Este blog tem como objectivo difundir a documentação de carácter desportivo
Quinta-feira, 10 DE Março 2016

 

A EQUIPA principal de futebol do Desportivo de Maputo recebeu um reforço adicional de material desportivo oferecido pelo ex-presidente da Federação Moçambicana de Futebol Feizal Sidat para fazer face às competições da presente época, com destaque para o Moçambola, que este fim-de-semana arranca.

 

Trata-se de 14 bolas de marca Adidas, 30 caneleiras, 24 bebedores, 12 pares de luvas, dois jogos de coletes, apitos e cronómetros, material avaliado em cerca de 75 mil meticais.

 

Sócio número 239 “alvi-negro”, Feizal Sidat justificou o gesto como uma contribuição para ajudar o clube a minimizar as dificuldades que enfrenta para atender às várias necessidades, sobretudo ao nível da equipa principal de futebol, que se estreia no Moçambola frente ao vizinho e rival Maxaquene. Aliás, Sidat disse que é pela paixão que nutre pelo clube desde a infância que decidiu fazer o gesto para uma colectividade com muitas dificuldades.

 

Sabemos das dificuldades do clube e isso não é segredo para ninguém. O Desportivo não tem a sorte de outros clubes que estão ligados às empresas. Depende da contribuição de sócios e eu como parte deles não podia ficar alheio a esta situação perante um clube que tem lançado muitos jogadores à ribalta”, comentou Sidat, enfatizando adiante que, apesar de dificuldades, o Desportivo não deixa de ser um grande. Por isso, convidou outros sócios a seguirem o exemplo.

 

Aliás, este foi o apelo manifestado por Uzaras Momed e Sidique, respectivamente técnico e “capitão” “alvi-negros”. Uzaras disse que “vamos fazer o uso do material de forma racional. Estamos de braços abertos para receber qualquer tipo de apoio de modo a levar a equipa aos lugares cimeiros do Moçambola”. Por seu turno, Sidique afirmou que com o material a equipa vai trabalhar com mais tranquilidade.

 

Já o vice-presidente da Comissão de Gestão, Ângelo Matenene, referiu que é uma iniciativa de louvar, porque dignifica e dá fôlego ao clube neste momento que não tem Direcção.

 

Nalgum momento nos alivia, porque assim vamo-nos concentrar noutras coisas”, anotou.

 

Entretanto, Feizal Sidat descartou a hipótese de vir a candidatar-se para a presidência do clube, salientando que estaria disponível para assessorar/aconselhar qualquer Direcção. “Estarei sempre aberto para todos que precisarem do meu apoio. E vou continuar a ajudar o clube”, reiterou.

 

 

Fonte:Jornal Noticias

publicado por Vaxko Zakarias às 11:46
 O que é? |  O que é? | favorito

 

A EMPRESA Linhas Aéreas de Moçambique (LAM) voltará a encarregar-se de transportar todas as equipas que este ano tomarão parte do Moçambola, ao abrigo do memorando de entendimento rubricado na tarde de ontem, em Maputo, com a Liga Moçambicana de Futebol (LMF).

 

O acordo é extensivo a todos os árbitros e delegados de jogos do Moçambola, devendo a LMF pagar apenas os 10 por cento referentes às taxas aeroportuárias.

 

Para o presidente da LMF, Ananias Couana, com este memorando de entendimento estão completamente criadas as condições para o Moçambola-2016. Segundo ele, o acordo com aquela companhia de bandeira é o culminar de várias rondas de negociações que chegaram a bom porto.

 

Couana é de opinião que seria quase impossível realizar o Moçambola sem que, no entanto, houvesse o acordo ontem rubricado com a LAM, pois fazer ligações do Norte ao Sul para transportar as equipas nunca foi tarefa fácil, do ponto de vista financeiro.

 

Por isso tudo iremos fazer para que a LAM seja honrada com este acordo. Neste projecto, Moçambola, é nosso desejo continuar com esta empresa”, sublinhou.

 

Faizal Sacugy, administrador comercial da LAM, disse, por sua vez, que o memorando eleva o comprometimento da empresa que representa para com o Moçambola, prova que tem vindo a beneficiar do patrocínio daquela companhia desde a sua criação.

 

É um orgulho sermos a transportadora oficial deste evento. É um privilégio custear cerca de 80 por cento das despesas de uma prova que já é uma marca, por isso iríamos pedir uma postura responsável a todos os actores da prova”, apelou.

