Este blog tem como objectivo difundir a documentação de carácter desportivo
Quarta-feira, 20 DE Abril 2016

 

A SELECÇÃO Nacional de Ténis Feminino, composta por Cláudia Sumaia, Marieta Nhamitambo e Érica Nicole Dias, e que representou Moçambique no “Fed Cup”, realizado recentemente em Montenegro, terminou sem pontuar naquele torneio de “Grand Slam”, uma versão feminina do “Davis Cup”.

 

A equipa moçambicana ficou no último lugar na “poule” D, integrando ainda o país anfitrião, Marrocos, Noruega e Kosovo, isto no Grupo 3, denominado Europa/África, envolvendo 17 países, distribuídos por várias séries.

 

 

Com este desfecho, Moçambique foi afastado precocemente do evento, que compreende várias etapas e apura a melhor tenista do mundo.

 

 

Esta é a segunda vez consecutiva desde a estreia de Moçambique no torneio, entanto que membro do Grupo “B” de pleno direito da Federação Internacional de Ténis (ITF), que a Selecção Nacional não consegue pontuar.

 

Entretanto, Cláudia Sumaia e Marieta Nhamitambo, respectivamente campeã e vice-campeã nacionais, participaram no evento pela segunda vez, enquanto Nicole Dias foi estreante.  

 

 

Fonte:Jornal Noticias 

publicado por Vaxko Zakarias às 12:28
 O que é? |  O que é? | favorito

 

O judo é outra modalidade que ainda não tem a fase de qualificação para os Jogos Olímpicos concluída. Os judocas nacionais participam no próximo mês do campeonato africano, que terá lugar na Tunísia, prova que apura os representantes do nosso continente àquele mega-evento planetário.

 

Moçambique far-se-á representar nesta modalidade por Marlon Acácio, na categoria dos -81, um dos atletas mais cotados da actualidade a nível nacional. Marlon é, para já, a grande esperança de Moçambique em chegar ao Rio de Janeiro. Outros são os experientes Neuso Sigaúque (69kg), que esteve nos Jogos Olímpicos de Londres há quatro anos, Edson Madeira (73kg) participou nos de 2008 e o jovem Bruno Luzia (69kg).

 

Refira-se que Moçambique tem neste momento apenas três atletas apurados, nomeadamente Kurt Couto, em atletismo, e uma dupla de canoagem.

 

 

Fonte:Jornal Noticias

publicado por Vaxko Zakarias às 12:14
 O que é? |  O que é? | favorito

 

A SELECÇÃO Nacional de Voleibol de Praia Sénior Feminina falha os Jogos Olímpicos do Rio de Janeiro, depois de fracassar no campeonato africano da modalidade que decorreu no fim-de-semana em Abuja, na Nigéria.

 

As duplas nacionais, constituídas por Leocádia Manhiça-Vanessa Muianga e Sátira Chongo-Lizi Camubla, saíram sem glória da capital da Nigéria, onde traduziram em derrotas todos os seus confrontos.

 

Com efeito, no primeiro embate, as moçambicanas perderam diante das namibianas, por 2-1, ou seja, dos três sets, as duplas nacionais conseguiram vencer um. O mesmo resultado verificou-se no confronto com o Ruanda, um dos adversários que era, à partida, dos mais acessíveis.

 

O terceiro confronto das duplas nacionais foi com as marroquinas, uma das candidatas à qualificação e, novamente, voltaram a descarrilar, também por 2-1.

 

O quarto e último confronto opôs as nossas voleibolistas às egípcias, com as quais foram despachadas logo no segundo set, ou seja, perderam por 2-0.

 

Após este fracasso, ao nosso país resta a tentativa em masculinos, que estarão em acção de 4 a 8 de Maio próximo, em Túnis, na Tunísia. Para já, ainda não há convocatória, mas sete atletas estão em preparação, sendo que o destaque vai para Carlitos e Délcio, que conquistaram a medalha de prata nos Jogos Africano de 2015, que tiveram lugar em Brazzaville, na República do Congo.

 

 

Fonte:Jornal Noticias

publicado por Vaxko Zakarias às 11:56
 O que é? |  O que é? | favorito

 

A SELECÇÃO Nacional de Natação, que de hoje até o dia 24 do mês em curso participa no Campeonato Africano, nas Maurícias, e que também apura para os Jogos Olímpicos do Rio de Janeiro-2016, a acontecerem em Agosto, ficou reduzida de 20 a dois atletas por limitações financeiras.

 

Aliás, na incapacidade de suportar os encargos para uma selecção mais abrangente e composta por 20 atletas, e as dificuldades apresentadas pelo Governo e que culminaram com o corte em 50 por cento do orçamento de compartição para as federações nacionais, a Federação Moçambicana de Natação (FMN) viu-se obrigada a considerar apenas a participação no evento dos nadadores mais próximos dos mínimos B de acesso aos Jogos Olímpicos do Rio de Janeiro.

