Este blog tem como objectivo difundir a documentação de carácter desportivo
Quinta-feira, 28 DE Fevereiro 2013

O MAXAQUENE parte hoje para o Botswana, onde no sábado, a partir das 16:00 horas, defronta o Mochudi Chiefs, em jogo da segunda “mão” da pré-eliminatória da Liga dos Campeões Africanos, enquanto isso, a Liga Muçulmana, representante moçambicano na Taça CAF carrega “baterias” para a recepção do Gaberone United, no mesmo dia, mas na Matola.

 

O trajecto da equipa tricolor será feito de avião até Joanesburgo, África do Sul, e a partir dai fazem-no de autocarro até Gaberone, sendo que na sexta-feira realiza o treino de adaptação no palco do encontro, o Uiniversity of Botswana Stadium, um campo com relva sintética e com capacidade para 10 mil espectadores.

 

 

A pensar no facto de terem que jogar na relva sintética, os campeões nacionais vêm treinando no Estádio da Machava, como forma de se habituarem a esta realidade, sendo que ontem realizaram a última sessão preparatória em terras nacionais.

 

 

Os “tricolores” só venceram uma partida oficial este ano da Taça de Honra frente ao Ferroviário, por 1-0, tendo perdido os restantes encontros, primeiro, com a Liga Muçulmana, na Supertaça, depois com o Mochudi, na primeira “mão” da Liga dos Campeões, e no último sábado foram derrotados pelo Costa do Sol, na Taça de Honra-Colgate.

 

 

Contudo, isso não retira a motivação e crença para o embate de sábado em Gaberone. Os jogadores deixaram transparecer que estão animados e até despreocupados com o mau início de época, pois acreditam que com o tempo o Maxaquene voltará a ganhar a coesão e qualidade, virtudes que lhe conferiram o título de campeã nacional.  

 

 

Enquanto isso, a Liga Muçulmana só pensa na transição, depois do empate em casa do adversário (2-2). Os “muçulmanos” são optimistas e só pensam na vitória. O treinador português Litos disse que a Liga jogará abertamente ao ataque, mas com precauções defensivas, na tentativa de marcar mais golos e evitar surpresas, respectivamente.
Fonte:Jornal Noticias
publicado por Vaxko Zakarias às 10:54
 O que é? |  O que é? | favorito

CREIO que vamos passar a eliminatória. Apesar de termos perdido em casa, demonstramos ter melhor equipa. Jogamos bem, mas desperdiçamos oportunidades de golo. Se estivermos mais concentrados na finalização, acredito que vamos continuar nas Afrotaças”, opina Betinho.

 

 

Betinho, melhor marcador do Moçambola há dois anos, acredita que vai voltar a fazer gosto ao pé. “Sinto que a equipa precisa dos meus golos. Quando não se marca não se ganham jogos e é neste momento que os avançados têm que aparecer. Para tal conto com o apoio dos meus colegas”.
Fonte:Jornal Noticias
publicado por Vaxko Zakarias às 10:51
 O que é? |  O que é? | favorito

PROMETO marcar golos e ajudar o Maxaquene a passar à próxima eliminatória. A cada treino sinto-me mais entrosado com o grupo, vou assimilando aquilo que o treinador me pede e estou confiante num bom jogo”, afirmou Maurício.

 

 

Aquele reforço dos campeões nacionais pede paciência aos adeptos e apela à tranquilidade. “A equipa está em reconstrução. Como eu, há muitos outros jogadores novos no plantel, que precisam de tempo para se adaptarem aos novos processos de jogo. Acredito que jogo-a-jogo vamos melhorando e quem sabe, contra o Mochudi podemos vencer”. 

 

 

O avançado, um dos mais experientes da equipa, faz uma avaliação positiva da equipa e acredita na “cambalhota” na eliminatória.
Fonte:Jornal Noticias
publicado por Vaxko Zakarias às 10:49
 O que é? |  O que é? | favorito

NÃO estamos tão mal como se diz. Penso que está a faltar concentração à equipa e concretização das ocasiões de golo que criamos. São estes aspectos que temos que corrigir já em Botswana”, disse Kito, adiantando que o Maxaquene tem estado a jogar bem e está a faltar sorte.

