Este blog tem como objectivo difundir a documentação de carácter desportivo
Terça-feira, 08 DE Novembro 2016

 

MESMO antes de digerir o sabor da primeira conquista da mais alta competição futebolística nacional, o clube Ferroviário da Beira já sofre pressão para trazer mais títulos na próxima temporada.

 

Vários intervenientes tomaram a vitória dos “locomotivas” como passado e já exigem resultados do futuro. Isso assistiu-se em três jantares de confraternização oferecidos pela governadora Maria Helena Taipo, o edil Daviz Simango e a direcção do Ferroviário, respectivamente.

 

A governadora Maria Helena Taipo, que considerou que o plantel como era composto por “meninos de ouro”, disse de forma diplomática que espera por mais vitórias.

 

Entre muitos elogios, Taipo disse que o Ferroviário da Beira era capaz de trazer mais alegria aos sofalenses.

 

Já o edil da Beira, Daviz Simango, exigiu mesmo que o Ferroviário traga todas as taças para a urbe na próxima temporada, mas para tal deve-se fazer um investimento à altura.

 

Por seu turno, o secretário permanente de Sofala, Juvêncio Mutacate, discursando no jantar de confraternização oferecido pelos CFM, patrono do clube, disse que a satisfação manifestada pela população remete ao Clube Ferroviário mais responsabilidade para a conquista de mais títulos.

 

O presidente da Associação Provincial de Futebol de Sofala, Fernando Dias, afirmou que o título nacional futebolístico e de outras modalidades desportivas cairão sempre na Beira, justificando que esta urbe tem história.

 

Recordou aos presentes, e como forma de pressionar os campeões, que Beira foi e será terra dos campeões. Contou que o primeiro seleccionador nacional a levar os “Mambas” ao CAN foi beirense, Belmiro Manaca, e o seu conterrâneo Rui Marcos foi o primeiro capitão.

 

Mencionou Chiquinho Conde, que também é da Beira, como tendo sido o primeiro moçambicano a jogar na diáspora pós-independência.

 

Analistas desportivos sediados na cidade da Beira afirmam que os movimentos e certos discursos pretendem directamente exigir mais vitórias para a cidade da Beira.

 

Em jeito de resposta às questões apresentadas pelos dirigentes da província e do município, Boaventura Mahave, presidente do Clube Ferroviário da Beira, disse que se vai lutar nesse sentido.

 

O presidente da assembleia-geral do clube e director executivo dos Caminhos-de-Ferro de Moçambique na região centro, Cândido Jone, que ouviu tais “pressões”, disse e bem alto que o desejo manifestado colectivamente vai cumprir-se. “Traremos mais taças”, prometeu, tendo sido ovacionado pelos convivas.

 

RODRIGUES LUÍS

 

 

Fonte:Jornal Noticias

publicado por Vaxko Zakarias às 10:55
 O que é? |  O que é? | favorito
Terça-feira, 01 DE Novembro 2016

 

COM o Moçambola formalmente terminado no domingo, o Ferroviário de Nampula e ENH de Vilankulo protagonizam esta tarde (15.00 horas), no Estádio 25 de Junho, a última partida da prova.

 

O jogo foi adiado no domingo por motivos de força maior, segundo a Liga Moçambicana de Futebol (LMF). As duas formações vão apenas cumprir com o calendário, dado que já têm a situação definida, ou seja, permanecem na prova e ambos estão longe dos lugares cimeiros.

 

Os “locomotivas” estão, neste momento, na sexta posição, com 44 pontos, sem hipóteses de chegar ao quinto, dado que o Ferroviário de Maputo, que ocupa esse lugar, está a cinco pontos. Já os “hidrocarbonetos” estão na 11.ª posição, com 37 pontos, menos um que o Costa do Sol e menos três que o Desportivo de Nacala, na 10.ª e nona posições, portanto, duas equipas que ainda podem ser ultrapassadas pelo representante de Inhambane.

 

Face a esta situação, o embate tem mais significado para a equipa de Vilankulo do que para os nampulenses, pois quer uma vitória, quer uma derrota nada muda no seu posicionamento na tabela classificativa.

 

Refira-se que o Ferroviário da Beira é campeão, UD Songo vice e Chibuto terceiro.

