Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

centro de documentação e informação desportiva de moçambique

Este blog tem como objectivo difundir a documentação de carácter desportivo

centro de documentação e informação desportiva de moçambique

Este blog tem como objectivo difundir a documentação de carácter desportivo

05.Jan.10

FMB vai a eleições em Fevereiro

id="BLOGGER_PHOTO_ID_5423218200760134786" />

José Ferrete, Comissário da FIBA-ÁFRICA, é uma das figuras que reúnem consenso para dirigir a FMB.

É já no próximo dia 20 de Fevereiro que terá lugar a assembléia-geral da Federação Moçambicana de Basquetebol (FMB), acto que irá culminar com a eleição de novos corpos directivos desta agremiação para o período 2010/2014. Durante a assembleia-geral, serão ainda analisados os relatórios de contas e actividades do elenco encabeçado por Ilídio Caifaz, cujo mandato terminou em Junho de 2009.

Segundo apurámos, os interessados em se candidatar à presidência da FMB deverão manifestar-se até 30 dias antes da realização do escrutínio. Para já, segundo Renato Bambo, secretário-geral da Federação Moçambicana de Basquetebol, ninguém se manifestou oficialmente interessado em se candidatar à sucessão de Ilídio Caifaz.

Contudo, segundo apurou o nosso jornal, existe no seio dos amantes do basquetebol moçambicano um movimento que pretende convencer José Ferrete, comissário da FIBA-ÁFRICA, a avançar com a sua candidatura.

Ferrete, entendem os mesmos, constitui a pessoa indicada para levar a bom porto esta agremiação, até porque desenvolveu um bom trabalho quando foi presidente da Comissão Instaladora da Liga Nacional de Basquetebol Vodacom.

Por outro lado, fala-se que Carlos Lima, presidente da Associação de Basquetebol da Cidade de Maputo (ABCM), é outro dos rostos ligados à modalidade que poderá candidatar-se à presidência da FMB. Lima, que desenvolveu um trabalho notável nos departamentos de basquetebol da Académica e Ferroviário de Maputo, iniciou recentemente um trabalho de introdução de novas provas no calendário basquetebolístico a nível da capital do país.

“NACIONAL” DE SENIORES FEMININOS TAMBÉM EM FEVEREIRO

Está confirmado. O Campeonato Nacional de Basquetebol Sénior Feminino, prova que devia ter tido lugar ano passado, terá lugar de 19 a 26 de Fevereiro próximo, segundo um comunicado da FMB enviado à nossa redação.

A FMB explica, numa das passagens do documento, que adiou a prova por não ter recebido propostas das associações provinciais para o acolhimento da prova.

A FMB diz ainda que, somente a Associação de Basquetebol da Cidade de Maputo, presidida por Carlos Lima, indicou os nomes dos seus representantes na prova, nomeadamente, Desportivo, A Politécnica, Maxaquene e Ferroviário de Maputo.

Refira-se que ano passado, mesmo com o apelo de quem de direito no sentido de não avançar com a realização de um Campeonato Nacional com apenas duas equipas, porque tal viola a lei, a Federação Moçambicana de Basquetebol organizou a competição com a participação de apenas Desportivo de Maputo e A Politécnica.

O Ferroviário de Maputo e Maxaquene, duas equipas que também estavam apuradas para o certame, recusaram-se a participar por não concordarem com o procedimento desta agremiação.
05.Jan.10

FMB vai a eleições em Fevereiro

id="BLOGGER_PHOTO_ID_5423218200760134786" />

José Ferrete, Comissário da FIBA-ÁFRICA, é uma das figuras que reúnem consenso para dirigir a FMB.

É já no próximo dia 20 de Fevereiro que terá lugar a assembléia-geral da Federação Moçambicana de Basquetebol (FMB), acto que irá culminar com a eleição de novos corpos directivos desta agremiação para o período 2010/2014. Durante a assembleia-geral, serão ainda analisados os relatórios de contas e actividades do elenco encabeçado por Ilídio Caifaz, cujo mandato terminou em Junho de 2009.

Segundo apurámos, os interessados em se candidatar à presidência da FMB deverão manifestar-se até 30 dias antes da realização do escrutínio. Para já, segundo Renato Bambo, secretário-geral da Federação Moçambicana de Basquetebol, ninguém se manifestou oficialmente interessado em se candidatar à sucessão de Ilídio Caifaz.

Contudo, segundo apurou o nosso jornal, existe no seio dos amantes do basquetebol moçambicano um movimento que pretende convencer José Ferrete, comissário da FIBA-ÁFRICA, a avançar com a sua candidatura.

Ferrete, entendem os mesmos, constitui a pessoa indicada para levar a bom porto esta agremiação, até porque desenvolveu um bom trabalho quando foi presidente da Comissão Instaladora da Liga Nacional de Basquetebol Vodacom.

Por outro lado, fala-se que Carlos Lima, presidente da Associação de Basquetebol da Cidade de Maputo (ABCM), é outro dos rostos ligados à modalidade que poderá candidatar-se à presidência da FMB. Lima, que desenvolveu um trabalho notável nos departamentos de basquetebol da Académica e Ferroviário de Maputo, iniciou recentemente um trabalho de introdução de novas provas no calendário basquetebolístico a nível da capital do país.