 

 

No jogo contra a equipa do Botswana fizemos uma boa exibição, atacámos, criamos situações para marcar e acabamos sofrendo um golo contra a corrente de jogo. A sorte não esteve connosco, espero que a história seja contrária”.

 

 

 

Fonte:Jornal Noticias

publicado por Vaxko Zakarias às 10:44
 O que é? |  O que é? | favorito

O “CENTRAL” Zainadine Júnior está confiante na transição da Liga Muçulmana. E para tal, aponta para maior concentração da equipa sobretudo nos minutos iniciais da partida, de modo a evitar surpresas. Disse que a Liga tem vindo a preparar-se até ao pormenor com o objectivo de não sofrer golos, mas também para marcar.

 

 

Preparamo-nos de modo a ganhar o jogo, apesar de que teremos uma equipa que pressiona muito e que está bem fisicamente”, comentou.

Questionado sobre a melhor estratégia da Liga, tendo em conta o desfecho da primeira “mão”, Zainadine Júnior frisou que, jogando em casa, é obrigação ganhar.

 

 

Por isso que temos que jogar ao ataque e, acima de tudo, muito concentrados, principalmente nos primeiros 15 minutos, com vista a anular e impedir qualquer investida do adversário”, concluiu.
Fonte:Jornal Noticias
publicado por Vaxko Zakarias às 10:40
 O que é? |  O que é? | favorito

O ATACANTE Reginaldo está apostado em marcar neste jogo decisivo. O atleta disse que tem se aplicado muito no trabalho com o objectivo de evoluir e fazer golos, sendo esta uma das suas principais tarefas no embate de sábado.

 

 

A minha missão é fazer golos e fico feliz quando marco. Penso que conhecemos minimamente o adversário e o importante neste momento é encará-lo como se tratasse de uma final. Só assim podemos alcançar os nossos objectivos”, elucidou.
Fonte:Jornal Noticias
publicado por Vaxko Zakarias às 10:29
 O que é? |  O que é? | favorito
Quarta-feira, 27 DE Fevereiro 2013

CONFIANÇA é algo que não falta aos jogadores do Maxaquene no que respeita ao jogo da segunda “mão” da Liga dos Campeões Africanos, a disputar-se no sábado, com o Mochudi Chiefs do Botswana.

 

Os “tricolores”, apesar de partirem com uma desvantagem de 1-0, resultado da primeira “mão”, em Maputo, acreditam que podem chegar à terra dos tswanas e anular este resultado.

 

 

No treino de ontem, realizado no Estádio da Machava, e debaixo de um calor intenso, Arnaldo Salvado, que também deposita fé na reviravolta na eliminatória, orientou mais uma sessão de preparação para o desafio com o campeão do Botswana, que decidirá a continuidade ou não da turma “tricolor” nas Afrotaças.

 

 

Salvado focalizou os treinos na recuperação física dos jogadores, após o jogo de sábado com o Costa do Sol, o passe, cruzamento e remates à baliza, numa sessão que durou pouco mais de uma hora.

 

 

Todos os jogadores marcaram presença naquele que foi o penúltimo treino antes da partida para o Botswana, prevista para amanhã.

A convocatória final será divulgada hoje logo após o último treino em solo moçambicano.
Fonte:Jornal Noticias
publicado por Vaxko Zakarias às 11:24
 O que é? |  O que é? | favorito

NÃO podemos negar que estamos a ter um início de época complicado. A mudança no plantel com saída e entrada de jogadores obriga-nos a novos procedimentos de jogo. Mas, mesmo assim, acredito que temos condições para reverter a eliminatória”, disse Macamito, capitão do Maxaquene.

 

 

Macamito defende que o facto de o plantel ser constituído por jogadores com larga experiência nas competições africanas pode ser determinante na passagem à eliminatória seguinte.

 

 

Felizmente temos jogadores experientes, habituados a lhe dar com este tipo de situações. Vamos fazer de tudo para reverter esta eliminatória, até porque, embora tenhamos perdido com a equipa do Botswana, fizemos um grande jogo, o melhor até este momento, só falhámos no capítulo da finalização”.

