Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

centro de documentação e informação desportiva de moçambique

Este blog tem como objectivo difundir a documentação de carácter desportivo

centro de documentação e informação desportiva de moçambique

Este blog tem como objectivo difundir a documentação de carácter desportivo

Maputo em peso nos “quartos”

Desportivo de Maputo

A PRIMEIRA fase da Liga Nacional de Basquetebol serviu, mais uma vez, para elucidar o poderio das equipas da cidade do Maputo. Das dez equipas envolvidas na fase de grupos, seis eram da capital do país e todas lograram transitar para os quartos-de-final, a saber: Maxaquene, Desportivo, Ferroviário do Maputo, Costa do Sol, Universidade Pedagógica (UP) e A Politécnica.  

 

 

Os indicadores são claros no que diz respeito à superioridade dos representantes da cidade do Maputo em relação às equipas das províncias. De uma maneira geral, o nível de básquete dos maputenses continua a estar uns bons degraus acima do das restantes formações do resto do país.

 

Embora se procure encontrar um equilíbrio através de uma Liga de Basquetebol mais profissional e regular procurando envolver diversos clubes, o fosso é ainda significativo. A aposta na regularização da competição interna, a nível da própria província ou cidade, é definitivamente a base, o alicerce para a médio e longo prazo, se possa ter “básquete” nas outras províncias.

 

 

O Ferroviário da Beira é a única equipa que vai tentando lutar para quebrar a hegemonia das equipas da capital do país. Com presenças frequentes nas Ligas Nacionais, mostra que a aposta na bola-ao-cesto é séria. À semelhança dos beirenses pede-se que surjam mais formações com a mesma disponibilidade e força, se assim for, a modalidade ganhará mais interesse e competitividade.

 

 

 

 

Fonte:Jornal Noticias

Comentar:

CorretorMais

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.