 

Comprometeu-se ainda a minimizar os problemas dos atrasos dos voos, que têm provocado muitas reclamações dos clubes.

 

Não é nossa vontade, são as dificuldades operacionais que já conhecemos, mas iremos fazer esforço no sentido de superar este constrangimento às equipas”, disse.

 

 

Fonte:Jornal Noticias

publicado por Vaxko Zakarias às 11:21
 O que é? |  O que é? | favorito

 

A PETROMOC protagonizou a goleada mais expressiva da terceira jornada do Torneio de Abertura em futsal, ao vencer a turma da MCN por 6-2.

 

A Petromoc, actual campeã nacional e detentora desta prova, ocupa o segundo lugar com seis pontos, fruto de dois triunfos em igual número de jogos disputados. Os “petrolíferos” têm um jogo a menos em relação ao Grupo Desportivo Iquebal, que comanda com nove pontos.

 

A equipa do Iquebal venceu a ADDEEC por 4-2 e demonstrou que também está em grande forma.

 

A Liga Desportiva de Maputo é que está a surpreender pela negativa, ocupando o último lugar, com zero ponto. Na terceira ronda foi goleada pela Papelaria Rex por 4-1.

 

 

Fonte:Jornal Noticias

publicado por Vaxko Zakarias às 11:05
 O que é? |  O que é? | favorito

 

ARNALDO Ouana não promete milagres, mas sim muito trabalho para ultrapassar obstáculos nesta nova missão que lhe foi imposta como seleccionador nacional dos Sub-20, tendo como objectivo imediato superar as Maurícias na primeira eliminatória, no próximo mês, para o CAN-2017.

 

Não é fácil assumir uma missão destas, mas com trabalho, dedicação e sacrifício podemos ultrapassar todos os obstáculos. Como jogador fui sempre ambicioso desde jovem. Mesmo brincando sempre mantive a vontade e espírito de ganhador. Por isso prometo muito trabalho. Vou transmitir tudo o que aprendi como jogador e como homem e incutir à rapaziada a vontade de vencer”, afirmou.

 

Reconheceu que o tempo é escasso, mas prometeu fazer tudo o possível para pelo menos ultrapassar o primeiro obstáculo, as Maurícias. Porém, o seu grande obstáculo é não conhecer os jogadores com os quais irá trabalhar.

 

Ainda não conheço os jogadores e também eles não me conhecem. Mas penso que também são ambiciosos e vou tentar incutir neles essa mentalidade”, prometeu, ajuntando que pode ser entendido como arrogante, mas que se isso acontecer é sempre com o objectivo de colocar o comboio nos carris.

 

O importante é o respeito mútuo, primeiro a partir de mim como mais velho para os jogadores como meus filhos”, sentenciou, salientando que a FMF deve ser vista como uma casa para todos e que os que lá estão façam inveja aos outros de modo a atraí-los.

 

 

Fonte:Jornal Noticias

publicado por Vaxko Zakarias às 10:40
 O que é? |  O que é? | favorito

 

O EX-TRINCO da Selecção Nacional Nelinho regozijou-se com a sua indicação para o cargo de seleccionador nacional dos Sub-17.

 

Para o também ex-atleta do Desportivo, que se notabilizou como “capitão” da equipa durante muitos anos, ao longo dos quais transmitiu experiência às novas gerações, é orgulho para qualquer um regressar à FMF como seleccionador depois de ter sido jogador da Selecção Nacional.

 

A promessa que faço é de que acredito nas minhas capacidades e na forma como trabalho com as camadas de formação. Acredito que serei responsável pela subida de alguns jogadores para os “Mambas”, vincou, acrescentando que o projecto que encontrou na FMF é sério e constitui um desafio.

 

Fui sempre um jogador de desafios e vou transmitir essa experiência que conquistei como jogador aos mais novos. Estou satisfeito por estar aqui”, disse. 

 

São técnicos qualificados com o Nível “A” da CAF (Confederação Africana de Futebol) – concluíram em Novembro do ano passado - por isso é um orgulho tê-los como treinadores destas selecções, e também por terem sido jogadores em várias frentes. Por isso acreditamos, pela sua qualificação, que teremos selecções ganhadoras”, realçou. 

 

Entretanto, Arnaldo e Nelinho vão prestar o trabalho coordenado com o selecionador nacional dos “Mambas”, Abel Xavier, no que diz respeito à filosofia e modelo de jogo que se pretende sejam repercutidos ao nível das selecções de formação e que, por sinal, servem de base de sustentação da selecção principal.