 

Assim sendo, a delegação para as Maurícias é composta pelos atletas Igor Mogne, que nada em Portugal, onde actualmente reside, e Jannah Sonnenschein, italiana naturalizada moçambicana e bolseira do Comité Olímpico de Moçambique e que pratica natação e vive nos Estados Unidos da América.

 

Recordar que Jéssica Cossa  –  que reside na Rússia onde se dedica a esta modalidade e estuda – é, a par de Igor Mogne, forte concorrente aos mínimos olímpicos, mas não integra a delegação para as Maurícias por opção técnica, visto que vai decorrer, em Moscovo, coincidentemente no arranque do “Africano” das Maurícias, uma prova de carácter internacional e que qualifica para os Jogos Olímpicos do Rio de Janeiro.

 

O secretário-geral da FMN, Edgar Chitsondzo, explicou que sendo o “Africano” das Maurícias uma competição também de âmbito regional, a FMN achou conveniente que Jéssica Cossa participasse na prova internacional na Rússia, visto que hoje, data do início do campeonato em Port Louis, disputam-se provas de 50 metros nas quais a nadadora tem a possibilidade de reduzir a distância em relação aos mínimos olímpicos.

 

Salientar que Denilson da Costa, vice-campeão nacional de seniores, é a grande baixa entre os nadadores que concorrem para os mínimos olímpicos.

 

O nadador do Tubarões de Maputo está em recuperação depois de ter partido a clavícula no incidente que vitimou, em finais de Fevereiro último, o seleccionador nacional e treinador da equipa, Frederico dos Santos, na sequência do desabamento do muro de vedação da Piscina Olímpica do Zimpeto, onde decorria mais uma prova organizada pela Associação de Natação da Cidade de Maputo. O tipo de lesão que Denilson da Costa sofreu exige uma recuperação lenta e que o colocará fora das piscinas durante sensivelmente três meses. 

 

Entretanto, dados disponibilizados pela FMN dão conta de que Igor Mogne e Jéssica Cossa são os únicos que se apresentam mais próximos dos mínimos “B” em 50 metros livres.

 

Jéssica Cossa detém a marca de 26,81 segundos, estando a 64 centésimos do mínimo, fixado em 26,17. Igor Mogne regista, por seu turno, o tempo de 23,74 segundos, estando a 69 centésimos do mínimo, fixado em 23,05 segundos.

 

Jéssica Cossa concorre ainda em 200 livres, 100 e 200 costas, mas a diferença que a separa dos mínimos é comparativamente maior nestas especialidades, porque supera dois segundos.

 

Enquanto isso, Igor Mogne, que foi campeão de seniores e três vezes recordista absoluto nos últimos campeonatos nacionais, concorre ainda para os mínimos “B” nos 100 metros livres, estando a 97 centésimos. Igor Mogne detém a marca de 51,67 segundos, sendo que o mínimo “B” está fixado em 50,70.

 

Jannah Sonnenschein concorre, por seu turno, para o mínimo “B” nos 50, 100 e 200 livres; 100 costas; 100 e 200 bruços; 100 e 200 mariposa; e 200 estilos. Apenas em 50 livres regista a sua melhor marca (27,79), estando a 1,62 do mínimo “B”. Nas restantes especialidades, Sonnenschein encontra-se a mais de dois segundos do alcance dos respectivos mínimos.

 

No entanto, na esteira da luta pela qualificação aos Jogos Olímpicos, Igor Mogne tem, para além do “Africano” das Maurícias, mais três competições, nomeadamente o “Meeting” Internacional de Coimbra, Portugal, de 28 a 29 de Maio; “More Nostrum” de Barcelona, Espanha, de 11 a 12 de Junho e “7 Colinas Roma”, Itália, de 23 a 26 de Junho.   

 

Enquanto isso, Jéssica Cossa participa ainda no Campeonato Nacional em Moscovo, Rússia, de 16 a 23 de Abril; “Turkcell Open Championship”, em Ancara, Turquia, de 26 a 29 de Maio; e também “7 Colinas Roma”, na Itália.

 

Por último, Jannah Sonnenschein tem, para além do “Africano” das Maurícias, mais uma competição: o “Speedo Sectional Championship Meet”, em Auston, Estados Unidos da América, a 31 de Abril.

 

 

Fonte:Jornal Noticias

publicado por Vaxko Zakarias às 11:42
 O que é? |  O que é? | favorito

 

FALECEU na noite de sábado, em Nampula, a pugilista moçambicana Rosa Maria Manuel, vítima de doença prolongada.