“NACIONAL” DE SENIORES FEMININOS TAMBÉM EM FEVEREIRO

Está confirmado. O Campeonato Nacional de Basquetebol Sénior Feminino, prova que devia ter tido lugar ano passado, terá lugar de 19 a 26 de Fevereiro próximo, segundo um comunicado da FMB enviado à nossa redação.

A FMB explica, numa das passagens do documento, que adiou a prova por não ter recebido propostas das associações provinciais para o acolhimento da prova.

A FMB diz ainda que, somente a Associação de Basquetebol da Cidade de Maputo, presidida por Carlos Lima, indicou os nomes dos seus representantes na prova, nomeadamente, Desportivo, A Politécnica, Maxaquene e Ferroviário de Maputo.

Refira-se que ano passado, mesmo com o apelo de quem de direito no sentido de não avançar com a realização de um Campeonato Nacional com apenas duas equipas, porque tal viola a lei, a Federação Moçambicana de Basquetebol organizou a competição com a participação de apenas Desportivo de Maputo e A Politécnica.

O Ferroviário de Maputo e Maxaquene, duas equipas que também estavam apuradas para o certame, recusaram-se a participar por não concordarem com o procedimento desta agremiação.
05.Jan.10

CAN ANGOLA-2010: “Mambas” desembarcam em Luanda na sexta-feira

id="BLOGGER_PHOTO_ID_5423177154354151458" />

A SELECÇÃO moçambicana, que se encontra a efectuar um estágio competitivo na cidade sul-africana de Bloemfontein, desembarca em Luanda na sexta-feira, num voo comercial da “South African Airways” (SAA), com partida de Joanesburgo.

Significa isto que os “Mambas” estarão em Angola dois dias antes da abertura da 27ª edição do Campeonato Africano das Nações de 2010, a acontecer domingo, no novo Estádio 11 de Novembro, em Luanda.

De acordo com as previsões, a Selecção Nacional não sairá do Aeroporto Internacional 4 de Fevereiro, na capital angolana, pois imediatamente seguirá viagem para Benguela, a cidade-sede do Grupo “C”, onde se encontra juntamente com o Egipto, Nigéria e Benin.

No seu programa de trabalho em Bloemfontein a turma orientada por Mart Nooij cumpriu ontem e hoje sessões de treino, estando amanhã reservado o segundo embate – mais a sério, conforme destaca a equipa técnica – com o Gabão, outra selecção a estagiar em terras sul-africanas e que no CAN está adstrito ao Grupo “D”, em Lubango, com os Camarões, Tunísia e Zâmbia.

Numa partida menos puxada, realizada na tarde de domingo, Moçambique perdeu diante do Gabão por uma bola sem resposta, coincidentemente, o mesmo resultado que obteve nos embates anteriores, frente ao Malawi, no Songo, em Tete, e à Zâmbia, em Joanesburgo.

Os “Mambas” deixam Bloemfontein ao fim da tarde de quinta-feira rumo à capital do rand, onde irão pernoitar. Por volta das 11.00 horas de sexta embarcam com destino a Luanda, já com a delegação completa, uma vez que alguns dirigentes da Federação Moçambicana de Futebol só se juntarão à equipa nessa altura. Em Benguela, a selecção estará alojada no Hotel Tropicana, no Lobito, uma cidade-satélite ao estilo de Matola em relação a Maputo e que fica a cerca de 30 quilómetros de Benguela.

A cinco dias do arranque do CAN, as selecções já começam a chegar ao “teatro das operações”. Burkina Faso foi a primeira equipa a chegar, no dia 31 de Dezembro, estando já em Cabinda, sede do Grupo “B”, onde tem como adversários Costa do Marfim, Gana e Togo.

Os angolanos, anfitriões da prova, que no domingo empataram 1-1 com a Gâmbia, no epílogo do seu estágio no Algarve, em Portugal, eram esperados ontem em Luanda, enquanto as “Super Águias” da Nigéria desembarcam amanhã, após alguns dias de concentração na África do Sul.

A seguir será a vez das formações do Gana, também a partir da África do Sul, e da Argélia, que se encontra na cidade francesa de Marselha. A última selecção a pisar o solo angolano será a dos Camarões, na segunda-feira, um dia depois do início da competição.
05.Jan.10

CAN ANGOLA-2010: “Mambas” desembarcam em Luanda na sexta-feira

id="BLOGGER_PHOTO_ID_5423177154354151458" />

A SELECÇÃO moçambicana, que se encontra a efectuar um estágio competitivo na cidade sul-africana de Bloemfontein, desembarca em Luanda na sexta-feira, num voo comercial da “South African Airways” (SAA), com partida de Joanesburgo.

Significa isto que os “Mambas” estarão em Angola dois dias antes da abertura da 27ª edição do Campeonato Africano das Nações de 2010, a acontecer domingo, no novo Estádio 11 de Novembro, em Luanda.

