Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

centro de documentação e informação desportiva de moçambique

Este blog tem como objectivo difundir a documentação de carácter desportivo

centro de documentação e informação desportiva de moçambique

Este blog tem como objectivo difundir a documentação de carácter desportivo

18.Mar.09

MOÇAMBOLA-2009 - Ferroviário de Nacala o mais penalizado na primeira ronda

Ferroviário de Nacala o mais penalizado na primeira ronda
A PRIMEIRA jornada do Moçambola foi de azar para alguns clubes, que devido ao mau comportamento dos seus adeptos e jogadores foram penalizados pela Comissão de Disciplina da Liga Moçambicana de Futebol


O Ferroviário de Nacala foi o que mais sofreu, com uma multa de cinco mil meticais por comportamento incorrecto dos seus sócios e simpatizantes, que durante o jogo com o Atlético Muçulmano arremessaram objectos (garrafas)para o interior do rectângulo de jogos।

Os nacalenses viram ainda os jogadores José Chivambo, Ramadane Mahomed, Stélio Ernesto, Wilson Cherindza, Djão Zacarias, Egídio Coutinho, Nelson Alberto, Francisco Almeida, Romão Laisse e Abdala Ramadane a serem punidos com uma multa de quinhentos meticais cada por falta de apresentação de cartões de licença.

MUSSÁ OSMAN PUNIDO

Mussá Osman, técnico adjunto
Mussá Osman, treinador do HCB do Songo, foi multado com mil e quinhetos meticais e uma pena de advertência por não ter apresentado o cartão de licença de treinador da Federação Moçambicana de Futebol (FMF).

No HCB foi ainda penalizado Lucas Joaquim, treinador-adjunto, António Duarte, massagista, e Rosário Colher, delegado, pelos mesmos motivos. Aslam Haroon, delegado do FC Lichinga, foi igualmente multado por não ter apresentado o cartão de licença.

Para além destes, foram multados por terem visto pela primeira vez o cartão amarelo os seguintes jogadores: Alvin Ndunduma e Manuel Fernandes (Liga Muçulmana); Inocêncio Basse e Venâncio Foquisso (HCB do Songo); Edgar Baraça, Joaquim Malate e António Malate (Textáfrica); Pedro Mambo (Costa do Sol); Samuel Chapanga e Mustafa Ismael (Maxaquene); Dário Chissano e António Gravata (Ferroviário de Maputo); Leonel Jaime e Stélio da Silva (Ferroviário de Nampula); Carlos da Silva e Dércio Mavume (FC Lichinga); Eduardo Júnior e Délcio Sitoe (Atlético Muçulmano); Carlos Togara, Gervásio Cossa e Alcine Gemo (Ferroviário da Beira).