 

Haverá sempre um trabalho de coordenação e integração entre estes treinadores e o seleccionador nacional, Abel Xavier, para atender questões que têm a ver com a filosofia e modelo de jogo”, assegurou.

 

Aliás, a nomeação dos seleccionadores dos Sub-20 e Sub-17 segue-se à indicação de Abel Xavier como seleccionador dos “Mambas”, o que denota o desejo da actual Direcção, liderada por Albero Simango Jr., de projectar as selecções nacionais de futebol para novos desafios.

 

De salientar que Arnaldo Ouana substitui no cargo de seleccionador dos Sub-20 Augusto Matine, que acumulava ainda o cargo de treinador dos Sub-17, antes sob orientação de Dário Monteiro. Dário Monteiro deixou os Sub-17 para orientar a equipa principal do Desportivo no ano passado.

 

 

Fonte:Jornal Noticias

publicado por Vaxko Zakarias às 10:16
 O que é? |  O que é? | favorito

 

A FEDERAÇÃO Moçambicana de Futebol (FMF) apresentou ontem novos seleccionadores para os escalões de formação, nomeadamente Sub-20 e Sub-17.

 

Trata-se de Arnaldo Ouana e Nasser Amade (Nelinho), que orientarão as selecções de Sub-20 e Sub-17, respectivamente, para as campanhas de qualificação para os Campeonatos Africanos das Nações das categorias, cujas fases finais terão lugar na Zâmbia e no Madagáscar. O presidente da FMF, Alberto Simango Júnior, foi quem orientou o acto de apresentação dos técnicos e ainda apresentou Sérgio Munjovo como treinador de guarda-redes das respectivas selecções. 

 

A selecção Sub-20 é a primeira a entrar em acção, a partir do próximo mês, com a disputa da primeira eliminatória com as Maurícias. O jogo da primeira “mão” realiza-se no fim-de-semana de 2 e 3 de Abril, em Maputo. O da segunda “mão” terá lugar entre os dias 23 e 24 do mesmo mês em Port Louis.

 

Os “Mambinhas”  Sub-20 deverão iniciar a preparação na próxima semana, tendo em conta que o jogo da primeira “mão” acontecerá daqui a sensivelmente três semanas. 

 

A Sub-17 inicia, por seu turno, a corrida mais tarde, em Agosto. Isto porque está isenta da primeira ronda. Os Sub-17 defrontarão, entre os dias 6 e 7, o vencedor do jogo entre as Ilhas Comores e Zimbabwe, fora de portas, para 15 dias depois receberem o adversário em Maputo.

 

Falando no acto de apresentação dos treinadores, o director técnico da FMF, Abdul Abdulá, disse que o Departamento Técnico já dispõe do plano de actividades que seria passado aos seleccionadores para iniciarem com os trabalhos de preparação das equipas.

 

Abdul Abdulá assegurou que existe matéria-prima suficiente para alimentar a Selecção Sub-20 que, tal como a de Sub-17, vinha trabalhando com alguma regularidade no ano passado.  

 

São jogadores nascidos em Janeiro de 1997 e que vinham treinando normalmente e realizando alguns jogos de controlo”, explicou.

 

Chamado a comentar sobre a contratação dos novos seleccionadores, Abdul Abdulá rigozijou-se pelo facto de serem treinadores qualificados e que, por isso, inspiram a confiança de melhor contribuir para a melhoria da qualidade e desempenho das duas selecções.

 

 

Fonte:Jornal Notiias

publicado por Vaxko Zakarias às 10:11
 O que é? |  O que é? | favorito
Março 2016
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
12
13
19
20
25
26
27
subscrever feeds
tags

todas as tags

mais sobre mim
pesquisar neste blog
 
últ. comentários
Joga se hoje em Lichinga ataça de Moçambiqui as fo...
Eu acho que já é o momento para a Federação Moçamb...
MANOSTAXXMapa Europeu dos Salarios por Paíshttps:/...
MANOSTAXXMapa Europeu dos Salarios por Paíshttps:/...
MANOSTAXXMapa Europeu dos Salarios por Paíshttps:/...
MANOSTAXXMapa Europeu dos Salarios por Paíshttps:/...
MANOSTAXXMapa Europeu dos Salarios por Paíshttps:/...
Para auxiliar no treino nada melhor do que receita...
Entao e em 2016 nao havera????
Gostaria de salientar que a tentativa de mínimo nã...
blogs SAPO