 

Nascida a 19 de Outubro de 1988, Rosa Manuel, como era carinhosamente tratada no ambiente do pugilismo nacional, iniciou a sua carreira desportiva em 2004, na Academia Bebe Issufo, em Nampula, onde viveu até à sua morte.

 

Aliás, dados em nosso poder indicam que a malograda foi a primeira mulher moçambicana a engrenar no boxe, tendo ao longo da sua carreira conquistado nove medalhas, sendo cinco de ouro, uma de prata e três de bronze.

 

Na sua carreira, Rosa Manuel envergou a Selecção Nacional por duas ocasiões, uma das quais na deslocação à Namíbia, para além de ter estado nos Jogos Africanos de Maputo, em 2011, embora não tivesse combatido pelo facto de não ter havido boxe feminino.

 

Entretanto, em 2008 frequentou, com sucesso, o curso de professorado, tendo em 2009 começado a leccionar na Escola Primaria de Napipine de Nampula.

 

Portanto, neste momento de dor a Redacção Desportiva deste Jornal apresenta à família enlutada, em particular, e aos desportistas, em geral, as mais sentidas condolências.

 

 

Fonte:Jornal Noticias

publicado por Vaxko Zakarias às 11:37
 O que é? |  O que é? | favorito

 

OS chefes de departamento do desporto a nível central e local estão, desde hoje até amanhã, na vila da Namaacha, província de Maputo, em reunião nacional, um evento promovido pelo Instituto Nacional do Desporto (INADE), órgão subordinado ao Ministério da Juventude e Desportos (MJD).

 

O evento será oficialmente aberto esta manhã pelo Ministro do pelouro, Alberto Nkutumula, tendo como agenda os seguintes pontos: Balanço do PES 2016 – Primeiro Trimestre; Proposta de Subsistema de Formação dos Agentes Desportivos; Informe sobre o Código de Ética e Conduta Desportiva, Proposta de Qualificadores Profissionais da área do desporto; Estágio de preparação de eventos desportivos internacionais; Ponto de situação da Construção e Reabilitação de Infra-estruturas Desportivas; Elaboração das linhas gerais da proposta do PES 2017 e Capacitação dos técnicos em matérias ligadas ao desporto, entre outros temas.

 

O objectivo da reunião é tornar o processo de planificação mais abrangente, realístico e produtivo, segundo uma nota do INADE recebida na nossa Redacção.

 

 

Fonte:Jornal Noticias

publicado por Vaxko Zakarias às 11:29
 O que é? |  O que é? | favorito

GRUPO A

 

Moçambique-Zâmbia (4-4)

África do Sul-Tunísia (1-7)

 

GRUPO B

 

Egipto-Angola (4-2)

Marrocos-Líbia (3-2)

 

HOJE

 

Orlando Indoor Arena

18:00 h - Líbia-Angola

 

Ellis Park Arena

 

18:00 h - Egipto-Marrocos

 

CLASSIFICAÇÃO ACTUAL

 

GRUPO A

 

                          J         V            E            D             G         P

 

Moçambique     3        2          1          0          11-8     7

Zâmbia           3         1          1          1          8-9       4

Tunísia           3         1          0          2          10-9     3

África do Sul    3         1          0          2          8-14     3

 

GRUPO B

 

                         J           V            E            D             G         P

 

Marrocos         2         2           0          0          8-4       6

Egipto            2          1          1          0          4-2        4

Líbia               2          0          1          1          2-3       1

Angola            2          0          0          2          4-9       0

 

IVO TAVARES, em Joanesburgo

 

 

Fonte:Jornal Noticias

publicado por Vaxko Zakarias às 10:59
 O que é? |  O que é? | favorito

 

NA noite de segunda-feira, no Ellis Park Arena, viveram-se momentos de tristeza para uns e de alegria para outros.

 

A selecção angolana disse adeus à competição ao sucumbir diante do Egipto, por 4-2, em jogo da segunda jornada do Grupo “B”, depois de na ronda inaugural ter perdido com Marrocos, por 5-2. Com zero pontos e tendo mais um jogo por disputar, a selecção angolana já não pode alcançar Marrocos e Egipto com seis e quatro pontos, respectivamente.

 

No mesmo grupo houve motivo para uma grande celebração com Marrocos a carimbar o passaporte para as meias-finais após bater a Líbia, por 3-2, naquele que foi o melhor jogo até ao momento.

 

 Os marroquinos venciam por 3-0, mas os líbios nunca deitaram a toalha ao chão e reduziram para 3-2 quando faltavam dois minutos para o fim. Até ao final, a Líbia, campeã africana, esteve perto de empatar, mas sem sucesso.

 

Consumou-se a primeira surpresa da prova, já que se esperava que a turma líbia, orientada por um técnico espanhol, fosse somar os três pontos. 

 

Na terceira jornada, a última, a Líbia terá de ganhar Angola e esperar que Marrocos vença Egipto para se apurar. Os jogos terão lugar amanhã.

