Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

centro de documentação e informação desportiva de moçambique

Este blog tem como objectivo difundir a documentação de carácter desportivo

centro de documentação e informação desportiva de moçambique

Este blog tem como objectivo difundir a documentação de carácter desportivo

Francisco Mabjaia, timoneiro da Federação de Basquetebol

FRANCISCO Mabjaia, presidente da Federação Moçambicana de Basquetebol (FMB), crê, com a nomeação de Fernando Sumbana, no maior dinamismo nas acções visando impulsionar o desporto.

 

 

Mabjaia disse ter a sorte de conhecer o novo ministro que, na sua óptica, é uma pessoa muito capaz e experiente em termos de governação.

Acredito que a sua forma de estar e seu empenho vão trazer melhorias para o desporto, ou seja as modalidades vão conhecer uma etapa diferente”, disse, apontando Sumbana como pessoa certa porque conhece a casa, uma vez que substituiu, em 2008, David Simango do cargo de ministro da Juventude e Desporto, que ocupou até 2010.

 

 

É uma pessoa com longa experiência governativa e no movimento associativo desportivo, como dirigente da Federação Moçambicana de Judo. Penso que o desporto vai sair a ganhar”, frisou Mabjaia.  

 

 

Porém, o presidente da FMB não espera mudanças nas políticas e estratégias ao nível do plano do Governo para o desporto.“É preciso compreender que o ministro cessante estava a implementar um programa do Governo e o novo vai, como é lógico, dar continuidade ao processo, pelo que não há espaço para a reformulação do plano desportivo”, observou, ajuntando que acredita sim num novo dinamismo, mas que dependerá muito dos seus colaboradores, curiosamente os mesmos que auxiliaram o ministro cessante.

 

 

Não estou a ver transformações em termos de políticas e estratégias, facto curioso é que esta mudança de liderança calha na altura que se está a trabalhar no plano estratégico para o desporto, pelo que o papel do novo ministro vai incidir na continuidade das acções em curso”, sintetizou.

 

 

 

 

 

Fonte:Jornal Noticias