Este blog tem como objectivo difundir a documentação de carácter desportivo
Quarta-feira, 13 DE Abril 2016

 

ABDUL Omar foi afastado do comando técnico do Chingale devido aos maus resultados.
O empate em casa com o Estrela Vermelha de Maputo a duas bolas, depois de ter estado a ganhar por 2-0, precipitou o afastamento do “mister”.

 

No final do jogo, Abdul Omar teve de ser escoltado pela Polícia da República de Moçambique porque os adeptos “pediam a cabeça do treinador” devido às substituições efetuadas durante a partida.

 

Nos três jogos realizados o Chingale empatou dois, perdeu um e soma dois pontos, ocupando a 13.ª posição, situação que não agrada aos adeptos. A Direcção achou, por isso, estarem reunidas as condições para despedir o treinador.

 

Abdul Omar confirmou ter recebido ordens da rescisão de contrato com a equipa, alegadamente por maus resultados, mas lamenta a forma como foi despedido.

 

Penso que ainda é cedo para avançar com este tipo de decisões, afinal o campeonato está ainda na sua fase inicial e, no final do jogo com o Estrela Vermelha, tive de sair escoltado pela Polícia, porque muitos simpatizantes queriam a minha cabeça. É triste, mas a vida de um treinador é assim”, disse Abdul Omar.

 

Está assim consumada a primeira chicotada do Moçambola-2016.

 

 

Fonte:Jornal Noticias

publicado por Vaxko Zakarias às 10:14
 O que é? |  O que é? | favorito
Abril 2016
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
16
17
23
24
25
29
30
tags

todas as tags

mais sobre mim
pesquisar neste blog
 
últ. comentários
Joga se hoje em Lichinga ataça de Moçambiqui as fo...
Eu acho que já é o momento para a Federação Moçamb...
MANOSTAXXMapa Europeu dos Salarios por Paíshttps:/...
MANOSTAXXMapa Europeu dos Salarios por Paíshttps:/...
MANOSTAXXMapa Europeu dos Salarios por Paíshttps:/...
MANOSTAXXMapa Europeu dos Salarios por Paíshttps:/...
MANOSTAXXMapa Europeu dos Salarios por Paíshttps:/...
Para auxiliar no treino nada melhor do que receita...
Entao e em 2016 nao havera????
Gostaria de salientar que a tentativa de mínimo nã...
blogs SAPO