Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

centro de documentação e informação desportiva de moçambique

Este blog tem como objectivo difundir a documentação de carácter desportivo

centro de documentação e informação desportiva de moçambique

Este blog tem como objectivo difundir a documentação de carácter desportivo

01.Fev.10

Lançado logótipo dos Jogos Africanos

 

FOI oficialmente lançado, na noite de sexta-feira, na capital do país, o logotipo da 10ª edição dos Jogos Africanos de Maputo-2011. Trata-se de um pardal, um pássaro que tem como “habitat” de preferência a acácia, a árvore símbolo destra urbe, também conhecida como cidade das acácias.

 

FOI oficialmente lançado, na noite de sexta-feira, na capital do país, o logotipo da 10ª edição dos Jogos Africanos de Maputo-2011

No logotipo, está também inserido o mapa de África, um atleta e, naturalmente, as cores da nossa bandeira.

 

Actuações dos categorizados músicos Wazimbo e Marlene, bem como a apresentação da dança xigubo pela Companhia Nacional de Canto e Dança fizeram parte desta cerimónia, na qual estiveram presentes atletas, treinadores e dirigentes em representação de diversas modalidades e membros do Comité Organizador dos Jogos Africanos (COJA). Os novos Ministros da Juventude e Desportos, Pedrito Caetano, da Cultura, Armando Artur, e da Mulher e Acção Social, Yolanda Cintura, assim como o edil David Simango testemunharam este acto, que teve como palco os Paços do Município.

 

A apresentação do logotipo constitui mais um passo na preparação e organização da Olimpíada Africana, depois de outras actividades terem sido levadas a cabo, tanto pelo Governo como pelo COJA, na perspectiva de mostrar ao continente e ao mundo que realmente Moçambique está empenhado para que este evento seja um sucesso.

 

Aliás, discursando na cerimónia, na qualidade de presidente da Comissão de Honra do COJA, o Ministro da Juventude e Desportos, Pedrito Caetano, sublinhou a necessidade de todos os sectores da sociedade, políticos e governantes, agentes económicos, desportistas, artistas, jovens trabalhadores e estudantes, a se empenhem e a oferecerem o seu saber na organização deste acontecimento.

 

Segundo ele, após o lançamento oficial dos Jogos Africanos de Maputo-2011, pelo Presidente da República, Armando Guebuza, muitos passos foram dados, desde a constituição do próprio Comité Organizador, passando pela reunião conjunta que trouxe a Maputo dirigentes africanos das mais variadas instituições e modalidades, até à exibição do logotipo, acto este que será sucedido, nos próximos dias, pela apresentação da mascote e do hino do evento.

 

“Mas estas são apenas peças de um enorme fardo que o país carrega e que, à medida que o tempo vai correndo, exigirá de todos nós um esforço redobrado. Os Jogos Africanos não são apenas do Governo e nem tão pouco do Ministério da Juventude e Desportos. São, isso sim, de todo o país e de todos os moçambicanos. O seu sucesso não prestigiará somente aqueles que directamente estarão envolvidos na sua organização, mas sim Moçambique inteiro”, afirmou Pedrito Caetano, que nessa esteira convidou todos os moçambicanos a envolverem-se nesta nobre missão.

 

Para o titular da pasta da Juventude e Desportos, o Comité Organizador, apesar de aglutinar representantes de diversas instituições, ele sozinho poderá não ser suficiente para o enorme e multifacetado trabalho que tem pela frente, daí a necessidade de envolvimento de mais pessoas e de mais organismos, pois, tal como frisou, devemos ser um exemplo de organização e de acolhimento de eventos desta natureza.

 

Destacando aquilo que classificou de “excelente trabalho” levado a cabo pelo seu predecessor, o ministro Fernando Sumbana, na condução desta “gigantesca máquina”, Pedrito Caetano apelou aos membros do COJA para que, a despeito de dificuldades de vária ordem no seu dia-a-dia, não desfaleçam e que tenham sempre presente que o trabalho de equipa e o espírito de entreajuda são sempre mais profícuos do que o trabalho individual.