Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

centro de documentação e informação desportiva de moçambique

Este blog tem como objectivo difundir a documentação de carácter desportivo

centro de documentação e informação desportiva de moçambique

Este blog tem como objectivo difundir a documentação de carácter desportivo

20.Set.10

MOÇAMBOLA-2010: Fer. Beira, 0-Atlético Muçulmano, 1 - Descarrilar na estação


O FERROVIÁRIO da Beira não conseguiu, ontem, produzir o suficiente para alegrar a sua massa associativa, perdendo diante do Atlético Muçulmano. Quando a partida iniciou, esperava-se por um jogo mais ofensivo por parte dos donos da casa, ante um adversário que entrou algo retraído e muito compacto na defensiva, partindo para contra-ataque também de forma lenta.



Só aos 15 minutos é que os ‘’locomotivas’’ conseguiram produzir uma jogada digna, mas Degato não foi lesto, tendo permitido que o seu remate fosse facilmente neutralizado pelo guardião Anivaldo.

Seriam novamente os comandados de Akil Marcelino a desperdiçar uma soberba oportunidade de golo quando, aos 26 minutos, o brasileiro Victor ficou privilegiado na grande área, mas foi impotente para bater o guardião visitante, numa altura em que todos já esperavam pelo melhor para gritar golo
.

A partir do minuto 30 é que o Atlético conseguiu equilibrar os acontecimentos, passando a jogar de igual para igual, embora os “locomotivas’’ continuassem a ser mais perigosos, mas ineficazes na finalização, situação que se verificou até ao intervalo.

No reatamento, a ingenuidade continuou em ambas as partes, mas as substituições trouxeram alguma genica e emotividade ao jogo, sobretudo do lado dos visitantes, havendo, no entanto, muito individualismo nas hostes beirenses
.

Aos 78 minutos o Atlético chegou ao golo, através de uma jogada de contra-ataque rápido em que o recém-entrado Patolas conseguiu ludibriar a defensiva até entrar na área e, perante a saída desesperada de Rocksana, atirou a contar.

Depois do golo, o Ferroviário foi atrás do prejuízo, mas até ao apito final não teve arte nem perspicácia para no mínimo chegar ao empate.

O juiz e os seus companheiros estiveram bem.

FICHA TÉCNICA

Árbitro: Bernardino dos Santos, auxiliado por Henrique Langa e Domingos Manhique. Quarto árbitro: José Videira.

FER. BEIRA – Rocksana; Ninito, Gildo, Barrigana e Gervásio; Mupoga (Buramo), Nené, Degato (Mitó) e Victor (Timbe); Tick e Elfidio.

AT. MUÇULMANO
– Anivaldo; Henrique (Patolas), Tony, Gito e Hilário; Tchees (Chume), Mouka, Moniz (Fala-Fala) e Ivan; Délcio e Chico.

Acção disciplinar: cartão amarelo para Gervásio, Anivaldo e Mouka.

CASTIANO ANTÓNIO