De acordo com as previsões, a Selecção Nacional não sairá do Aeroporto Internacional 4 de Fevereiro, na capital angolana, pois imediatamente seguirá viagem para Benguela, a cidade-sede do Grupo “C”, onde se encontra juntamente com o Egipto, Nigéria e Benin.

No seu programa de trabalho em Bloemfontein a turma orientada por Mart Nooij cumpriu ontem e hoje sessões de treino, estando amanhã reservado o segundo embate – mais a sério, conforme destaca a equipa técnica – com o Gabão, outra selecção a estagiar em terras sul-africanas e que no CAN está adstrito ao Grupo “D”, em Lubango, com os Camarões, Tunísia e Zâmbia.

Numa partida menos puxada, realizada na tarde de domingo, Moçambique perdeu diante do Gabão por uma bola sem resposta, coincidentemente, o mesmo resultado que obteve nos embates anteriores, frente ao Malawi, no Songo, em Tete, e à Zâmbia, em Joanesburgo.

Os “Mambas” deixam Bloemfontein ao fim da tarde de quinta-feira rumo à capital do rand, onde irão pernoitar. Por volta das 11.00 horas de sexta embarcam com destino a Luanda, já com a delegação completa, uma vez que alguns dirigentes da Federação Moçambicana de Futebol só se juntarão à equipa nessa altura. Em Benguela, a selecção estará alojada no Hotel Tropicana, no Lobito, uma cidade-satélite ao estilo de Matola em relação a Maputo e que fica a cerca de 30 quilómetros de Benguela.

A cinco dias do arranque do CAN, as selecções já começam a chegar ao “teatro das operações”. Burkina Faso foi a primeira equipa a chegar, no dia 31 de Dezembro, estando já em Cabinda, sede do Grupo “B”, onde tem como adversários Costa do Marfim, Gana e Togo.

Os angolanos, anfitriões da prova, que no domingo empataram 1-1 com a Gâmbia, no epílogo do seu estágio no Algarve, em Portugal, eram esperados ontem em Luanda, enquanto as “Super Águias” da Nigéria desembarcam amanhã, após alguns dias de concentração na África do Sul.

A seguir será a vez das formações do Gana, também a partir da África do Sul, e da Argélia, que se encontra na cidade francesa de Marselha. A última selecção a pisar o solo angolano será a dos Camarões, na segunda-feira, um dia depois do início da competição.
05.Jan.10

CAN ANGOLA-2010 - Divulgada lista dos árbitros e assistentes: África do Sul com mais representantes

id="BLOGGER_PHOTO_ID_5423174583913105618" />

A CONFEDERAÇÃO Africana de Futebol (CAF) divulgou, ontem, a lista dos árbitros e dos assistentes que actuarão nos 32 jogos do CAN Angola-2010.

A África do Sul, que não se apurou para esta competição, terá o maior número de representantes, três: os árbitros Daniel Bennett e Jerome Damon e o assistente Enock Molefe.

Da anfitriã Angola, foram convocados o árbitro Hélder Martins de Carvalho e o assistente Inácio Cândido Manuel.

A lista completa dos árbitros é a seguinte:

Hélder Martins de Carvalho (Angola), Eddy Maillet (Ilhas Seychelles), Koman Coulibaly (Mali), Jerome Damon (África do Sul), Mohamed Benouza (Argélia), Koffi Codjia (Benin), Fatah Essam Abdel (Egipto), Diatta Badara (Senegal), Kokou Djaoupe (Togo), Rajindraparsad Seechurn (Ilhas Maurícias), Kacem Bennaceur (Tunísia), Muhmed Ssegonga (Uganda), Daniel Bennett (África do Sul), Khalid Abdel Rahman (Sudão), Desire Doue Normandiez (Costa do Marfim) e Ibrahim (Arábia Saudita).

Árbitros assistentes: Inácio Cândido Manuel (Angola), Celestin Ntagungira (Ruanda), Evarist Menkouande (Camarões), Enock Molefe (África do Sul), Nasser Abdel Naby (Egipto), Redouane Achik (Marrocos), Angessom Ogbamariam (Eritreia), Bechir Hassani (Tunísia), Kenneth Chichenga (Zâmbia), Desire Gahungu (Burundi), Ayuba Haruna (Gana), Moffat Champiti (Malawi), Peter Edibe (Nigéria), Fooad El Maghrabi (Líbia), Mohammed Al Ghamdi (Arábia Saudita) e Kamranifar Hassan (Irão).
05.Jan.10

CAN ANGOLA-2010 - Divulgada lista dos árbitros e assistentes: África do Sul com mais representantes

id="BLOGGER_PHOTO_ID_5423174583913105618" />

A CONFEDERAÇÃO Africana de Futebol (CAF) divulgou, ontem, a lista dos árbitros e dos assistentes que actuarão nos 32 jogos do CAN Angola-2010.

A África do Sul, que não se apurou para esta competição, terá o maior número de representantes, três: os árbitros Daniel Bennett e Jerome Damon e o assistente Enock Molefe.

