Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

centro de documentação e informação desportiva de moçambique

Este blog tem como objectivo difundir a documentação de carácter desportivo

centro de documentação e informação desportiva de moçambique

Este blog tem como objectivo difundir a documentação de carácter desportivo

15.Dez.17

Abel Xavier vai coordenar igualmente as selecções de base

 

O SELECCIONADOR nacional, Abel Xavier, vai também coordenar todo o processo inerente às selecções das camadas de formação, nomeadamente os sub-17, 20 e 23, num processo que visa conferir sustentabilidade aos “Mambas” e dotar aquelas de pressupostos competitivos.

 

O facto foi anunciado no contexto da renovação, por mais 18 meses, do contrato do técnico luso-moçambicano pela Federação Moçambicana de Futebol (FMF), numa cerimónia havida na terça-feira.

 

Abel Xavier olha para as suas novas missões com optimismo, até porque, segundo ele, o lógico é que as selecções das camadas inferiores devem ser o espelho da equipa principal.

 

Estas selecções sub-17, 20 e 23 devem trabalhar nos mesmos processos, disciplina e compromisso com a Selecção principal. Queremos implantar uma nova metodologia na formação e com critérios claros, contagiando aos jogadores das selecções de formação o ambiente da Selecção principal”, anunciou Xavier.

 

O seleccionador vai mais longe, referindo que um dos objectivos do trabalho integrado entre a Selecção principal e as de base é reduzir o défice competitivo que aquelas têm tido, potenciá-las e elevar os seus níveis.

 

Vamos aumentar o número de jogos para todas estas selecções a pensar no futuro, pois este é um plano transversal. Dentro em breve teremos as eliminatórias para os CAN’s de sub-17 e 20, enquanto os sub-23, um grupo importante, pois alimenta o processo de renovação da Selecção principal, estará na luta pelos Jogos Africanos de 2019. Queremos estar nesses Jogos Africanos, pois é a partir dessa equipa que pretendemos chegar aos Jogos Olímpicos de 2020”, explicou Abel Xavier, que ainda não decidiu sobre a composição do seu gabinete técnico, para além de que ainda não tem adjuntos para o novo ciclo à frente dos “Mambas”, depois de expirados os contratos dos então coadjuvantes Alcides Chambal e Luís Guerreiro.

 

Abel Xavier vai dirigir a Selecção Nacional por mais 18 meses, tendo como principal missão a qualificação dos “Mambas” para o CAN-2019, que terá lugar nos Camarões.

 

 

Fonte:Jornal Noticias