Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

centro de documentação e informação desportiva de moçambique

Este blog tem como objectivo difundir a documentação de carácter desportivo

centro de documentação e informação desportiva de moçambique

Este blog tem como objectivo difundir a documentação de carácter desportivo

21.Jan.10

CAN 2010 - Kanouté retira-se da selecção do Mali



O AVANÇADO do Mali, Frédéric Oumar Kanouté anunciou, segunda-feira, a sua retirada da selecção do Mali por causa da idade já avançada (32 anos).

Kanouté, que falava no final da vitória sobre o Malawi, por 3-1, esclareceu que a sua decisão nada tem a ver com a eliminação prematura do Mali no CAN2010.

Disse que aos 32 anos é chegado o momento de dar lugar aos novos talentos que estão a despontar no seu país, aqueles que demonstram capacidades para fazerem do Mali uma selecção de referência no continente.

“A vida é assim, lamento não ter conseguido ajudar a minha selecção a ir o mais longe neste CAN, que marca a minha retirada”, disse.

O maliano, que nasceu em França, lamentou também o facto de a sua selecção não ter conseguido apurar-se para os quartos-de-final, ficando arredado da “luta” pelo título, objectivo do grupo que veio a Angola com as suas principais estrelas como Keita, Diarra, Sissoko e Lassana Fane.

Kanouté chegou a representar a selecção francesa nos escalões jovens, optando mais tarde por representar o Mali, seu país de origem.

Desde 2004 a defender as "Águias", o avançado que joga no Sevilha de Espanha e que em 2007 foi distinguido pela Confederação Africana de Futebol com o prémio de melhor do ano, contabiliza um total de 40 golos ao serviço das selecções nacionais.

Foi revelado pelo Lyon de França e cedo rumou para Inglaterra, representando o West Ham e Tottenham. Em 2005 assinou pelo Sevilha onde atingiu grande notoriedade tendo estado nas conquistas de duas Taças UEFA consecutivas do clube espanhol (2006 e 2007).

Em termos de participações no CAN, o melhor desempenho do Mali aconteceu em 2004, exactamente na estreia de Kanouté na equipa, quando conseguiu chegar às meias-finais.