Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

centro de documentação e informação desportiva de moçambique

Este blog tem como objectivo difundir a documentação de carácter desportivo

centro de documentação e informação desportiva de moçambique

Este blog tem como objectivo difundir a documentação de carácter desportivo

15.Out.08

ZONA EUROPEIA QUALIFICAÇÃO PARA O MUNDIAL - Quarteto perfeito à prova

HOJE o programa da quarta jornada da fase de classificação europeia para a Copa Mundial de 2010 inclui 22 partidas. Dezoito selecções seguem invictas, mas só quatro ganharam em todos os seus encontros.


A Espanha é a nova campeã europeia de futebol
A Grécia (Grupo 2), que jogará em casa contra Suíça, Espanha (Grupo 5, na Bélgica), Inglaterra (Grupo 6, na Bielorússia) e Holanda (Grupo 9, na Noruega) são as selecções que ainda não perderam.

Ao contrário do Grupo 7, pois é o único que todas as equipas perderam.

No Grupo 1, Portugal, todavia traumatizado pela derrota em casa contra Dinamarca (2-3), deverá reconciliar-se com o seu público até porque recebe a modesta selecção da Albânia. Um triunfo poderá permitir aos “tugas”voltarem à liderança.

Grécia, cuja defesa se mantém imbatível, poderá continuar na mó de cima no Grupo 2 se vencer a Suíça. No entanto, o seu principal rival, Israel, deverá realizar uma complicada visita à Letónia.

A República Checa, quarta do Grupo 3 com um ponto em duas partidas, vê-se obrigada a assumir todos os riscos em casa ante a Eslovénia se quiser continuar a acalentar esperanças de apuramento. A Polónia, por sua vez, viajará para medir forças com o melhor ataque do grupo (6 golos), a Eslováquia, que conta com um ponto a menos.

O País de Gales, surpreendente segundo do Grupo 4, visitará a Alemanha. Os galeses cederam apenas uma única derrota pela marca mínima na Rússia (2-1). A nova geração treinada por John B. Toshack aspira demonstrar que tem recursos para exercer um papel de “mata-gigantes”, com um calendário favorável na segunda volta. Ao mesmo tempo, a Rússia de Guus Hiddink, que caiu no sábado aos pés da Alemanha (2-1) embora tenha realizado um magnífico segundo período, receberá uma sólida formação da Finlândia.

No Grupo 5, Turquia, frente aos estónios, espera aproveitar-se do duelo entre os primeiros, Espanha e Bélgica, em Bruxelas, para recuperar os dois pontos que deixou escapar em casa contra os belgas.

Apesar da vitória contra Kazaquistão (5-1), espera-se mais, em especial um bom futebol, por parte de uma ambiciosa selecção inglesa que defrontará a Bielorússia,

num choque aliciante do Grupo 6. A Croácia, que recebe a Andorra, deverá restabelecer-se moral e matematicamente.

Como líder do Grupo 7, a Sérvia tentará aproveitar-se do facto da Roménia e França ficarem de fora, para aumentar a sua vantagem na sua visita a Áustria. No entanto, os comandados de Karel Bruckner, frágeis a jogar fora, transcendem-se quando jogam em casa.

Com uma equipa cada vez mais rejuvenescida, tento em conta que Luca Toni será a baixa, por lesão, na Itália, Marcello Lippi deverá retomar a sua veia ganhadora no Grupo 8 frente ao Montenegro, mas é preciso lembrar que a Holanda, que não está a dar muito que falar, tem a oportunidade de relançar a sua classificação no Grupo 9, em caso de vitória na Noruega.