Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

centro de documentação e informação desportiva de moçambique

Este blog tem como objectivo difundir a documentação de carácter desportivo

centro de documentação e informação desportiva de moçambique

Este blog tem como objectivo difundir a documentação de carácter desportivo

Jumisse e Dominguez em destaque

 

Com Jumisse, lá está elejumisse a se impor na sua primeira época em Portugal,  a titular, e Hélder Pelembe a entrar na segunda parte no lugar do sul-africano Kadi,  o Portimonense perdeu domingo diante do Benfica por 0-1, em desafio da 8a jornada da Liga Zon Sagres.  Segundo a avaliação do “O Jogo”,  que o   atribuiu  a nota seis,  Jumisse foi a a “sombra” do argentino Pablo  Aimar e  viu um amarelo aos 37 minutos. 

 

Jumisse, escreve a publicação,  surgiu aos 43 minutos  na área de Roberto, mas o remate saiu ao lado. O “O JOGO” diz, por outro lado, que o internacional moçambicano foi o  médio mais solto, com ordens para acompanhar o ataque e  é um poço de energia e gosta de iniciar os lances ofensivos.  Em relação a Hélder Pelembe (com a nota quatro), o “O JOGO” refere que  rendeu Kadi ao intervalo e movimentou-se menos, embora o desenrolar do jogo se tivesse modificado com o golo benfiquista.  O Portimonense ocupa, nesta altura, a 13ª posição com sete pontos.

 

Mexer titular pela primeira vez

 

Foi preciso esperar 630 minutos (oito jornadas) para ver Mexer a titular na Liga Zon Sagres. O central, remetido a segundo plano pelo luso-moçambicano Dauto Faquirá, foi primeira opção sexta-feira ultima no embate entre o Olhanense e Sp. Braga (com a vitoria a sorrir para os minhotos por 3-1). Mexer jogou 75 minutos, tendo sido substituído pelo brasileiro Djalmir.  Os golos do Braga  foram apontados por Márcio Mossoró(aos 49 minutos) e Lima (aos 56 e 83 minutos), enquanto Mauricio (aos 40 minutos) fez o tento de hora dos algarvios. Com este resultado, o Olhanense é sexto classificado com 12 pontos.

 

Dominguez segue em frente na Telkom knockout

 

O Mamelodi Sundows,  com Dominguez a titular, seguiu em frente na Telkom Knockout após vencer, sábado, no Moruleng Stadium, o Platinum Stars por uma bola a zero, com o golo dos brasileiros a ser apontado por Nyasha Mushekwi aos 80 minutos. Segundo a edição online da Premier Soccer League, Dominguez fez um passe de morte aos 70 minutos para  Katlego Mphela que, numa  posição privilegiada, errou no alvo. Miro, esquerdino que evolui no Platinum Stars, não foi convocado para esta partida.

 

Fonte:O Pais

Comentar:

Mais

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.