Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

centro de documentação e informação desportiva de moçambique

Este blog tem como objectivo difundir a documentação de carácter desportivo

centro de documentação e informação desportiva de moçambique

Este blog tem como objectivo difundir a documentação de carácter desportivo

Maxaquene em festa!

Capitão Macamito ergue o "canecão" (C. Bernardo)O CLUBE de Desportos da Maxaquene está em festa. Depois de sábado à noite ter conquistado o Campeonato Nacional de Basquetebol Sénior Masculino, ontem arrecadou para as vitrinas a segunda mais importante prova do futebol nacional, a Taça de Moçambique, portanto a nona na sua contabilidade.

 
 

A festa “tricolor” foi de arromba. Começou no sábado e certamente que se prolongará por toda a semana, uma vez que ontem à tarde, os “tricolores” voltaram a sorrir, amealhando mais um troféu, desta feita o da Taça de Moçambique.

 

Com uma moldura humana considerável, a preencher quase que por completo a bancada central do Estádio da Machava, o Maxaquene apenas confirmou o estatuto de melhor equipa numa final inédita com o Vilankulo.

 

Apesar do primeiro tempo ter terminado sem abertura de contagem, o segundo foi todo ele pertença do Maxaquene, que abriu o activo por Eusébio, aos 59 minutos, para fechar por Alvarito, aos 64, num lance de infelicidade para o guarda-redes Fumo, que deixou o esférico escapar-lhe entre as pernas.

 

O Maxaquene já contabiliza nove Taças de Moçambique. Venceu sucessivamente em 1978 (2-0 ao Ferroviário da Beira), em 1982 (1-0 ao Ferroviário de Maputo), em 1986 (2-0 ao Estrela), em 1987 (3-0 ao Palmeiras da Beira), em 1994 (1-0 ao Ferroviário de Maputo), em 1986 (2-1 ao Têxtil do Púnguè), em 1998 (1-0 ao Ferroviário de Maputo), em 2001 (3-1 ao Textáfrica) e em 2010 (2-0 ao Vilankulo FC).

 

Fonte:Jornal Noticias

Comentar:

CorretorEmoji

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.