Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

centro de documentação e informação desportiva de moçambique

Este blog tem como objectivo difundir a documentação de carácter desportivo

centro de documentação e informação desportiva de moçambique

Este blog tem como objectivo difundir a documentação de carácter desportivo

29.Set.09

Festa da semana desportiva escalou a Ilha

A DIRECÇÃO da Juventude e Desportos da Cidade de Maputo quis que este ano a semana nacional do desporto fosse comemorada de maneira diferente e especial.

Festa da semana desportiva escalou a Ilha
António Munguambe e o seu “staff”decidiram levar alguns mantimentos para acamparem na Ilha da Inhaca como forma de proporcionar à juventude daquela região do país um dia especial, o das Forças Armadas de Moçambique.

A viagem aconteceu um dia antes. No barco, para além de desportistas seguia igualmente o Grupo Xindiro e o conceituado músico e parlamentar Roberto Chitsondzo, entre outras figuras destacadas do município da capital do país. A ideia, segundo o director da Juventude e Desportos da Cidade de Maputo, António Munguambe, era comemorar o 25 de Setembro desportiva e culturalmente. E foi o que se viu.

Os ilhéus não resistiram às actuações do Grupo Xindiro, que coincidentemente têm como os números mais fortes nas suas exibições o Xigubo, dança típica daquela região. Foi uma noite de muita música, jogos e outro tipo de entretenimento.

Já no próprio dia das festividades, 25 de Setembro, houve uma corrida massiva que arrastou centenas de pessoas, entre idosos, jovens e crianças. Esta prova paralisou a Ilha, pois todos queriam ganhar os prémios monetários em jogo.

Até os menos atentos acorreram aos locais por onde os corredores passavam. No final, a festa da entrega de prémios foi coroada com ginástica de manutenção física para além da actuação, mais uma vez, do Grupo Xindiro e Chitsondzo.

Durante os dois dias os maputenses e os ilhéus tiveram a oportunidade de se conhecerem melhor. Aliás, a curiosidade era tão enorme principalmente pelas pessoas que vivem do lado da capital.