 

 

Fonte:Jornal Noticias

publicado por Vaxko Zakarias às 11:33
 O que é? |  O que é? | favorito
Segunda-feira, 31 DE Outubro 2016

Chingale-Desp. Nacala                                   (0-2)

Costa do Sol-Desp. Niassa                             (4-1)

Fer. Nampula-ENH                                         (3ª feira)

Fer. Beira-Liga Desportiva                             (2-1)

Fer. Nacala-UD Songo                                   (0-2)

Fer. Maputo-Chibuto                                      (2-1)

Maxaquene-1.º de Maio                                  (0-0)

Estrela-Desportivo do Maputo                       (1-0)

 

                                 J          V         E          D         BM      BS       P

 

FERROVIÁRIO DA BEIRA                30        19        7          5          40        21        61

UD Songo                                           30        16        7          7          32        14        55

Liga Desportiva                                  30        15        5          10        37        21        50

Chibuto                                               30        13        11        6          35        14        50

Ferroviário de Maputo                        30        13        10        9          27        18        49

Ferroviário de Nampula                      29        11        11        6          32        21        44

Maxaquene                                          30        11        10        9          28        26        43

Ferroviário de Nacala                          30        10        12        8          22        25        42

Desportivo de Nacala                         30        10        10        10        39        27        40

Costa do Sol                                       30        10          8          12        34        34        38

ENH                                                      29          9           10       10         22        26      37

Chingale                                              30          9          6          15        19        39        33

1.° Maio de Quelimane                       30        7          11        12        30        36        33

Estrela Vermelha                                 30        6          12        12        27        35        30

Desportivo de Maputo                        30        2          13        15        15        34        19

Desportivo do Niassa                          30        3          7         18        12        46        16

 

 

FER. NAMPULA-ENH SÓ AMANHÃ

 

O MOÇAMBOLA-2016 terminou oficialmente ontem, mas ainda falta por se realizar um jogo entre o Ferroviário de Nampula e a ENH na próxima terça-feira (amanhã).

 

O encontro estava agendado para a tarde de ontem, mas por motivos organizacionais da prova, foi adiado para amanhã.

 

Entretanto, trata-se de um jogo para o cumprimento do calendário uma vez que as duas equipas asseguraram a manutenção e nenhuma delas poderá chegar ao título já entregue ao Ferroviário da Beira.

 

 

Fonte:Jornal Noticias

publicado por Vaxko Zakarias às 10:59
 O que é? |  O que é? | favorito

 

JÁ com o título perdido, a União Desportiva do Songo entrou para esta partida determinada a não deixar o segundo lugar, tendo em conta que nas outras duas partidas realizadas no mesmo dia jogava-se para a mesma posição e logo aos quatro minutos, Mucuapel deu aviso, ao cabecear com perigo tendo o esférico roçado a trave do guardião Valério.

 

Com o controlo do jogo assumido, União Desportiva do Songo poderia, aos 11 minutos, ter aberto o marcador, numa jogada em que Banda sozinho enroscou-se com o esférico rematando ao lado da baliza que estava completamente desguarnecida.

 

O golo dos visitantes tardou, mas chegou aos 18 minutos num tiraço de Jacob cá do meio da rua que Valério não conseguiu deter. E face ao domínio dos “hidroeléctricos”, o segundo golo destes aconteceu aos 41 minutos num lance em que Banda, o seu autor, antecipou-se a Valério e rematou vitoriosamente para o fundo da baliza.

 

As equipas recolheram ao intervalo com o resultado a favorecer os treinados por Artur Semedo, ante a apatia dos “locomotivas” locais que durante o primeiro tempo nada fizeram para justificar pelo menos um golo.

 

No reatamento, apareceu o Ferroviário mais afoito e com o domínio de bola e controlo do jogo, mas não conseguia furar a muralha defensiva da U.D. Songo que com alguma contenção fez tudo para não ser surpreendida, resultado que se ajusta com aquilo que ambas as equipas produziram ao longo da partida.

 

Estêvão Matsinhe e sua equipa fizeram um bom trabalho.

 

FICHA TÉCNICA

 

FERROVIÁRIO DE NACALA – Valério (Dallas); Rodjas, Pedrito, Silva e Vovote; Skea (Paulino), Quaresma, Essiene e Chelito; Marufo e Sandi (Chana).

 

U. D. SONGO – Swin; Sataca Jr., Boni, Mucuapel e Toni I; Banda, Tchitcho, Zé Luís e Cremildo (Toni II); Jacob (Lanito) e Germino (Betinho).