Da anfitriã Angola, foram convocados o árbitro Hélder Martins de Carvalho e o assistente Inácio Cândido Manuel.

A lista completa dos árbitros é a seguinte:

Hélder Martins de Carvalho (Angola), Eddy Maillet (Ilhas Seychelles), Koman Coulibaly (Mali), Jerome Damon (África do Sul), Mohamed Benouza (Argélia), Koffi Codjia (Benin), Fatah Essam Abdel (Egipto), Diatta Badara (Senegal), Kokou Djaoupe (Togo), Rajindraparsad Seechurn (Ilhas Maurícias), Kacem Bennaceur (Tunísia), Muhmed Ssegonga (Uganda), Daniel Bennett (África do Sul), Khalid Abdel Rahman (Sudão), Desire Doue Normandiez (Costa do Marfim) e Ibrahim (Arábia Saudita).

Árbitros assistentes: Inácio Cândido Manuel (Angola), Celestin Ntagungira (Ruanda), Evarist Menkouande (Camarões), Enock Molefe (África do Sul), Nasser Abdel Naby (Egipto), Redouane Achik (Marrocos), Angessom Ogbamariam (Eritreia), Bechir Hassani (Tunísia), Kenneth Chichenga (Zâmbia), Desire Gahungu (Burundi), Ayuba Haruna (Gana), Moffat Champiti (Malawi), Peter Edibe (Nigéria), Fooad El Maghrabi (Líbia), Mohammed Al Ghamdi (Arábia Saudita) e Kamranifar Hassan (Irão).
05.Jan.10

CAN ANGOLA-2010: Cerimónia de abertura com música e dança

id="BLOGGER_PHOTO_ID_5423171686670841970" />
O COMITÉ Organizador da 27ª edição do Campeonato Africano das Nações Angola-2010 anunciou a programação completa da cerimónia de abertura da competição, no próximo domingo, no Estádio 11 de Novembro, em Luanda. A cerimónia oficial de abertura começa às 18.45 horas locais (19.45 de Maputo).

Haverá entoação do hino da Confederação Africana de Futebol (CAF), discurso do seu presidente, o camaronês Issa Hayatou, e declaração de abertura da prova, pelo Presidente da República de Angola, José Eduardo dos Santos.

O espectáculo cultural da cerimónia de abertura realçará a História e as potencialidades angolanas. “O grande tema é Angola, país de futuro: ontem, hoje e amanhã”, disse Manuel Sebastião, director da Cultura de Luanda e coordenador técnico do Ministério da Cultura para o CAN.

As coreografias, com 2300 figurinos, vão expressar artisticamente a escravatura, a luta pela libertação e a proclamação da independência de Angola, para além das potencialidades do país e o esforço de reconstrução nacional.

A organização de toda a cerimónia de abertura, com respeito à tecnologia de som, imagem e luz, está sob a responsabilidade da empresa de eventos Cunha Vaz. Segundo Vicente Carvalho, coordenador-geral da empresa, 100 técnicos estrangeiros e 100 técnicos angolanos estão a trabalhar para o êxito da festa.

Às 20.00 horas locais (21.00 de Maputo), depois da saudação das equipas pelo Presidente José Eduardo dos Santos, pelo Ministro da Juventude e Desportos de Angola, Gonçalves Muandumba, pelo Presidente da CAF, Issa Hayatou, e pelo Presidente da Federação Angolana de Futebol, Justino Fernandes, inicia-se o jogo inaugural, entre Angola e Mali, referente ao Grupo “A”.

O adepto que chegar antes do início da cerimónia de abertura poderá assistir o festival gimnodesportivo a partir das 17.30 horas.
05.Jan.10

CAN ANGOLA-2010: Cerimónia de abertura com música e dança

id="BLOGGER_PHOTO_ID_5423171686670841970" />
O COMITÉ Organizador da 27ª edição do Campeonato Africano das Nações Angola-2010 anunciou a programação completa da cerimónia de abertura da competição, no próximo domingo, no Estádio 11 de Novembro, em Luanda. A cerimónia oficial de abertura começa às 18.45 horas locais (19.45 de Maputo).

Haverá entoação do hino da Confederação Africana de Futebol (CAF), discurso do seu presidente, o camaronês Issa Hayatou, e declaração de abertura da prova, pelo Presidente da República de Angola, José Eduardo dos Santos.

O espectáculo cultural da cerimónia de abertura realçará a História e as potencialidades angolanas. “O grande tema é Angola, país de futuro: ontem, hoje e amanhã”, disse Manuel Sebastião, director da Cultura de Luanda e coordenador técnico do Ministério da Cultura para o CAN.

As coreografias, com 2300 figurinos, vão expressar artisticamente a escravatura, a luta pela libertação e a proclamação da independência de Angola, para além das potencialidades do país e o esforço de reconstrução nacional.

A organização de toda a cerimónia de abertura, com respeito à tecnologia de som, imagem e luz, está sob a responsabilidade da empresa de eventos Cunha Vaz. Segundo Vicente Carvalho, coordenador-geral da empresa, 100 técnicos estrangeiros e 100 técnicos angolanos estão a trabalhar para o êxito da festa.

