiança dos clubes para mais um mandato”.

 

 

Fonte:Desafio