 

LUÍS NORBERTO

 

 

Fonte:Jornal Noticias

publicado por Vaxko Zakarias às 10:27
 O que é? |  O que é? | favorito

 

FOI uma partida caracterizada por uma primeira parte em que a Liga Desportiva esteve substancialmente melhor em campo mas sem produzir lances de golo muito menos concretizá-los e uma segunda em que os novos campeões nacionais apresentarem-se melhor e mais do que isso marcaram dois golos.

 

O Ferroviário entrou para o jogo mais esclarecido mas muito cedo a Liga equilibrou e passou mesmo a dominar a contenda com os donos da casa meio encolhidos e a espreitarem os contra-ataques.

 

Só que a história viria a ser escrita na segunda metade através dos golos de Dayo (55 minutos) e Nelito (70), para os novos campeões, e Elias II (91), para a Liga.

 

 

Nesta etapa, foi mais uma vez a equipa da casa a entrar a tentar justificar o seu novo estatuto e agora com mais acutilância e a campeão.

 

Em traços gerais, cumpriu-se mais uma vez a máxima de que ganha quem marca, porque em termos de jogo jogado as equipas equivaleram-se em campo.

 

O árbitro Simão Guambe teve uma tarde e um fim do campeonato tranquilos.

 

FICHA TÉCNICA

 

ARBITRO-Simão Guambe, auxiliado por Baltazar Nhancumbe e Salomão José

 

FER. BEIRA-Willard; Hagy, Cufa, Edson, Gildo (Tsepho), Ricardo (Mussa), Fabrice, Dayo, Maninho e Nelito (Veloso).

 

LIGA-Milagre; Liberty, (Andro), Telinho, Sonito, Bheu, Kito, Eusébio, Momed Hagy, Hassane (Mario), Osvaldo (Elias II) e Gildo

 

Acção disciplinar: cartão amarelo para Nelito.

 

ELISEU BENTO

 

 

Fonte:Jornal Noticias

publicado por Vaxko Zakarias às 10:23
 O que é? |  O que é? | favorito

 

A CIDADE da Beira viveu no último fim-de-semana um dos momentos mais marcantes na sua história desportiva com a consagração do Ferroviário da Beira como novo campeão nacional de futebol, uma consagração que ficou completa no sabado com a vitória por duas bolas a uma frente a uma Liga Desportiva de Maputo que ainda sonhava com o título de vice-campeão.

 

A coroar tal feito, o Ministro da Juventude e Desportos, Alberto Nkutumula, entregou ao capitão Maninho a gigante e respectiva taça enquanto a governadora Helena Taipo, o Presidente do Conselho Municipal da Beira, Daviz Simango, o Presidente da Federação Moçambicana da modalidade, Alberto Simango Junior, e outros dirigentes distribuíram as medalhas aos novos campeões nacionais.

 

 

De resto, a festa já estava convocada desde que a equipa venceu no Songo a União Desportiva local no passado domingo pelo que todos os caminhos iam dar ao “caldeirão”.

 

Foi assim que o campo do Ferroviário, palco de todas estas emoções, apresentou-se quase completamente lotado com muita música, Mr Bow era o cabeça de cartaz, e outros artistas locais.

 

Os portões foram abertos pouco depois do meio dia permitindo o acesso aos muitos adeptos que pretendiam testemunhar “in loco” o que realmente iria acontecer.

 

Os acessos ao recinto já se apresentavam a essa altura congestionados prenunciando o ambiente festivo que se ia viver.

 

 

Bandeiras verde e brancas flutuavam debaixo de muitos “olés” consagrando os novos reis do futebol nacional.

 

Se nas bancadas ainda podia haver lugar para mais algumas pessoas, principalmente, nas laterais, o mesmo não se podia dizer em relação aos espaços reservados as entidades.

 

 

Ainda assim, todos acomodaram-se o melhor que puderam para testemunharem a “entronização” do Ferroviário da Beira como novo campeão nacional de futebol.

 

No fim do jogo o público invadiu o recinto para dar largas a sua satisfação enquanto os jogadores também dançavam, jubilavam e eram de diferentes formas saudados pelo seu sucesso no campeonato nacional.

 

Só ao cair da noite começou a afastar os convivas do campo do Ferroviário mas estava claro que a festa iria continuar pela cidade adentro.

 

 

Fonte:Jornal Noticias

publicado por Vaxko Zakarias às 10:15
 O que é? |  O que é? | favorito

 

O FERROVIÁRIO da Beira, virtual campeão nacional, recebe esta tarde a Liga Desportiva de Maputo, num ambiente de festa da consagração após a conquista do inédito título na semana passada, no Songo, onde venceu por 1-0.

