Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

centro de documentação e informação desportiva de moçambique

Este blog tem como objectivo difundir a documentação de carácter desportivo

centro de documentação e informação desportiva de moçambique

Este blog tem como objectivo difundir a documentação de carácter desportivo

30.Set.09

Campeonato de Andebol da Cidade de Maputo: 1º de Maio ofusca “canarinhos”

O DESAFIO em atraso da segunda jornada do Campeonato de Andebol da Cidade de Maputo em seniores masculinos produziu uma grande surpresa com o 1º de Maio a bater o Costa do Sol, candidato ao título, por 26-19.

O DESPORTO vai de mal a pior na província de Gaza, principalmente na cidade de Xai-Xai, onde as modalidades de salão
O 1º de Maio, formado por jogadores jovens e veteranos, deu uma verdadeira lição de andebol ao Costa do Sol que se viu sem argumentos para fazer face ao maior poderio táctico e técnico dos adversários. Os “alvi-rubros” protagonizaram a primeira surpresa da prova, que acabou sendo ainda mais reluzente pela forma convincente como abateram um “canário” que nunca chegou a ter energia para dar a volta por cima.

Com esta vitória, o 1º de Maio ganha o estatuto de equipa sensação da competição e que pela sua qualidade tem condições para lutar pelo título. Na jornada anterior, já tinha dado indicações frente ao Maxaquene, detentor do título, de possuir um excelente conjunto quando perdeu por apenas três pontos (20-23), quando se vaticinava uma vitória “tricolor” por uma vantagem bem elevada.

O Maxaquene lidera com seis pontos, seguido do 1º de Maio com quatro, Costa do Sol com três e Mahotas com zero.

Em femininos, também realizou-se um jogo em atraso com o Maxaquene a “esmagar” Matolinhas, por 30-10, e a aproximar-se do Matchedje na primeira posição.

O Matchedje lidera com nove pontos, mais três que o Maxaquene.

Houve também lugar a partidas envolvendo escalões inferiores. O destaque foi para o jogo de juniores femininos entre Matchedje e Maxaquene, com a primeira equipa a ganhar, por 18-11.

Refira-se que, nos últimos tempos, Matchedje e Maxaquene têm travado duros confrontos, com as “militares” a exibirem-se melhor.