Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

centro de documentação e informação desportiva de moçambique

Este blog tem como objectivo difundir a documentação de carácter desportivo

centro de documentação e informação desportiva de moçambique

Este blog tem como objectivo difundir a documentação de carácter desportivo

17.Dez.09

“Nacionais” de Andebol: Maxaquene imperial



O MAXAQUENE justificou na terça-feira o estatuto de melhor equipa do Campeonato Nacional de Andebol em seniores masculinos ao vencer o 1º de Maio, o seu principal adversário, por 24-15, em desafio da segunda jornada do Grupo A.

Esta partida era a mais aguardada de terça-feira, já que estavam frente-a-frente as melhores formações da prova e as únicas tidas como as potenciais favoritas. Porém, o 1º de Maio não conseguiu repetir a façanha alcançada no Campeonato da Cidade de Maputo quando venceu o Maxaquene, numa altura em que nada fazia prever. Desta vez, os pupilos de Michaque Fumo não deram tréguas aos “alvi-rubros” que não tiveram pernas para travar a maior impetuosidade do adversário, constituído por jogadores mais novos e já com larga experiência.

O certo é que com esta vitória o Maxaquene assumiu a liderança do Grupo A isolado com seis pontos.

Noutro jogo do grupo, o Clube Trovoada de Chimoio perdeu com a Liga Muçulmana da Beira, por 21-22, naquele que foi o despique mais atractivo da ronda. O desafio foi muito bem disputado com o marcador sempre a alternar.

Mas nos derradeiros minutos os beirenses acabaram sendo os mais frios na hora de rematar à baliza. No entanto, este foi daqueles jogos que o empate seria o resultado mais justo pelo espectáculo proporcionado pelas duas equipas.

A formação das Mahotas ficou de fora devido ao número ímpar de equipas.

No Grupo B, o Clube do Dondo continua a passear a sua classe. À semelhança do que havia acontecido na primeira jornada, voltou a conseguir um triunfo convincente, desta vez, a vítima foi a Universidade Pedagógica de Quelimane, que perdeu por 24-17.

A equipa de Sofala lidera o seu grupo com seis pontos, a par do “team” da cidade de Tete que obteve o triunfo mais expressivo da ronda sobre a Escola Secundária de Tete, por 37-20.

MATCHEDJE IMPARÁVEL

Em femininos, o Matchedje parece estar mesmo decidido a revalidar o título. Depois de ter vencido o seu principal rival, o Maxaquene, “desmantelou” na segunda ronda a formação da Universidade Pedagógica de Quelimane, por 62-5, uma diferença de 57 pontos que reflecte claramente a superioridade das “militares”.

O Maxaquene, por sua vez, redimiu-se do percalço sofrido na estreia, vencendo a Associação de Estudantes da Beira, por 38-8.

O Matchedje comanda com seis pontos, mais três que o Maxaquene e Associação de Estudantes da Beira.

O Grupo B é liderado agora pelo Clube de Dondo, que na sua estreia goleou a HCB, por 37-15. A equipa de Sofala lidera a par do Matolinhas que na primeira jornada venceu a equipa da cidade de Tete, por 29-20.

Apuram-se para as meias-finais os dois primeiros classificados de cada grupo que depois jogarão num sistema cruzado.

JOGOS PARA HOJE:

MASCULINOS –Mahotas-Maxaquene e Liga Muçulmana-1° de Maio (Grupo A);

UP-Cidade de Tete e HCB-ES de Tete (Grupo B)

FEMININOS – Maxaquene-UP e Matchedje-AE da Beira (Grupo A); ES de Tete-Clube de Dondo e HCB-Matolinhas (Grupo B)