Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

centro de documentação e informação desportiva de moçambique

Este blog tem como objectivo difundir a documentação de carácter desportivo

centro de documentação e informação desportiva de moçambique

Este blog tem como objectivo difundir a documentação de carácter desportivo

20.Mai.09

QUALIFICAÇÃO PARA CAN E MUNDIAL DE 2010 - Chegou o capitão Tico-Tico e… renovou-se a alegria

O RELVADO do Costa do Sol, palco das sessões semanais da Selecção Nacional de Futebol, recebeu ontem uma figura especial e que mereceu a atenção e estima tanto dos colegas como do público que habitualmente acorre àquele local às terças-feiras.

O RELVADO do Costa do Sol, palco das sessões semanais da Selecção Nacional de Futebo
Trata-se de Tico-Tico, o emblemático capitão dos “Mambas” que, tendo chegado a Maputo na segunda-feira, não quis perder tempo e foi juntar-se aos seus colegas que desde há cinco semanas iniciaram o processo de preparação para o embate de 6 de Junho, na Tunísia, a contar para a segunda jornada do Grupo B de qualificação para CAN e Mundial de 2010.

Naturalmente satisfeito por ver chegar em massa os nossos “tigres” que actuam além-fronteiras, o técnico Mart Nooij já programou para amanhã um treino com este grupo, ora em inactividade competitiva com o final dos seus campeonatos.

Com Tico-Tico, estiveram igualmente nas quatro linhas os jovens Zé Luís, ido do Egipto, e Aguiar, do Estrela da Amadora, de Portugal, sendo provável que sejam destacados para os “Mambinhas” Sub-20, em preparação para os Jogos da Lusofonia, a decorrerem em Julho, em Lisboa. Presente também esteve, embora sem treinar, o guarda-redes Kampango, cuja equipa, o Tersana, foi despromovido para o escalão secundário do futebol faraónico.

Dominguez e Miro são os outros jogadores que já se encontram entre nós, devendo integrar o grupo de trabalho na sessão de amanhã. Dário Monteiro, que se viu obrigado a regressar à África do Sul para tratar alguns assuntos com o seu clube, o Sundowns, estará em Maputo esta semana, à semelhança de Dário Khan. Quanto a Mano, cujo clube tem no final deste mês uma partida da Taça CAF, rumará directamente para o estágio na Líbia, tal como os “europeus” Simão, Genito e Paíto.

Tico-Tico (A. Marrengula)
ALEGRIA NA EQUIPA

É verdade que a boa disposição tem sido apanágio dos jogadores nas sessões semanais dos “Mambas”, com cada um procurando oferecer o seu melhor de forma a merecer a confiança do “mister” nesta campanha de 2010, que em Junho incluiu, para além da Tunísia, o desafio no Quénia, no dia 20. No entanto, foi notório que a chegada de Tico-Tico trouxe outra disposição no grupo, alegria renovada e até uma certa elevação da firmeza em relação àquilo que o próximo mês nos reserva na aventura pelas cidades de Tunis e Nairobi.

É que, para além de ser o jogador mais velho e mais experiente no seio da equipa, Tico-Tico é realmente o elemento contemporizador e de simpatia no grupo, para além do seu inquestionável valor.

Infelizmente, o capitão da selecção falhou o último compromisso, na memorável tarde de 29 de Março, no Estádio da Machava, frente à Nigéria, devido a uma arreliadora lesão, mas não somente ele próprio nos garantiu que já está “au point” como também pudemos testemunhar pela sua entrega aos treinos, para satisfação do técnico holandês e de todos nós, pois o ataque ganha uma unidade de extraordinária influência.

Tico-Tico disse aos jornalistas que o pior já pertence ao passado, até porque efectuou os últimos jogos da sua formação, o Jomo Cosmos, a quem ajudou a regressar à I Liga sul-africana.

“Fisicamente sinto-me bem e estou motivado com o regresso à selecção. Neste momento, o grande problema reside no facto de eu e os colegas vindos do estrangeiro não estarmos em competição, contrariamente aos que actuam internamente. Apesar de tudo, julgo que os treinadores encontrarão uma alternativa que nos permita estar em actividade”, afirmou o nº 9 dos “Mambas”.