Este blog tem como objectivo difundir a documentação de carácter desportivo
Quinta-feira, 12 DE Outubro 2017

 

O Conselho de Disciplina da Federação Moçambicana de Futebol (FMF) desclassificou a Liga Desportiva de Monapo do Campeonato Nacional da Divisão de Honra pela zona Norte do país,por se ter provado o seu envolvimento no suborno aos árbitros, no jogo frente ao Sporting de Nampula, referente à 10ªjornada da segunda volta do certame, o qual foi interrompido aos 79 minutos, quando os ’’leões’’ venciam por uma bola a zero.Para além desta medida, o Conselho de Disciplina daFMF deliberou igualmente que a Liga de Monapo deveria pagar uma multa de 120 mil meticais por esta ter aliciado a equipa de arbitragem, chefiada por Inácio Sitoe.

 

Consta também desta deliberação a punição de Cristóvão Alfredo (vice-presidente da Liga Desportiva de Monapo) e do trio de arbitragem, constituído por Inácio Sitoe, Wazir Ibraimo e Celestino Muita, com as penas de irradiação, cabendo ainda uma multa de 95 mil meticais para o vice-presidente da Liga, que no jogo em referência desempenhou, cumulativamente, as funções de delegado do clube. 

 

Recorde-se que no dia 11 de Julho do ano em curso, a Procuradoria-Geral da República (PGR), através de Francisco Baúque, procurador da província de Nampula, oficializou a detenção dos árbitros implicados, bem como do delegado e vice-presidente da Liga Desportiva de Monapo, mas não tardou para que a mesma entidade os restituísse à liberdade, a 13 de Julho deste ano.

 

No referido jogo, os adeptos da equipa da casa começaram a arremessar pedras, laranjas e garrafas de água para o interior do campo, o que obrigou a intervenção da Unidade de Intervenção Rápida (UIR), que disparou granadas de gás lacrimogéneo como forma de dispersar os arruaceiros.

 

A comitiva do Sporting de Nampula só abandonou as instalações do comando distrital, onde se havia refugiado por vota das 22.00 horas e foi escoltada pela polícia até à estrada principal, visto que a população ameaçava atacar a mesma.

 

 

Fonte:Desafio

publicado por Vaxko Zakarias às 11:40
 O que é? |  O que é? | favorito

 

O Ferroviário de Maputo derrotou (1-0) esta tarde,  o Ferroviário da Beira,  em do jogo de atraso referente à 27ª jornada do Moçambola. Mário, àpassagem do minuto 65, marcou o único golo da partida. 

 

Carlos Manuel, treinador do Ferroviário de Maputo, pretende terminar o campeonato da melhor forma possível, apesar de ter falhado os principais objectivos da temporada, onde o primeiro era ser campeão nacional e o segundo vencer a Taça de Moçambique.O técnico dos locomotivas locais afirma que fazer as jornadas em falta e alcançar um lugar digno daquilo que é a grandeza do Ferroviário de Maputo significa jogar para ganhar, apesar de reconhecer que o adversário tem também as mesmas pretensões e tem legitimidade para tal.

 

Caló salienta que conta com o factor casa e a motivação para subir os degraus que pretende na tabela classificativa. Apesar de ter alguns jogadores lesionados, tem cerca de 90 por cento dos jogadores em condições para alcançar os seus objectivos.

 

 

Fonte:Desafio

publicado por Vaxko Zakarias às 11:17
 O que é? |  O que é? | favorito

 

A província de Nampula destacou-se na 5ª edição do “Sexta no Ringue”, que no lugar de decorrer na sexta-feira, como vem sendo hábito, acabou tendo lugar na noite de domingo último, no pavilhão do Ferroviário de Nacala.

 

Os pugilistas de Nampula conquistaram quatro medalhas de ouro, numa prova disputada por três províncias, nomeadamente Nampula, Sofala e Manica.A prova estava dividida em cinco categorias, em que Nampula sentiu o sabor da vitória em quatro delas, tendo a primeira vitória sido garantida nos 52 kg, em que Felisberto Aly derrotou Fainosse Artur (Manica), por 3-0.

 

Na segunda categoria (64 kg), disputada por Alex Luísa (Sofala) e Japocheco Salvador (Nampula), a pugilista de Nampula levou a melhor, por 2-1.

 

Alfredo Jamal garantiu o terceiro ouro para Nampula, derrotando Nataniel Machava (Sofala), por 3-0, na categoria de 69 kg, e por fim, na categoria de 81 kg, dois atletas de Nampula mediram forças entre si, com Gaio Viegas a vencer Abudul Razac, também por 3-0.

 

O único combate em que Nampula não saiu vencedor foi no da categoria de 75kg, em que Ananias Rua (Nampula) perdeu para Regan José, de Manica, por KO técnico.

 

De recordar que o “Sexta no Ringue” é organizado pela Federação Moçambicana de Boxe, com o objectivo de promover a prática da modalidade no país, e foi introduzido pelo novo presidente da instituição, Gabriel Júnior.

 

 

Fonte:Desafio

publicado por Vaxko Zakarias às 10:52
 O que é? |  O que é? | favorito
Outubro 2017
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
14
15
17
21
22
23
27
28
29
30
Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

subscrever feeds
tags

todas as tags

mais sobre mim
pesquisar neste blog
 
últ. comentários
Joga se hoje em Lichinga ataça de Moçambiqui as fo...
Eu acho que já é o momento para a Federação Moçamb...
MANOSTAXXMapa Europeu dos Salarios por Paíshttps:/...
MANOSTAXXMapa Europeu dos Salarios por Paíshttps:/...
MANOSTAXXMapa Europeu dos Salarios por Paíshttps:/...
MANOSTAXXMapa Europeu dos Salarios por Paíshttps:/...
MANOSTAXXMapa Europeu dos Salarios por Paíshttps:/...
Para auxiliar no treino nada melhor do que receita...
Entao e em 2016 nao havera????
Gostaria de salientar que a tentativa de mínimo nã...
blogs SAPO