Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

centro de documentação e informação desportiva de moçambique

Este blog tem como objectivo difundir a documentação de carácter desportivo

centro de documentação e informação desportiva de moçambique

Este blog tem como objectivo difundir a documentação de carácter desportivo

Campeões desfilam na consagração da época

 

 

 

OS campeões da edição 2016 nas diversas modalidades e categorias do desporto motorizado desfilarão no mesmo palco, domingo, na cidade de Maputo, na gala da consagração da época desportiva promovida pelo Automóvel & Touring Clube de Moçambique (ATCM).

 

O evento, que marca o fim da época do desporto motorizado na capital, tem como finalidade a premiação dos melhores pilotos do ano. Para além de troféus, o ATCM reservou prémios monetários para os primeiros três classificados das diversas categorias em cada modalidade.

 

A começar, em karting, modalidade que mais espelha o desporto motorizado na capital por ser a que mais pilotos e categorias movimenta, cinco pilotos receberão a distinção máxima na qualidade de campeões.

 

Na classe DD2, o motor mais evoluído de todas as classes do campeonato de karts, Cristian Bouché, um dos pilotos mais experientes deste desporto, subirá ao trono para receber o troféu de campeão deste escalão máximo.

 

A vedeta de karts - o piloto que reúne mais títulos e único dos mais antigos ainda no activo - dominou a categoria vencendo todas as quatro provas disputadas, somando no fim 422 pontos, contra 385 de Karl Pitzer e 351 de Bruno Sousa.

 

Já nos Max Júnior, a categoria subsequente e mais concorrida, a distinção vai para Karl Pitzer, que pode ser tido como o melhor piloto da temporada. Isto porque, para além de se ter digladiado nos “supermotores” da classe DD2 e com pilotos mais velhos e experientes, dominou a prova da sua faixa etária e com categoria (ganhou seis das sete provas).

 

É o primeiro título de Karl Pitzer, depois de duas edições consecutivas como vice-campeão, tendo para o efeito destronado Laher Maciel, que é o seu principal rival. Terminou o campeonato com 543 pontos, contra 500 da irmã Naomi e 484 de Eric Kasa. O bicampeão Laher Maciel, que durante muito tempo foi terceiro classificado, quedou-se para a quarta posição. Mesmo se tendo redimido na derradeira prova, a única vitória registada ao longo do campeonato, não evitou a queda para os lugares fora do pódio, somando 481 pontos. 

 

Por último, na classe Maxterino, subdividida em dois grupos (A e B), a distinção vai para Rodrigo Almeida e Rúben do Vale, respectivamente. Rodrigo Almeida dominou a série A com 531 pontos, contra 505 de Lagson Leão e 491 de Allen Remane. Já Rúben do Vale venceu a B com 537, contra 510 de Jussara Xavier e 475 de Cláudia Agustin.

 

Por último, em cadetes, uma categoria praticamente de iniciação em karting, a distinção vai para Ricardo Pereira, que dominou a prova menos participativa deste desporto (teve quatro pilotos). 

 

OUTRAS MODALIDADES

 

O piloto Cristian Bouché vai igualmente erguer o troféu de campeão do “Special Stage”, competição envolvendo carros e na qual teve como principais rivais Farid Cassamo e Bruno Sousa.

 

O campeão de “Drift” é, por sua vez, Zezito Seabra, que teve como principais rivais Mommed Rajá e também Farid Cassamo.

 

Já no “Drag Racing”, que envolve diversas especialidades, serão premiados Danilo Serage, Dário Serage e Shamir Sidique, isto nos FWD-NA; Faudo Sidique e Farid Cassamo, únicos inscritos nos FWD-NA-NITROS e 4 BWD-NA, respectivamente; Farid Cassamo e Ricardo Domingues, nos 6 BWD-Turbo; Orlando Settimelli, Daniel Ricolino e Dário Serage, nos 4 AWD-Turbo; Zanilo Satar, nos AWD-Turbo; e, por último, António Manuel, nas motas.

 

 

Fonte:Jornal Noticias