 

Sem pressão, mas muito motivado, os “locomotivas” do Chiveve procurarão despedir-se de forma airosa dos seus fervorosos adeptos hoje, no “Caldeirão”, um dos palcos mais temidos do futebol nacional.

 

O jogo é mais importante para os visitantes, dado que a Liga ainda bate-se pelo segundo lugar, uma luta que envolve igualmente a União Desportiva do Songo e o Chibuto. O representante de Tete joga esta tarde em Nacala, frente ao Ferroviário local. Desafio de difícil prognóstico, pois os “locomotivas” de Nacala andam motivados e querem sair desta edição do Moçambola a sorrir. Os “hidroeléctricos” são, a estas alturas, os menos motivados, dada a forma como perderam o título de campeão.

 

O Chibuto joga no Estádio da Machava frente ao Ferroviário de Maputo. O facto de os “guerreiros” procurarem o segundo lugar deixa esta partida com algum interesse. A UD Songo tem 52 pontos, em segundo lugar, mais dois que a dupla Liga/Chibuto, pelo que haverá muita matemática a fazer.

 

Se a UD Songo ganhar fica desde logo com o segundo posto assegurado. Se empatar e a Liga e Chibuto não ganharem também fica em segundo. Mas uma derrota, e vitória para qualquer um dos dois perseguidores, deixa tudo a perder.

 

O Chibuto tem de ganhar e esperar uma derrota da UD Songo e, no máximo, um empate dos “muçulmanos” para ficar em segundo, dado o confronto directo favorável com esta última equipa.

 

A Liga, por sua vez, só fica em segundo se vencer e a UD Songo perder e o Chibuto não ganhar na Machava.

 

Entretanto, a ronda conclui-se amanhã, com cinco jogos que nada influenciam a classificação final. O Chingale recebe o Desportivo de Nacala; o Ferroviário da Nampula terá pela frente o ENH; o Estrela Vermelha bate-se com o Desportivo de Maputo; o Maxaquene mede forças com o 1.º Maio, e o Costa do Sol terá pela frente o Desportivo do Niassa.

 

Todos os embates iniciam-se às 15.00 horas.

 

MÚSICA ANIMA A FESTA

 

UM programa musical vai abrilhantar esta tarde, no campo do Ferroviário da Beira, a consagração da sua equipa principal de futebol como nova campeã nacional da modalidade, tendo como figuras de destaque a dupla do momento, Mr. Bow e Liloca, e Jorge Mamad, um dos mais representativos músicos radicados na capital de Sofala.


Segundo o programa a que tivemos acesso, os portões do campo abrem às 12.00 horas, após o que se seguirá a actuação dos artistas locais Fidel Mazembe e Helena Macamo e depois os convidados Mr. Bow e Liloca.


Seguir-se-á o jogo entre o Ferroviário da Beira e a Liga Desportiva de Maputo. Mr. Bow e Liloca voltarão ao palco no intervalo deste jogo.


Já no fim da partida, que pode decidir o posicionamento final da Liga, haverá a entrega oficial das taças e das medalhas ao novo campeão e aos seus jogadores, cerimónias a serem dirigidas, conforme o previsto, pela Ggovernadora de Sofala, Helena Taipo, e pelo Ministro da Juventude e Desportos, Alberto Nkutumula.
A encerrar a festa, subirão ao palco os artistas locais Jorge Mamad e João Chitima.


Para assistir a esta festa, entretanto, o Ferroviário da Beira convidou Wedson Nyirenda, o técnico zambiano que orientou a equipa desde o inicio da temporada até a altura em que foi chamado a orientar a selecção nacional do seu país.

 

Entretanto, no final do jogo todos os jogadores vão desfilar pelas artérias da cidade da Beira em comemoração do título conquistado.

 

 

Fonte:Jornal Noticias

publicado por Vaxko Zakarias às 10:09
 O que é? |  O que é? | favorito
Quinta-feira, 27 DE Outubro 2016

 

OS irmãos Sidat, nomeadamente Shafee e Rafik, já moveram os processos-crime contra Artur Semedo, treinador da União Desportiva do Songo, que os acusou de terem determinado o insucesso da sua equipa na luta pelo título do Moçambola-2016, entretanto, ganho pelo Ferroviário da Beira.