Às 20.00 horas locais (21.00 de Maputo), depois da saudação das equipas pelo Presidente José Eduardo dos Santos, pelo Ministro da Juventude e Desportos de Angola, Gonçalves Muandumba, pelo Presidente da CAF, Issa Hayatou, e pelo Presidente da Federação Angolana de Futebol, Justino Fernandes, inicia-se o jogo inaugural, entre Angola e Mali, referente ao Grupo “A”.

O adepto que chegar antes do início da cerimónia de abertura poderá assistir o festival gimnodesportivo a partir das 17.30 horas.
05.Jan.10

CAN ANGOLA-2010: Alain Giresse já divulgou a lista: Apenas quatro gaboneses actuam no seu campeonato

id="BLOGGER_PHOTO_ID_5423169379093125186" />

O TREINADOR do Gabão, o francês Alain Giresse, publicou a lista dos 23 jogadores convocados para Angola. Os “Panteras”, que ontem defrontaram Moçambique em Bloemfontein, também escolheram África do Sul para o seu estágio

Dos convocados, apenas quatro futebolistas actuam no campeonato do seu país, enquanto os restantes se repartem entre África, Europa e Ásia. A lista é a seguinte:

Guarda-redes - Didier Ovono Ebang (Le Mans/França), Yves Bitseki Moto (US Bitam/Gabão), Claude Boris Nguema (Telestars FC/Gabão), Georges Ambourouet (Makedonija Skopje/Macedónia), Erwin Nguema (Coton Sport Garoua/Camarões).

Defesas - Bruno Ecuele Manga (Angers/França), Rodrigue Moudounga (Mangasport/Gabão), Ernest Akouassaga (Nantes/França), Arsène do Marcolino (Les Herbiers/França), Moïse Brou Apanga (Stade Brestois/França).

Médios - Jean Stéphane Yessi Achi Aman (Mangasport/Gabão), Alain Djissikadie (TP Mazembe Englebert/RD Congo), Stéphane Nguema (Rennes/França), Bruno Zita Mbanangoye (Sivasspor/Turquia), Cédric Moubamba (Dhofar/Oman), Thierry Issiemou (US Monastir/Tunísia), Paul Ulrich Kessany (Istres/França).

Avançados - Daniel Cousin (Hull City/Inglaterra), Pierre-Emerick Aubameyang (Lille/França), Willy Aubameyang (Eupen/Bélgica), Fabrice do Marcolino (Laval/França), Roguy Meyé (Ankaraspor/Turquia), Eric Mouloungui (Nice/França).
05.Jan.10

CAN ANGOLA-2010: Alain Giresse já divulgou a lista: Apenas quatro gaboneses actuam no seu campeonato

id="BLOGGER_PHOTO_ID_5423169379093125186" />

O TREINADOR do Gabão, o francês Alain Giresse, publicou a lista dos 23 jogadores convocados para Angola. Os “Panteras”, que ontem defrontaram Moçambique em Bloemfontein, também escolheram África do Sul para o seu estágio

Dos convocados, apenas quatro futebolistas actuam no campeonato do seu país, enquanto os restantes se repartem entre África, Europa e Ásia. A lista é a seguinte:

Guarda-redes - Didier Ovono Ebang (Le Mans/França), Yves Bitseki Moto (US Bitam/Gabão), Claude Boris Nguema (Telestars FC/Gabão), Georges Ambourouet (Makedonija Skopje/Macedónia), Erwin Nguema (Coton Sport Garoua/Camarões).

Defesas - Bruno Ecuele Manga (Angers/França), Rodrigue Moudounga (Mangasport/Gabão), Ernest Akouassaga (Nantes/França), Arsène do Marcolino (Les Herbiers/França), Moïse Brou Apanga (Stade Brestois/França).

Médios - Jean Stéphane Yessi Achi Aman (Mangasport/Gabão), Alain Djissikadie (TP Mazembe Englebert/RD Congo), Stéphane Nguema (Rennes/França), Bruno Zita Mbanangoye (Sivasspor/Turquia), Cédric Moubamba (Dhofar/Oman), Thierry Issiemou (US Monastir/Tunísia), Paul Ulrich Kessany (Istres/França).

Avançados - Daniel Cousin (Hull City/Inglaterra), Pierre-Emerick Aubameyang (Lille/França), Willy Aubameyang (Eupen/Bélgica), Fabrice do Marcolino (Laval/França), Roguy Meyé (Ankaraspor/Turquia), Eric Mouloungui (Nice/França).
05.Jan.10

Ferroviário abre “oficina” sem reforços de peso

id="BLOGGER_PHOTO_ID_5423167976516712178" />

AS férias para os jogadores do Ferroviário de Maputo foram mais curtas comparativamente aos das restantes equipas, visto que iniciaram ontem a sua preparação para as provas que se avizinham:

Campeonato Nacional e Taça de Moçambique, as mais importantes a nível interno, e a Liga dos Campeões Africanos de Futebol, o grande desafio dos “locomotivas” no campo internacional. Aliás, é devido à participação nas Afrotaças que os campeões nacionais foram os primeiros a abrirem a “oficina”, se se atender que têm o primeiro embate agendado para 13/14 de Fevereiro.

