Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

centro de documentação e informação desportiva de moçambique

Este blog tem como objectivo difundir a documentação de carácter desportivo

centro de documentação e informação desportiva de moçambique

Este blog tem como objectivo difundir a documentação de carácter desportivo

20.Jan.09

XX edição do Bebec: Disputa-se acesso às meias-finais

A LUTA pelo acesso às meias-finais da XX edição do Torneio de Futebol Infanto-Juvenil a nível da cidade de Maputo, vulgo Bebec, domina as atenções dos amantes deste desporto, esta manhã, envolvendo artistas de palmo-e-meio.

Despique do Laulane-Urbanização em mais uma partida do bebec
A grande particularidade destes quartos-de-final é a presença de algumas equipas que são, por tradição, assíduas concorrentes ao título e outras que procuram fazer história neste evento, o que faz prever uma luta renhida pelo acesso às meias-finais, que terão lugar na quinta-feira.

Contudo, o maior destaque dos quartos-de-final vai para o embate entre Mafalala e Luís Cabral, às 7.00 horas, no Campo do Cape-Cape. Trata-se de um encontro que não oferece espaços para prognósticos, sendo ambas equipas favoritas, pelo que têm marcado regularmente presença nesta fase. Mafalala, que já conquistou vários títulos, está nos “quartos” como o segundo apurado da série “D”, enquanto Luís Cabral, que apenas saboreou um título, destacou-se na série “A”.

Grande expectativa está igualmente à volta do cruzamento entre as formações dos bairros do Inhagóia e FPLM, respectivamente líder da série “B” e segundo qualificado do grupo “C”, quando forem 10.00 horas, no mesmo recinto. Inhagóia, que igualmente já ostentou um título, será posto à prova por aquela que foi uma das equipas sensacionais da anterior fase.

Por seu turno, o papa-títulos Chamanculo vai ter que provar os seus créditos perante uma das revelações da última fase, que dá pelo nome de Urbanização, também às 7.00 horas, isto no campo da Académica.

Chamanculo, que está nesta fase também na condição de segundo apurado na série “A”, defrontará o líder da série “C”. A seguir a este encontro, às 10.00 horas, Malhangalene, que se notabilizou na série “D”, bate-se com um outro intrometido, que dá pelo nome de Zimpeto, acompanhante do Inhagóia, na série “B”. Aliás, Zimpeto, recém-nascido neste torneio, tem estado a subir gradualmente de edição a edição.

25 DE JUNHO E HULENE QUEM VAI À FRENTE

O cenário que se pode constatar na prova feminina parece idêntico ao que se verifica em masculinos. À mistura da “velha guarda” estão revelações que têm vindo a ombrear com as equipas mais regulares desta fase final, casos das sensacionais equipas dos bairros do Nsalene e Mavalane, que lideraram as séries “B” e “D”, respectivamente à frente de Munhuana e Malhangalene.

Isto faz antever uma disputa renhida pelo acesso às meias-finais e maior precaução por parte dos tidos como favoritos ao título, como são os casos da campeã 25 de Junho e Hulene, que estiveram à frente dos grupos “A” e “C”. Porém, 25 de Junho tem uma missão ligeiramente facilitada diante do bairro da Malhangalene, que surge como segunda apurada da série “D” e a sua presença não tem sido frequente nesta fase. Este jogo realiza-se no Campo do Cape-Cape, às 8.00 horas.

Por seu turno, Hulene medirá forças com Aeroporto, segundo apurado da série “A”, e deve redobrar esforços, sendo que estará à frente de uma equipa com presença regular nesta fase e que tende a melhorar a sua prestação. O encontro está marcado para o campo da Académica, às 8.00 horas.

Enquanto isso, Nsalene, que surpreendeu a muitos na sua estreia brilhante neste torneio, está em condições de travar uma forte luta e até superar o Polana-Caniço, segundo apurado da série C”. O palco desta partida é o Campo do Cape-Cape, às 9.00 horas.

Por último, Mavalane e Munhuana defrontam-se no jogo entre as outras grandes novidades desta fase, no Campo da Académica, às 9.00 horas. Mavalane liderou a série “D”, enquanto Munhuana surge nesta fase na companhia de Nsalene, na série “B”.