 

Artur Semedo disse que os irmãos Sidat é que decidem quem deve ser campeão, quem desce de divisão e quem ascende ao Moçambola, deixando transparecer que estes estiveram por detrás da derrocada da sua equipa nas últimas quatro rondas da competição.

 

As palavras do técnico caíram como que de uma bomba se tratasse no mundo futebolístico nacional e não só.

 

Rafik Sidat foi o primeiro a reagir formalmente, com uma missiva dirigida para a Liga Moçambicana de Futebol (LMF), Federação Moçambicana de Futebol (FMF), com o conhecimento do Ministério da Juventude e Desportos (MJD) e da União Desportiva do Songo, ao mesmo tempo que os respectivos advogados avançam com processo-crime junto das instâncias judiciais, acusando Semedo de difamação e calúnia.

 

Na LMF e FMF, Rafik pediu que Semedo fundamente as suas acusações factualmente, outrossim, solicita uma punição exemplar ao técnico.

 

Num processo separado, Shafee Sidat, na qualidade de presidente da Federação Moçambicana de Atletismo (FMA), pediu a comprovação das acusações e avançou com o processo-crime por calúnia e difamação, com o conhecimento da LMF, FMF, UD Songo e MJD.

 

Neste momento os meus advogados estão a preparar o processo, que a qualquer momento irá dar entrada ao tribunal. Semedo terá de provar o meu envolvimento no seu fracasso. Já fui atacado por este senhor, agora basta, há que se fazer a justiça”, disse Shafee.

 

Refira-se que Semedo acusou a família Sidat, na tarde de domingo, após derrota da sua equipa frente ao Ferroviário da Beira, que culminou com o título de campeão para os “locomotivas”.

publicado por Vaxko Zakarias às 11:17
 O que é? |  O que é? | favorito
Quarta-feira, 26 DE Outubro 2016

 

NATURALMENTE o homem mais “feliz do mundo”, o presidente do clube, Boaventura Mahave, numa breve entrevista à saída do aeroporto, começou por realçar o facto de esta conquista acontecer exactamente na altura em que a colectividade completa 92 anos de existência.

 

Destacou também os 35 anos que passam desde que a cidade da Beira ganhou um campeonato nacional de futebol pelo Têxtil do Púnguè.

 

Humildemente, Mahave não puxou os louros si e ao seu elenco, preferindo dizer que este era o resultado de um trabalho continuado, começado por outros dirigentes do clube. “Ao longo dos anos houve muitos altos e baixos, mas desta vez conseguimos ganhar o campeonato, e penso que fomos justos vencedores”.

 

 

Fonte:Jornal Noticias

publicado por Vaxko Zakarias às 12:03
 O que é? |  O que é? | favorito

 

LEVADO aos ombros pelos seus jogadores no Songo, à chegada à Beira, Aleixo Fumo não conseguia esconder a sua satisfação, mas sem perder a serenidade que o caracteriza. Disse-nos que estava emocionado pelo carinho e forma como, apesar da hora adiantada, as pessoas permaneceram no aeroporto para os receber.

 

Isso dá muito mais valor à nossa vitória e ao nosso sentimento de missão cumprida. Todos merecemos este triunfo há bastante tempo. O segredo foi a colaboração de todos. O grupo estava coeso, a direcção também”. A terminar, Aleixo Fumo prometeu oferecer aos sócios e simpatizantes uma boa tarde de futebol no próximo domingo para a consagração, no jogo com a Liga Desportiva.

 

 

Fonte:Jornal Noticias

publicado por Vaxko Zakarias às 11:57
 O que é? |  O que é? | favorito
Outubro 2017
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
14
15
17
20
21
22
23
24
25
26
27
28
29
30
31
tags

todas as tags

mais sobre mim
pesquisar neste blog
 
últ. comentários
Joga se hoje em Lichinga ataça de Moçambiqui as fo...
Eu acho que já é o momento para a Federação Moçamb...
MANOSTAXXMapa Europeu dos Salarios por Paíshttps:/...
MANOSTAXXMapa Europeu dos Salarios por Paíshttps:/...
MANOSTAXXMapa Europeu dos Salarios por Paíshttps:/...
MANOSTAXXMapa Europeu dos Salarios por Paíshttps:/...
MANOSTAXXMapa Europeu dos Salarios por Paíshttps:/...
Para auxiliar no treino nada melhor do que receita...
Entao e em 2016 nao havera????
Gostaria de salientar que a tentativa de mínimo nã...
blogs SAPO