Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

centro de documentação e informação desportiva de moçambique

Este blog tem como objectivo difundir a documentação de carácter desportivo

centro de documentação e informação desportiva de moçambique

Este blog tem como objectivo difundir a documentação de carácter desportivo

18.Mai.18

Líder tem mais um teste no Infulene

MOCAMBOLA.complet.gif

 

DEPOIS do desaire na quarta-feira para a Taça de Moçambique frente ao rival Maxaquene, o Ferroviário de Maputo, líder do Moçambola, volta a ter um teste difícil no domingo (15:00 horas) frente à Liga Desportiva, num dos jogos mais aguardados da 10ª ronda.

 

É uma sucessão de adversários difíceis para os comandantes da prova que depois de defrontarem o campeão UD Songo (sétima jornada) bateram-se com o Costa do Sol (oitava) e Chibuto (nona).

 

Frente aos “muçulmanos” o favoritismo é repartido, atendendo e considerando que a equipa da Matola “C” vem moralizada após duas vitórias em menos de uma semana, frente ao Costa do Sol (Moçambola) e Águias Especiais (Taça de Moçambique). Por outro lado, para os “muçulmanos” esta é uma oportunidade de se juntar ao pelotão da frente, pois um triunfo pode colocar a equipa de Akil Marcelino no segundo lugar.

 

Mas não é só na Machava onde há embates aliciantes; no Zimpeto, por exemplo, o reanimado Maxaquene recebe o Chibuto, segundo classificado da prova. Depois de uma fase má na prova, os “tricolores” regressaram aos bons resultados e certamente que quererão repetir esta senda no domingo.

 

O aflito Costa do Sol tem mais uma missão difícil este fim-de-semana na recepção ao Ferroviário de Nampula. Este é o único jogo agendado para amanhã, opondo uns “canarinhos” que andam perdidos na prova a um Ferroviário de Nampula que ocupa neste momento o terceiro posto.

 

O campeão nacional, UD Songo, que atravessa uma crise de resultados sem precedentes nas competições internas e internacionais, recebe o Ferroviário de Nacala, equipa sensação do ano passado, que neste Moçambola anda perdida. O favoritismo é claro para os “hidroelétricos”, mas o estado anímico dos jogadores após uma série de cinco derrotas consecutivas pode pesar muito.

 

Em Gondola há um “derby” de Manica, entre a UP e o Textáfrica do Chimoio. Sem dúvidas que este será um dos jogos com maior enchente da pronta, tendo particularidade de opor duas formações que há dias mediram forças para a Taça de Moçambique com o sucesso a sorrir para os “fabris”.

 

Não há dúvidas que o jogo com maior assistência será o Desportivo de Nacala-Ferroviário da Beira, conhecida a devoção pelo futebol por parte dos habitantes da cidade portuária. No incómodo 14º lugar o Desportivo terá de fazer pela vida, pois não há outro resultado que interessa se não a vitória. A vitória é também necessária para o Ferroviário da Beira que tem a massa associativa apreensiva depois de uma série de resultados menos bons.

 

Num duelo de equipas do mesmo campeonato, o Incomáti recebe a ENH de Vilankulo. Em Nampula, o Sporting mede forças com o 1º Maio de Quelimane, mais um jogo entre equipas que lutam para escapar da descida.

 

 

Fonte:Jornal Noticias