Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

centro de documentação e informação desportiva de moçambique

Este blog tem como objectivo difundir a documentação de carácter desportivo

centro de documentação e informação desportiva de moçambique

Este blog tem como objectivo difundir a documentação de carácter desportivo

22.Set.14

LIGA DESPORTIVA, 0 – DESPORTIVO, 1 - Sem margem de dúvidas

Vaxko Zakarias
O DESPORTIVO foi estrategicamente superior na forma como se apresentou e actuou diante do líder, que, mesmo jogando em casa, acusou certa ansiedade pela pressão exercida pelos seus mais directos perseguidores na tabela, o que acabou afectando o seu desempenho no rectângulo do jogo. Jogando abertamente ao ataque e de forma desinibida, o Desportivo arrancou uma excelente exibição tendo valido, sobretudo, a colocação das suas pedras no terreno.  Actuando inicialmente com um 4x5x1, os “alvi-ne (...)
22.Set.14

Fer.Maputo, 3- Chibuto ,0 - Por onde andava esta “locomotiva”?

Vaxko Zakarias
ALEGRIA voltou a Machava! Há muito tempo que não se via o Ferroviário a praticar um futebol tão vistoso. A bola a circular rápido rente a relva, de pé para pé e com passes de ruptura. Houve harmonia e espírito de entreajuda, condimentos que resultaram numa vitória sobre o Chibuto por 3-0, numa exibição de mão cheia. Apetece perguntar: Por onde andava esta locomotiva?  Com uma entrada de rompante, os “locomotivas” já podiam estar em vantagem, antes dos 10 minutos, quando (...)
22.Set.14

FER. BEIRA, 0- FER. NAMPULA, 0 - Colisão sem danos

Vaxko Zakarias
EFECTIVAMENTE, foi uma partida que opôs duas equipas da mesma casa cujos interesses fizeram com que estas se defrontassem, por estas alturas do campeonato, com objectivos diferentes, ou seja, uma a querer suplantar a outra na tabela classificativa, enquanto a outra luta para liderá-la. Foi uma "colisão’’ entre duas "locomotivas’’, sendo uma proveniente da estação Ferroviária da Beira e a outra de Nampula que, ao fim dos 90 minutos não houve danos senão a irmandade prevalecente.  
22.Set.14

DESPORTIVO DE NACALA, 5 – TÊXTIL DO PÚNGUÈ, 1 - Goleada da manutenção

Vaxko Zakarias
FOI a primeira goleada e histórica que a equipa do Desportivo de Nacala conseguiu nesta prova desde que ascendeu a este escalão, com Carvalho a fazer o seu também primeiro “hatc-tric”, numa partida em que os donos da casa, como lhes competia, entraram com a intenção de resolver o jogo cedo a seu favor como forma de lutar para uma manutenção tranquila o que foi conseguido.  Isto pode-se provar quando Carvalho, aos 16 minutos da contenda isolado, não consegue bater Miguel que (...)
19.Set.14

Ronda repleta de duelos

Vaxko Zakarias
A VIGÉSIMA segunda jornada do Moçambola traz consigo aliciantes duelos que podem provocar muitas mexidas na tabela classificativa sobretudo no topo, zona na qual os quatro primeiros jogam entre si.  O desafio mais esperado da ronda é o “derby” entre a líder da prova, a Liga Desportiva, e o Desportivo. É uma partida agendada para domingo na Matola e aguardada com enorme expectativa, pois pode ser decisiva no que às contas do título diz respeito.  É que uma vitória dos “mu (...)
18.Set.14

FER. BEIRA, 4-E.VERMELHA, 1: Afinal era um susto

Vaxko Zakarias
VERDADE seja dita: o Ferroviário da Beira entrou de rompante, a puxar de si os galões de que milita no escalão maior do futebol nacional e, por isso, juntando-se ao facto de estar a jogar em sua casa e diante do seu público, tinha a obrigação de mandar. E mandou, efectivamente.  Foram precisos cinco minutos de total sufoco para que os ‘alaranjados’ conseguissem chegar à baliza do seu adversário. Aos 31 minutos o Ferroviário chegou ao primeiro golo através de Reinildo, (...)
18.Set.14

HCB trava Liga

Vaxko Zakarias
O HCB travou na tarde de ontem a Liga Desportiva no seu próprio reduto, ao empatar sem abertura de contagem em jogo em atraso da 20.ª jornada do Moçambola-2014. O resultado coloca os campeões nacionais na “corda-bamba”, ou seja, com a revalidação do título cada vez mais tremida.Com o nulo de ontem a Liga viu-se com apenas dois pontos de vantagem sobre o segundo classificado, o Ferroviário de Nampula, numa altura em que restam cinco jornadas para o fim do campeonato.O embate foi (...)
16.Set.14

TÊXTIL DO PÚNGUÈ, 1- COSTA DO SOL, 1: Atenção às contas dos "fabris"!!

Vaxko Zakarias
  É VERDADE. A cada jogo as contas vão-se complicando por parte da família “fabril” em termos de manutenção na alta-roda do futebol nacional. Com uma mão cheia de oportunidades perante o seu público, o Têxtil não conseguiu levar de vencida a turma “canarinha”.  Apesar de o Costa do Sol ter entrado com o golo logo aos cinco minutos, os dois conjuntos parece que combinaram o resultado pela forma como abordaram o jogo durante os 90 minutos, empatando em todos os aspectos, (...)
16.Set.14

Luta pela sobrevivência mais renhida

Vaxko Zakarias
A LUTA pela sobrevivência no Moçambola está cada vez mais renhida depois da realização da 21.ª jornada no último fim-de-semana.  É que neste momento são três equipas que partilham o último lugar, nomeadamente o Ferroviário de Pemba, na cauda, o Estrela Vermelha da Beira, penúltimo, e Têxtil do Púnguè, antepenúltimo, todos com 18 pontos. Mais acima estão os Ferroviários de Maputo e de Quelimane, ambos com 22 pontos. Com se pode depreender, a concorrência é maior e as (...)
16.Set.14

HCB- 4, - CHIBUTO - 1: Apenas fulminados no Songo

Vaxko Zakarias
O GRUPO Desportivo da Hidroeléctrica de Cahora-Bassa (HCB) protagonizou na tarde de domingo no seu campo, na vila do Songo, uma goleada ao Chibuto de quatro bolas a uma, num dia em que a dupla técnica zambiana esteve fora do banco, e Orlando Assupainho, um dos adjuntos assegurou bem a equipa.  Foi uma tarde alegre no Estádio 27 de Novembro em que os hidroeléctricos entraram para o jogo entusiasmados com um caudal ofensivo caracterizado por jogadas em grupo o que desequilibrou o meio (...)