 

 

 

Fonte:Jornal Noticias

publicado por Vaxko Zakarias às 11:21
 O que é? |  O que é? | favorito

OS adeptos do Maxaquene, em particular, não devem ficar preocupados com este início de época. É preciso perceber que a equipa sofreu algumas mudanças e que é preciso dar tempo aos novos jogadores, sobretudo, para assimilarem os processos de jogo”, Gabito.

 

 

 

Gabito pediu tranquilidade aos apoiantes do clube “tricolor” e deixou a promessa de que os jogadores farão das tripas o coração para transitar à próxima eliminatória.

 

 

Da mesma forma que o Mochudi veio à Maputo ganhar, nós também podemos ir a Gaberone fazer o mesmo. Estamos conscientes de que não será fácil, visto que a preparação do nosso adversário está mais adiantada, mas temos possibilidade de superar esta eliminatória”. 

 

 

Fonte:Jornal Noticias

publicado por Vaxko Zakarias às 11:07
 O que é? |  O que é? | favorito
Segunda-feira, 18 DE Fevereiro 2013

O MAXAQUENE perdeu, em casa, por 1-0, com o Mochudi Chiefs, enquanto que a Liga Muçulmana empatou, fora, a dois golos com o Gaberone United, na pré-eliminatória da Liga dos Campeões Africanos e Taça CAF, respectivamente.

 

Como esta derrota, caseira, a equipa “tricolor” compromete a passagem à primeira eliminatória, na medida em que segue para o Botswana a ter que, obrigatoriamente, vencer para transitar à próxima fase. O golo da formação tswana foi marcado já no tempo de compensação e numa altura em que os treinados de Arnaldo Salvado tentavam a todo custo chegar ao golo da vitória.

 

 

A Liga está numa situação bem mais cómoda se se atender que se pode dar-se ao luxo de empatar, a zero ou a um golo, para carimbar o passaporte para a próxima eliminatória.

 

 

Os golos da formação “muçulmana” foram marcados por Zicco e Josimar. A turma treinada por Litos esteve sempre na frente do marcador tendo permitido o empate por duas vezes. Face a marcha do marcador, o empate acabou sabendo a pouco, já que a Liga podia ter vencido.Na primeira semana do próximo mês realiza-se a segunda “mão” de ambas das referidas competições com o Maxaquene a deslocar-se ao Botswana e a Liga a jogar no seu campo.

 

 

Nos últimos anos a prestação das formações moçambicanas nas Afrotaças têm sido desastrosas. O máximo que tem conseguido alcançar é a primeira eliminatória, mas há anos que ficam mesmo pela pré-eliminatória. Aliás, em 2011, a Liga Muçulmana e o Maxaquene não foram além da pré-eliminatória.

 

 

Entretanto, este ano, as equipas moçambicanas apostam forte, na passagem à eliminatória, motivo pelo qual realizaram uma pré-época muito movimentada com jogos treinos além fronteiras.

 

 

O Maxaquene preparou-se na Suazilândia, enquanto que a Liga Muçulmana instalou-se em Joanesburgo, onde efectuou jogos treino com alguns dos clubes de renome daquele país vizinho.

 

 

 

 

Fonte:Jornal Noticias

publicado por Vaxko Zakarias às 11:47
 O que é? |  O que é? | favorito
Outubro 2017
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
14
15
17
18
19
20
21
22
23
24
25
26
27
28
29
30
31
tags

todas as tags

mais sobre mim
pesquisar neste blog
 
últ. comentários
Joga se hoje em Lichinga ataça de Moçambiqui as fo...
Eu acho que já é o momento para a Federação Moçamb...
MANOSTAXXMapa Europeu dos Salarios por Paíshttps:/...
MANOSTAXXMapa Europeu dos Salarios por Paíshttps:/...
MANOSTAXXMapa Europeu dos Salarios por Paíshttps:/...
MANOSTAXXMapa Europeu dos Salarios por Paíshttps:/...
MANOSTAXXMapa Europeu dos Salarios por Paíshttps:/...
Para auxiliar no treino nada melhor do que receita...
Entao e em 2016 nao havera????
Gostaria de salientar que a tentativa de mínimo nã...
Posts mais comentados
blogs SAPO