Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

centro de documentação e informação desportiva de moçambique

Este blog tem como objectivo difundir a documentação de carácter desportivo

centro de documentação e informação desportiva de moçambique

Este blog tem como objectivo difundir a documentação de carácter desportivo

PROVINCIAIS DE FUTEBOL - Chibuto campeão de Gaza

O CLUBE do Chibuto é, desde o pretérito fim-de-semana, campeão provincial de futebol de Gaza, edição 2011, mercê do empate sem abertura de contagem diante do Clube de Gaza, numa partida realizada no “caldeirão” dos “locomotivas” de Xai-Xai.

 

Foi uma partida que valeu apenas pela emoção vivida nas bancadas, quase na totalidade preenchidas pelas cores azul e branca do Clube do Chibuto, que mais parecia estar a jogar no seu campo.

 

 

Os apoiantes do Clube de Gaza decidiram primar pela ausência, pois o desfecho da última jornada do certame não iria mudar o curso dos acontecimentos. Os pupilos de David Matusse cumpriram apenas mais uma ronda na competição, tendo tentado defender a honra do convento.

 

 

Mesmo assim, foram os jogadores da equipa do Chibuto que entraram de rompante e ameaçaram o reduto mais recuado dos gazenses, e mesmo a jogar de forma atabalhoada, pontapés para a frente, estiveram mais próximos de abrir o activo em pelo menos duas ocasiões, particularmente aos 32 minutos, em que o dianteiro Zé viu o seu golo anulado por alegadamente se encontrar em posição irregular.

 

 

Porém, na segunda metade do jogo, a postura dos donos da casa mudou radicalmente, construindo jogadas de bom recorte técnico que, contudo, não encontravam por parte dos atacantes a necessária finalização.

 

 

 

Mesmo a jogar com menos um jogador devido à expulsão de Lalá, por acumulação de cartões amarelos, seria o Clube de Gaza que quando se jogava o último minuto de compensação, através de Agú, quase estragava a festa chibutense, se não fosse o seu mau gesto técnico no cabeceamento, mesmo à boca da baliza defendida por Baía.

 

 

O juiz da partida, Mário Tembe, coadjuvado por José Maria Rachide e Zacarias Chongo, realizou um bom trabalho.

Nas restantes partidas, o Ferroviário de Gaza bateu o Mandlakazi (3-0), Tekamahala perdeu por cinco bolas sem resposta e o Estrela foi derrotado (3-1) pelo Costa do Sol, sendo a primeira e única vitória dos “canarinhos” de Xai-Xai.

 

 

 

 

Fonte:Jornal Noticias

Comentar:

CorretorEmoji

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.