Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

centro de documentação e informação desportiva de moçambique

Este blog tem como objectivo difundir a documentação de carácter desportivo

centro de documentação e informação desportiva de moçambique

Este blog tem como objectivo difundir a documentação de carácter desportivo

06.Jan.09

No “regional” a disputar-se na África do Sul: Selecção de natação pronta a superar última prestação


SUPERAR o quarto lugar conquistado ano passado no Malawi é o primeiro objectivo da Selecção Nacional de Natação que vai disputar o Campeonato Africano da modalidade a nível da Zona IV, que arranca quinta-feira próxima na vizinha África do Sul.

O Seleccionador Nacional, Frederico dos Santos, defende que Moçambique está bem posicionado para conseguir um melhor resultado, apesar de não poder participar com alguns dos seus melhores nadadores. 

O combinado nacional vai apresentar-se desfalcado de algumas pedras basilares, como são os casos de Módica Bernardo, campeã de juniores da cidade de Maputo, Chaquil Camal e Ximene Gomes, os únicos que ano passado participaram nos Jogos Olímpicos de Beijing.

Assim, a principal esperança de Moçambique na conquista de medalhas reside nos escalões de formação, nos quais nadadores como Shakil Faquir, Géssica Stagno, Valdo Lourenço e os irmãos Allan e Jannat Bique já demonstraram capacidades internacionais, para além de Nuno Gomes, nadador beirense que esteve em bom plano na edição passada disputada no Malawi. 

Parte da delegação moçambicana ao referido campeonato já se encontra na África do Sul, com alguns atletas a prepararem-se no campo de treinos de Joanesburgo, sob comando técnico de Frederico dos Santos, enquanto os outros nadadores só seguem na manhã de quarta-feira, cumprindo hoje a última sessão em Maputo sob orientação de Aristides Gumende.

Ao todo, a dupla técnica nacional vai contar com 21 nadadores nos escalões de iniciados, infantis, juvenis e juniores.Moçambique não inscreveu nenhum atleta no escalão de seniores. O atleta Shakil Camal, inicialmente inscrito, não vai participar no torneio, e os outros seniores não registaram tempos positivos nas últimas competições internas, pelo que não foram convocados. 

O certame é organizado pela Confederação Africana de Natação Amadora (CANA) e será disputado numa piscina de 50 metros. Para além de Moçambique, tomarão parte no evento nadadores da África do Sul, Zâmbia, Suazilândia, Malawi, Botwsana, Namíbia, Zimbabwe e Lesotho.

Os atletas nacionais seleccionados são os seguintes: Allan Bique, Emídio Cuna, Jalik Tavares, Matilde Mabote, Macrilina Almoço e Meline Here (iniciados), Nuno Gomes, Shakil Faquir, Igor Mogne, Jannat Bique e Justalina Francisco (infantis), Claude Champer, Edson Coroa, Faina Salate, Gessica Cossa e Raquel Lourenço (juvenis), Valdo Lourenço, Francisco Tivane, Géssica Stagno, Elisa Archer e Tamires Mogne (juniores). 

Destes nadadores, vão estrear-se pela selecção nacional Jalike Tavares, Matilde Mabote, Emídio Cuna, Macrilina Almoço, Edson Coroa e Elisa Archer. Chefia a delegação nacional Iliasse Faquir, a delegada é Epifánia Costa e o árbitro é José Albasine.

A delegação moçambicana despediu-se domingo passado de colegas, familiares e autoridades governamentais. No acto, o Director Nacional dos Desportos, Inácio Bernardo, disse aos atletas para aplicarem-se a fundo por forma a dignificarem Moçambique.

Acredito num bom desempenho. Temos que fazer a diferença, a qual faz-se ganhando. Sinto que podemos fazermuito mais observou o dirigente.