A primeira sessão de treinos dos “locomotivas” decorreu num ambiente alegre e num ritmo de descompressão. Face à ausência de Chiquinho Conde, a passar férias em Portugal, o técnico-adjunto Caló orientou a equipa e dividiu-a em dois grupos, que numa peladinha de meia hora foi tirando as ilações da actual condição física dos jogadores. O empenho de todos foi notável, afinal é nesta fase (pré-época) que cada jogador luta por um lugar no plantel. Quem ficou, seguramente, agradado com esta concorrência é a equipa técnica que provavelmente terá dificuldades em compor os 25 atletas, número que se pretende venha a formar o plantel de 2010.

CARAS NOVAS À EXPERIÊNCIA

O campeão nacional abriu a “oficina” e como não podia deixar de ser houve algumas caras novas. Mas não há nenhuma que salta à vista pelo menos em termos de nomes. Ao todo são sete os jogadores que fazem parte do grupo do Ferroviário da pré-época.

Mas os jovens Valdo e Arlindo, idos do Mahafil e Académica, respectivamente, são os que pela primeira vez vestem a camisola do Ferroviário de Maputo, já que os outros cinco regressam após terem estado por empréstimo aos ferroviários de Nampula e Inhambane.

Os juniores também tiveram espaço para se mostrarem num treino que Caló chamou de avaliação de esforço.

LUÍS NÃO TREINOU

O avançado Luís, uma das unidades nucleares do ataque, melhor marcador do Moçambola 2008, não participou na primeira sessão de treinos devido a uma lesão no dedo do pé. Mas amanhã o “artilheiro” poderá estar em condições de calçar as chuteiras e fazer-se ao relvado do campo do Ferroviário da Baixa.

À semelhança de Luís, mas por outros motivos, estiveram ausentes os internacionais Danito Parruque, Momed Hagy e Whisky, todos ao serviço dos “Mambas”, que se prepararam na África do Sul tendo em vista o CAN. Ao contrário de Luís, é bem provável que o corpo técnico, que ficará completo na próxima semana com a chegada de Chiquinho Conde, não conte por um bom período com alguns jogadores preponderantes que estarão no CAN, que só termina em finais deste mês.

No quadro da sua preparação, o Ferroviário, que terá como adversário o Mitsamiouli, das Comores, tem agendado um estágio na África do Sul a partir do dia 13 de Janeiro, portanto na próxima quarta-feira.

Segundo Caló, é desejo da equipa técnica que o plantel já esteja formado para a partir daí começar-se a trabalhar com aqueles que realmente formarão o plantel “locomotiva”.

“Chiquinho Conde deve chegar na segunda-feira. Aguardamos por ele para melhor decidirmos esses aspectos ligados à formação do plantel. Mas é certo que andemos nos 25 jogadores e é com este grupo, que queremos trabalhar, depois desta semana que estaremos a avaliar os novatos”.

Em relação aos reforços de “peso”, este afirmou que o departamento de futebol está a trabalhar nesse sentido.
05.Jan.10

Ferroviário abre “oficina” sem reforços de peso

id="BLOGGER_PHOTO_ID_5423167976516712178" />

AS férias para os jogadores do Ferroviário de Maputo foram mais curtas comparativamente aos das restantes equipas, visto que iniciaram ontem a sua preparação para as provas que se avizinham:

Campeonato Nacional e Taça de Moçambique, as mais importantes a nível interno, e a Liga dos Campeões Africanos de Futebol, o grande desafio dos “locomotivas” no campo internacional. Aliás, é devido à participação nas Afrotaças que os campeões nacionais foram os primeiros a abrirem a “oficina”, se se atender que têm o primeiro embate agendado para 13/14 de Fevereiro.

A primeira sessão de treinos dos “locomotivas” decorreu num ambiente alegre e num ritmo de descompressão. Face à ausência de Chiquinho Conde, a passar férias em Portugal, o técnico-adjunto Caló orientou a equipa e dividiu-a em dois grupos, que numa peladinha de meia hora foi tirando as ilações da actual condição física dos jogadores. O empenho de todos foi notável, afinal é nesta fase (pré-época) que cada jogador luta por um lugar no plantel. Quem ficou, seguramente, agradado com esta concorrência é a equipa técnica que provavelmente terá dificuldades em compor os 25 atletas, número que se pretende venha a formar o plantel de 2010.

CARAS NOVAS À EXPERIÊNCIA

O campeão nacional abriu a “oficina” e como não podia deixar de ser houve algumas caras novas. Mas não há nenhuma que salta à vista pelo menos em termos de nomes. Ao todo são sete os jogadores que fazem parte do grupo do Ferroviário da pré-época.

Mas os jovens Valdo e Arlindo, idos do Mahafil e Académica, respectivamente, são os que pela primeira vez vestem a camisola do Ferroviário de Maputo, já que os outros cinco regressam após terem estado por empréstimo aos ferroviários de Nampula e Inhambane.

