Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

centro de documentação e informação desportiva de moçambique

Este blog tem como objectivo difundir a documentação de carácter desportivo

centro de documentação e informação desportiva de moçambique

Este blog tem como objectivo difundir a documentação de carácter desportivo

Maxaquene surpreendido nas vésperas do “derby”

Nandinho

QUEM diria? De facto, se numa competição desportiva houvesse lógica, certamente que o que aconteceu quarta-feira à noite, na “catedral”, não teria ocorrido. Porém, porque a lógica não existe, independentemente do peso dos contendores, a verdade manda dizer que o Maxaquene foi surpreendido pela modesta Real Sociedade, que ganhou pela marca de 59-56, no início da segunda volta do Campeonato de Basquetebol da Cidade do Maputo em Seniores Masculinos.

 

Já havíamos chamado a atenção para a emotividade que iria caracterizar a segunda etapa da prova, não somente entre o grupo da frente, isto é, aquele que se digladia pelo título, como também envolvendo os outros participantes no campeonato, que não pretendem ser meros figurantes. E logo na jornada inaugural (oitava da competição), a Real Sociedade travou-se de razões com o “colosso” e logrou conquistar uma vitória que “a priori” estava longe de quaisquer conjecturas.

 

 

Mesmo considerando a ausência do grande estratega Fernando Manjate (Nandinho), os “tricolores” têm razões de sobra para não se recordarem tão já daquilo que lhes aconteceu no seu recinto. Senão vejamos: chegaram a desfrutar de uma confortabilíssima vantagem de 28 pontos, mas deixaram-se adormecer à sombra da bananeira, enquanto a Real Sociedade se agigantava sem temor nenhum. E o resultado disso foi a igualdade ao cabo do tempo regulamentar, para, no prolongamento, a Real Sociedade sair vitoriosa por 59-56, para total perplexidade dos maxaquenenses.

 

 

E esta derrota acontece nas vésperas do “derby” com o seu vizinho Desportivo, marcado para esta noite, a partir das 18.00 horas, no pavilhão dos “tricolores”. Trata-se do desafio de maior cartel da nona jornada do campeonato e com transmissão em directo na Televisão de Moçambique.

 

 

Nos outros jogos de quarta-feira, destaque para a não conclusão do embate entre Desportivo e Ferroviário, interrompido quando decorriam 2.34 minutos do terceiro período, devido ao piso escorregadio no pavilhão do “alvi-negros”, em consequência da chuva que caiu na capital do país. Na altura da interrupção, os “locomotivas” venciam por 32-27. Já o Costa do Sol derrotou Aeroporto pela marca de 63-35 e Universidade Pedagógica bateu A Politécnica por 57-43.

 

 

Entretanto, em relação ao campeonato de seniores femininos, a previsível liderança da Liga Muçulmana no fecho da primeira volta acabou por se concretizar. Com efeito, a turma de Nazir Salé “esmagou” A Politécnica B por 84-17, passando a somar 10 pontos, contra nove de A Politécnica A.

 

 

 

 

Fonte:Jornal Noticias

Comentar:

CorretorEmoji

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.