Este blog tem como objectivo difundir a documentação de carácter desportivo
Quarta-feira, 17 DE Fevereiro 2016

 

A CONFEDERAÇÃO Africana de Futebol (CAF) promove a partir de hoje até amanhã, um curso de capacitação de agentes desportivos e outras entidades directa ou indirectamente envolvidas no desporto à volta de licenciamento de clubes no país.

 

O curso começa esta manhã nas instalações na Federação Moçambicana de Futebol (FMF) e será ministrado por três instrutores destacados por aquele organismo que tutela o futebol africano.

 

O mesmo visa a consciencialização não só dos clubes, mas também de outras entidades ligadas ao desporto de diversas formas sobre a importância do licenciamento.

 

Aliás, de algum tempo a esta parte, a FIFA preconiza que só podem participar das competições oficiais, sobretudo campeonatos de cariz nacional os clubes devidamente licenciados, o que se verifica em muitos países africanos, sendo Moçambique um dos exemplos.

 

É neste contexto que surge este curso que contará com a participação dos 14 clubes do Moçambola, a FMF, a Liga Moçambicana de Futebol, os Ministérios da Juventude e Desportos e das Obras Públicas e Habitação, Associações Provinciais, entre outros intervenientes.

 

A capacitação começa as 8.00 horas, prolongando-se até às 15.00 horas.

 

Fonte:Jornal Noticias

publicado por Vaxko Zakarias às 12:21
 O que é? |  O que é? | favorito

 

A FEDERAÇÃO Moçambicana de Futebol (FMF) reúne-se sábado, em Maputo, em Assembleia-geral Ordinária, que dentre vários pontos de agenda o destaque vai para a apresentação e aprovação do plano de actividades e Orçamento para 2016, já em curso.

 

Um outro ponto de agenda não menos importante é a alteração de regulamento das taxas de participação e de inscrição por parte dos clubes e Associações Províncias junto da FMF.

 

Segundo Isac Pedro, Assessor da Direcção da FMF, as taxas deverão em princípio ser agravadas dado que não estão ajustadas à realidade actual.

 

Para além destes pontos, o anunciado retorno da 2.ª Divisão em três zonas do país irá merecer destaque. Pedro assegurou que o retorno da 2.ª Liga já está decidido, faltando apenas saber quantos e quais os clubes que irão participar em cada uma das três regiões.

 

Será ainda passado em revista o alargamento de 14 para 16 equipas participantes do Moçambola, entre outros pontos.

 

Esta é a primeira Assembleia-geral que é promovida pelo novo elenco da FMF encabeçada por Alberto Simango jr.

 

Fonte:Jornal Noticias

publicado por Vaxko Zakarias às 11:48
 O que é? |  O que é? | favorito

 

O MATCHEDJE da Beira conta desde semana finda com uma nova Direcção executiva encabeçada por Arcanjo Malfo, “cameraman” da Televisão de Moçambique (TVM), delegação da Beira, o qual promete uma reestruturação profunda do clube de modo a resgatar a sua imagem e escrever o seu nome entre as referências do desporto nacional.

 

Em entrevista ao nosso Jornal, o novo timoneiro dos “militares” do Chiveve, explicou pretender formar um clube à altura das exigências dos amantes e sócios do Matchedje, o que passa pela conquista dos campeonatos em que estiver envolvido nas modalidades que movimenta.

 

Malfo revelou igualmente que a nova Direcção tem vários desafios que pretendem transformá-los em realidades como a formação de uma equipa sólida do futebol capaz de ombrear com todos os adversários, infra-estruturar o clube bem como introduzir novas modalidades além do futebol, com vista a dar um maior dinamismo e engrandecer o clube Matchedje da Beira que outrora trouxe muitas glórias a província de Sofala.

 

O repórter da TVM revelou que este ano o Matchedje da Beira vai introduzir a modalidade de boxe tendo sido já inscritos um total de 10 atletas que vão participar em diferentes competições, pois, segundo suas palavras, há condições para que se tragam troféus para as vitrinas do clube.

 

Queremos mostrar as pessoas o que sabemos no desporto e com a união de todos os intervenientes neste processo acreditamos que vamos vencer a batalha. O importante é que o Matchedje não pode ser da Direcção, mas de todos, dai que pedimos a colaboração da Direcção cessante, sócios, amantes e desportistas no geral para que nos apoiem de forma a dignificarmos a província nas diversas provas em que vamos tomar parte”, desejou.

 

Na componente de infra-estruturas, a fonte garantiu haver condições para a criação de instalações próprias de modo a permitir um maior dinamismo e organização.

 

ABDUL TAIMO NOVO TÉCNICO

 

A nova Direcção do Matchedje da Beira acaba de assegurar a contratação de Abdul Taimo como treinador principal da equipa de futebol com a missão clara de colocar a colectividade no Moçambola do próximo ano.

 

O presidente do clube revelou também que cerca de 30 jogadores encontram-se a tentar a sua sorte para comporem o plantel que será constituído por 25 atletas.

 

A fonte sublinhou ainda que caso a Federação Moçambicana de Futebol (FMF) mantenha a posição de haver a 2.ª Liga a sua equipa poderá não participar por razões financeiras.

 

Estamos preparados apenas para disputar o campeonato provincial”, referiu a fonte.