Os juniores também tiveram espaço para se mostrarem num treino que Caló chamou de avaliação de esforço.

LUÍS NÃO TREINOU

O avançado Luís, uma das unidades nucleares do ataque, melhor marcador do Moçambola 2008, não participou na primeira sessão de treinos devido a uma lesão no dedo do pé. Mas amanhã o “artilheiro” poderá estar em condições de calçar as chuteiras e fazer-se ao relvado do campo do Ferroviário da Baixa.

À semelhança de Luís, mas por outros motivos, estiveram ausentes os internacionais Danito Parruque, Momed Hagy e Whisky, todos ao serviço dos “Mambas”, que se prepararam na África do Sul tendo em vista o CAN. Ao contrário de Luís, é bem provável que o corpo técnico, que ficará completo na próxima semana com a chegada de Chiquinho Conde, não conte por um bom período com alguns jogadores preponderantes que estarão no CAN, que só termina em finais deste mês.

No quadro da sua preparação, o Ferroviário, que terá como adversário o Mitsamiouli, das Comores, tem agendado um estágio na África do Sul a partir do dia 13 de Janeiro, portanto na próxima quarta-feira.

Segundo Caló, é desejo da equipa técnica que o plantel já esteja formado para a partir daí começar-se a trabalhar com aqueles que realmente formarão o plantel “locomotiva”.

“Chiquinho Conde deve chegar na segunda-feira. Aguardamos por ele para melhor decidirmos esses aspectos ligados à formação do plantel. Mas é certo que andemos nos 25 jogadores e é com este grupo, que queremos trabalhar, depois desta semana que estaremos a avaliar os novatos”.

Em relação aos reforços de “peso”, este afirmou que o departamento de futebol está a trabalhar nesse sentido.
05.Jan.10

Fase final do Bebec: Chamanculo de novo em destaque

id="BLOGGER_PHOTO_ID_5423166345122653986" />

A FORMAÇÃO do Bairro do Chamanculo voltou a evidenciar-se ontem, derrotando Urbanização por duas bolas sem concorrência no decurso da segunda jornada da fase final da XXI edição do Torneio de Futebol Infanto-Juvenil, vulgo Bebec.

Com este resultado, Chamanculo assume-se como favorito à transição para os quartos-de-final na série A masculina.

No entanto, o resultado mais expressivo da ronda pertenceu a Inhagóia e a vítima foi Mahlazine (4-1). Inhagóia sente-se esperançado após este triunfo, pois teve igualmente uma estreia brilhante frente a Mavalane, tendo vencido por uma bola, na série B.

Em femininos, a campeã Hulene redimiu-se com a vitória sobre Polana-Caniço, por 1-0, depois do empate na estreia com o Ferroviário das Mahotas, isto na série B.

O Ferroviário das Mahotas é que mereceu grandes elogios da jornada dois, pois “esmagou” 3 de Fevereiro por 6-0. Ambos estão igualmente inseridos na série B.

Entretanto, a equipa do Bairro de Inguide (Catembe) não compareceu novamente em campo, facto que obrigou a organização a considerar a sua desistência.

Enquanto isso, Moamba obteve o resultado mais volumoso no torneio que decorre desde ontem a nível da província do Maputo. A vítima foi Namaacha, que não evitou o 11-0. Magude A não perdoou igualmente ao seu homónimo B, ao qual venceu por 5-0. Por seu turno, Manhiça cilindrou Marracuene, por 5-1, isto no que respeita à prova de masculinos.

Em femininos, destaca-se a goleada da Matola sobre Marracuene (9-0).

QUADRO DE RESULTADOS

MAPUTO-CIDADE

Série A

Masculinos

Chamanculo-Urbanização (2-0)

G. Dimitrov-Zimpeto (1-1)

Femininos

Unidade 7-Inhagóia (0-2)

Aeroporto-Munhuana (1-0)

25 de Junho-Zimpeto (1-0)

Série B-Masculinos

Inhagóia-Mahlazine (4-1)

Xipamanine-Mavalane (0-1)

Femininos

Hulene-Polana-Caniço (1-0)

3 Fevereiro-Ferroviário (0-6)

Mavalane-Maxaquene (0-0)

Série C

Costa do Sol-Inkassane (2-0)

Polana-Caniço-Malhangalene a)

Série D

Sommerschield-3 de Fevereiro (2-4)

Inhaca-Inguide b)

a) Inguide não apareceu novamente

b) não se realizou devido a chuva

MAPUTO-PROVÍNCIA

ZONA NORTE

Masculinos

Xinavane-Marracuene A (2-1)

Marracuene B-Manhiça (1-5)

Magude A-Magude B (5-1)

Femininos

Marracuene-Matola (0-9)

Manhiça-Magude (2-1)

ZONA CENTRO

Masculinos

Matola-Infulene (2-4)

Machava-Matutuine (2-1)

Femininos

Matutuíne-Namaacha (V-FC)

ZONA SUL

Masculinos

Gueguegue-Ressano Garcia (2-1)

Namaacha-Moamba (0-11)

Femininos

Boane-Moamba (0-2)
05.Jan.10

Fase final do Bebec: Chamanculo de novo em destaque

id="BLOGGER_PHOTO_ID_5423166345122653986" />

A FORMAÇÃO do Bairro do Chamanculo voltou a evidenciar-se ontem, derrotando Urbanização por duas bolas sem concorrência no decurso da segunda jornada da fase final da XXI edição do Torneio de Futebol Infanto-Juvenil, vulgo Bebec.

