Este blog tem como objectivo difundir a documentação de carácter desportivo
Sexta-feira, 02 DE Junho 2017

 

A Confederação Africana de Futebol (CAF) compensou o esforço empreendido pelo campeão nacional e marcou o jogo deste sábado (às 15.00 horas), para a terceira jornada, frente ao Al Merreikh do Sudão para o “caldeirão” do Chiveve e jubilo dos beirenses não se fez esperar nas redes sociais.

 

Mais do que a esperada aprovação para os jogos da fase de grupos da “Champions” - o inspector sul-africano Ian McLeod da CAF havia ficado maravilhado com o novo “caldeirão” - a confederação decidiu mesmo pela remarcação do jogo da terceira jornada entre o campeão moçambicano e o Al Merreikh do Sudão para o “novo” recinto, jogo que numa primeira fase havia sido marcado para o Estádio Nacional do Zimpeto (ENZ), porque o relatório da inspecção realizada no dia 21 de Maio foi  abonatório.

 

Boaventura Mahave, presidente de direcção, considera a marcação para o Chiveve como vitória para todos, destacando-se o Governo, a vários níveis, os Caminhos de Ferro de Moçambique (CFM), a Federação Moçambicana de Futebol (FMF) e a Associação Provincial de Futebol de Sofala, entre outros.

 

O facto é que o “caldeirão” está apresentável e com nova imagem após trabalhos de melhorias feitos com a entrada na fase de grupos do campeão nacional. Agora, o Chiveve tornou-se no segundo melhor campo do país para jogos internacionais depois do ENZ.

 

Atanásio Zandamela

 

Fonte:Desafio

publicado por Vaxko Zakarias às 11:21
 O que é? |  O que é? | favorito

 

O Chingale está numa fase bastante delicada no campeonato e o técnico português Carlos Graça aponta as vitórias imediatas como primeiro antídoto para ultrapassar a ansiedade

 

factor que poderá conferir maior tranquilidade aos jogadores, a direcção e a massa associativa, podendo, assim, disputar o que resta sem grande pressão.

 

Encontramos o técnico José Carlos Freitas Graça, que é conhecido por Carlos Graça, um dia depois da derrota do Chingale frente à Associação Desportiva de Macuácua por 3-1, referente a décima quarta jornada do Moçambola-2017. O português, da Madeira, de 53 anos de idade, estava desolado com o resultado, mas preferia pensar nos passos a dar mais a frente, que se lamentar pelo sucedido, que iniciou praticamente com o atraso do autocarro que ia transportar a equipa de Maputo à província de Gaza, que resultou na chegada tardia ao local do jogo, ou seja, muito perto da hora marcada (15.00 horas), obrigando o início para trinta minutos mais tarde.

 

 - O cansaço acabou por ter alguma influência no desempenho da equipa, mas não posso basear-me apenas na fadiga para justificar o resultado. Tenho de pensar em outros factores para melhorar a nossa prestação, começou por dizer Carlos Graça.

 

Joca Estêvão

 

 

Fonte:Desafio

publicado por Vaxko Zakarias às 10:49
 O que é? |  O que é? | favorito
Junho 2017
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
15
16
17
18
19
20
21
22
23
24
25
26
27
28
29
30
Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

subscrever feeds
tags

todas as tags

mais sobre mim
pesquisar neste blog
 
últ. comentários
Joga se hoje em Lichinga ataça de Moçambiqui as fo...
Eu acho que já é o momento para a Federação Moçamb...
MANOSTAXXMapa Europeu dos Salarios por Paíshttps:/...
MANOSTAXXMapa Europeu dos Salarios por Paíshttps:/...
MANOSTAXXMapa Europeu dos Salarios por Paíshttps:/...
MANOSTAXXMapa Europeu dos Salarios por Paíshttps:/...
MANOSTAXXMapa Europeu dos Salarios por Paíshttps:/...
Para auxiliar no treino nada melhor do que receita...
Entao e em 2016 nao havera????
Gostaria de salientar que a tentativa de mínimo nã...
blogs SAPO