 

A Líbia, detentora do título, está na iminência de cair fora da prova ainda na fase de grupos. Neste momento, Egipto e Marrocos surgem como potenciais adversários de Moçambique nas meias-finais.

 

 

Fonte:Jornal Noticias

publicado por Vaxko Zakarias às 10:36
 O que é? |  O que é? | favorito

 

A SELECÇÃO Nacional de futsal carimbou, na noite de ontem, o apuramento para as meias-finais do Campeonato Africano de Futsal, ao empatar com a Zâmbia poe 4-4, em partida da terceira e última jornada do Grupo A.

 

O apuramento da equipa nacional para as meias-finais era aguardado com enorme expectativa, na medida em que as vitórias anteriores diante da África do Sul (7-4) e Tunísia (4-1) tinham deixado bem em aberto a possibilidade de fazer o pleno na fase de grupos. Moçambique não conseguiu fazer o pleno, mas chega à fase de grupos como a único imbatível do grupo.

 

Com o primeiro lugar garantido, é certo que Moçambique defrontará o segundo classificado do grupo B. Resta saber se será o Marrocos, Egipto ou a Líbia.

 

ATÉ DEU PARA RELAXAR

 

Moçambique entrou ao ataque e poderia ter, nos primeiros minutos, chegado ao golo. Favito, Carlão e Dino tiveram várias oportunidades para marcar. Não acusaram as ausências de Caló (suspenso por um jogo) e Ziraldo (lesionado), já que os que foram chamados provaram serem suplentes válidos, casos de Ricardo (entrou de início), Mário Júnior, Lamarques e Da Silva. Mas, apesar da boa entrada da equipa nacional, foi a Zâmbia a marcar. Chama tirou proveito de alguma passividade da defesa para rodar e rematar forte. Estavam jogados sete minutos. O golo não abalou o conjunto moçambicano. Reflexo disso foi a reacção rápida que resultou dois minutos depois com o golo de Manuel Júnior para Moçambique. Estava feito o empate. O combinado nacional manteve-se em cima dos zambianos à procura do 2-1, mas, outra vez contra a corrente do jogo, Chungu deu vantagem à equipa treinada pelo italiano Augusto Solazzi.

 

Tal como aconteceu no primeiro golo da Zâmbia, o colectivo nacional reagiu rápido e fez o 2-2 no minuto seguinte. Grande jogada de envolvimento entre Carlão e Lamarques e bem concluída por Favito. Foi com um empate que as equipas saíram para o intervalo.

 

A segunda parte trouxe uma equipa nacional mais eficaz e dominadora. Logo aos quatro minutos, Favito voltou a fazer o gosto ao pé e aos sete foi Dino a aumentar o “score” para 4-2. Já a pensar nas meias-finais e com o primeiro lugar do grupo garantido, os comandados de Naymo Abdul relaxaram e permitiram que, na ponta final, Ndhlovu e Kagawa fizessem o terceiro e o quarto golo, respectivamente. Com 4-4 no marcador, as duas equipas limitaram-se a trocar a bola, já que, com este resultado, ambas estavam apuradas para as meias-finais, isto porque noutro jogo a África do Sul foi goleada, 7-1, pela Tunísia, e ficou afastada.

 

No final do jogo, as duas equipas festejaram efusivamente pela passagem para as meias-finais.

 

FICHA TÉCNICA

 

ÁRBITRO: Hassan Youssef (Egipto) e Ahmed Ali (Líbia). O terceiro árbitro foi Adalbert Diouf.

 

CINCOS INICIAIS

 

MOÇAMBIQUE: Nelson; Favito, Carlão, Dino e Ricardo.

 

ZÂMBIA: Phiri; Mubita, Chishala, Ndhlovu e Chama.

 

 

Fonte:Jornal Noticias

publicado por Vaxko Zakarias às 10:17
 O que é? |  O que é? | favorito
Abril 2016
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
16
17
23
24
25
29
30
subscrever feeds
tags

todas as tags

mais sobre mim
pesquisar neste blog
 
últ. comentários
Joga se hoje em Lichinga ataça de Moçambiqui as fo...
Eu acho que já é o momento para a Federação Moçamb...
MANOSTAXXMapa Europeu dos Salarios por Paíshttps:/...
MANOSTAXXMapa Europeu dos Salarios por Paíshttps:/...
MANOSTAXXMapa Europeu dos Salarios por Paíshttps:/...
MANOSTAXXMapa Europeu dos Salarios por Paíshttps:/...
MANOSTAXXMapa Europeu dos Salarios por Paíshttps:/...
Para auxiliar no treino nada melhor do que receita...
Entao e em 2016 nao havera????
Gostaria de salientar que a tentativa de mínimo nã...
blogs SAPO