Com este resultado, Chamanculo assume-se como favorito à transição para os quartos-de-final na série A masculina.

No entanto, o resultado mais expressivo da ronda pertenceu a Inhagóia e a vítima foi Mahlazine (4-1). Inhagóia sente-se esperançado após este triunfo, pois teve igualmente uma estreia brilhante frente a Mavalane, tendo vencido por uma bola, na série B.

Em femininos, a campeã Hulene redimiu-se com a vitória sobre Polana-Caniço, por 1-0, depois do empate na estreia com o Ferroviário das Mahotas, isto na série B.

O Ferroviário das Mahotas é que mereceu grandes elogios da jornada dois, pois “esmagou” 3 de Fevereiro por 6-0. Ambos estão igualmente inseridos na série B.

Entretanto, a equipa do Bairro de Inguide (Catembe) não compareceu novamente em campo, facto que obrigou a organização a considerar a sua desistência.

Enquanto isso, Moamba obteve o resultado mais volumoso no torneio que decorre desde ontem a nível da província do Maputo. A vítima foi Namaacha, que não evitou o 11-0. Magude A não perdoou igualmente ao seu homónimo B, ao qual venceu por 5-0. Por seu turno, Manhiça cilindrou Marracuene, por 5-1, isto no que respeita à prova de masculinos.

Em femininos, destaca-se a goleada da Matola sobre Marracuene (9-0).

QUADRO DE RESULTADOS

MAPUTO-CIDADE

Série A

Masculinos

Chamanculo-Urbanização (2-0)

G. Dimitrov-Zimpeto (1-1)

Femininos

Unidade 7-Inhagóia (0-2)

Aeroporto-Munhuana (1-0)

25 de Junho-Zimpeto (1-0)

Série B-Masculinos

Inhagóia-Mahlazine (4-1)

Xipamanine-Mavalane (0-1)

Femininos

Hulene-Polana-Caniço (1-0)

3 Fevereiro-Ferroviário (0-6)

Mavalane-Maxaquene (0-0)

Série C

Costa do Sol-Inkassane (2-0)

Polana-Caniço-Malhangalene a)

Série D

Sommerschield-3 de Fevereiro (2-4)

Inhaca-Inguide b)

a) Inguide não apareceu novamente

b) não se realizou devido a chuva

MAPUTO-PROVÍNCIA

ZONA NORTE

Masculinos

Xinavane-Marracuene A (2-1)

Marracuene B-Manhiça (1-5)

Magude A-Magude B (5-1)

Femininos

Marracuene-Matola (0-9)

Manhiça-Magude (2-1)

ZONA CENTRO

Masculinos

Matola-Infulene (2-4)

Machava-Matutuine (2-1)

Femininos

Matutuíne-Namaacha (V-FC)

ZONA SUL

Masculinos

Gueguegue-Ressano Garcia (2-1)

Namaacha-Moamba (0-11)

Femininos

Boane-Moamba (0-2)
05.Jan.10

Roberto Carlos reforço do Corinthians

id="BLOGGER_PHOTO_ID_5423163221678334722" />
O LATERAL-ESQUERDO Roberto Carlos é o principal reforço do Corinthians para 2010 e foi apresentado oficialmente ontem com muita festa no Parque São Jorge

Depois de entrar no relvado saudou os sócios e adeptos e deu uma volta completa pelo campo.

Saudado efusivamente pelo público, mais de seis mil, Roberto Carlos recebeu diversas camisas da massa associativa, organizada do Corinthians. O reforço vestiu, porém, apenas a camisa número 6, que será utilizada por ele no clube do Parque São Jorge.

Roberto Carlos está de volta ao futebol brasileiro depois de ficar os últimos 15 anos na Europa - nesse período, passou com enorme sucesso por Inter de Milão, Real Madrid e Fenerbahce.
05.Jan.10

Roberto Carlos reforço do Corinthians

id="BLOGGER_PHOTO_ID_5423163221678334722" />
O LATERAL-ESQUERDO Roberto Carlos é o principal reforço do Corinthians para 2010 e foi apresentado oficialmente ontem com muita festa no Parque São Jorge

Depois de entrar no relvado saudou os sócios e adeptos e deu uma volta completa pelo campo.

Saudado efusivamente pelo público, mais de seis mil, Roberto Carlos recebeu diversas camisas da massa associativa, organizada do Corinthians. O reforço vestiu, porém, apenas a camisa número 6, que será utilizada por ele no clube do Parque São Jorge.

Roberto Carlos está de volta ao futebol brasileiro depois de ficar os últimos 15 anos na Europa - nesse período, passou com enorme sucesso por Inter de Milão, Real Madrid e Fenerbahce.