 

LAITON SIFA

 

 

Fonte:Jornal Noticias

publicado por Vaxko Zakarias às 11:25
 O que é? |  O que é? | favorito

 

 

 

DIRIGENTES desportivos de Nampula queixaram-se recentemente ao governador provincial, Victor Borges, da falta de apoio sobretudo por parte do empresariado local para o desenvolvimento das actividades desportivas naquela parcela do país.

 

Tal preocupação foi manifestada durante um encontro que o governador manteve com eles, cujo objectivo fundamental era o de auscultá-los sobre os principias problemas que enfermam o desporto na província de Nampula, para daí se procurarem soluções viáveis rumo ao desenvolvimento desportivo na região.

 

Para o efeito, os dirigentes desportivos presentes no encontro apelaram ao governante na perspectiva de incentivar as empresas existentes na província a apoiarem o desporto.

 

 A falta de espaços e material desportivo incluindo o acentuado estado de degradação de grande parte das infra-estruturas constituem também outras das grandes preocupações apresentadas pelos dirigentes desportivos ao governante nampulense.

 

Ao nível da província de Nampula nós temos dificuldades em aceder apoios por parte de empresas locais ou do sector privado, isso por aparente falta de sensibilidade. Temos recebido apenas os apoios do Governo. Por isso é preciso que as empresas sejam incentivadas a apoiar o desporto na nossa província”, explicou Carlos Tumbo, da Ntsay Escola de Basquetebol, um dos vários dirigentes desportivos que interviram   no encontro.

 

Ana Rosa, da Associação Provincial de Natação, depois de secundar as palavras de Carlos Tumbo, acrescentou que “ainda não conhecemos os meandros para conseguir apoios que precisamos. As dificuldades financeiras fazem com que não cumpramos com os nossos programas de actividades”.

 

 Segundo ela, essa situação faz igualmente com que a Piscina do Clube Ferroviário de Nampula, única existente para a prática de natação, esteja inoperacional.

 

Entretanto, em relação ao balanço do encontro com o governador, os participantes do encontro consideraram que o mesmo foi frutífero, porquanto abordou as principais dificuldades que entravam o desenvolvimento do desporto na província de Nampula, daí que sugeriram ao governador Victor Borges para que encontros do género sejam realizados regularmente.

 

Por sua vez, o governante orientou em resposta, a criação de uma comissão composta por dirigentes desportivos e membros da Direcção Provincial da Juventude e Desportos que fará o levantamento de todas as preocupações apresentadas.

 

 “Essa comissão vai fazer de maneira técnica e mais aprofundada verificar tudo o que foi dito aqui, e como é que pode ser colocado numa matriz de acções num plano. No referido plano de acção deverão constar responsabilidades do Governo, dos clubes e das associações, e faríamos do mesmo modo uma distribuição de responsabilidades”, salientou Victor Borges.

 

MOUZINHO DE ALBUQUERQUE

 

 

Fonte:Jornal Noticias

publicado por Vaxko Zakarias às 10:47
 O que é? |  O que é? | favorito

 

KEVIN Pimentel está de regresso ao Desportivo de Maputo, a casa onde fez toda a sua formação, depois de ter terminado o seu vínculo contratual com o Estrela Vermelha, clube que representou nas três últimas épocas.

 

O Estrela Vermelha, equipa bicampeã, viu também sair Mercy Mungói para o Ferroviário de Maputo, mas ganhou um reforço de peso, Nuno Tavares, ele que alinhou no Ferroviário na temporada passada. Os dois jogadores, já com larga experiência, protagonizam, a par de Kevin, hoquista que evoluiu muito nos últimos três anos, as transferências sonantes deste mês, sendo que em breve podem surgir mais novidades com o mercado de hóquei em patins a estar muito movimentado, quando falta uma semana para o início da época.

 

Refira-se que a transferência de Arnaldo Queiróz do Desportivo para o Ferroviário é até ao momento a movimentação mais surpreendente, visto que com 38 anos poucos pensariam que o experiente guarda-redes mudaria de ares, após ter servido os “alvi-negros” por mais de duas décadas.

 

O certo é que estas mexidas tornarão a temporada ainda mais interessante com o trio de crónicos candidatos ao título, nomeadamente Estrela Vermelha, Desportivo e Ferroviário a reforçarem-se e a mostrarem que a luta por três pontos será ainda mais renhida.

 

Refira-se que na próxima sexta-feira realiza-se já o “electrizante” Estrela-Ferroviário a contar para a Supertaça.

 

 

Fonte:Jornal Noticias

publicado por Vaxko Zakarias às 10:29
 O que é? |  O que é? | favorito

 

O TÊXTIL do Púnguè apresentou há dias na Beira um novo treinador por sinal de origem camaronesa para orientar a sua equipa principal de futebol com vista à presente temporada futebolística na qual tem como principal objectivo o regresso à alta-roda do futebol moçambicano, o vulgo Moçambola, em 2017.

 

Trata-se de um técnico de 66 anos de idade de nome Richard Capello que, segundo foi dado a conhecer na ocasião, vem de uma das equipas da 1.ª Liga do Burundi.

 

O camaronês é descrito como tendo larga experiência no futebol africano com passagens por equipas de países como Burquina Fasso, Gana, Costa do Marfim, Burundi além do seu país de origem.

 

Falando na cerimónia de apresentação do treinador, o secretário-geral dos “fabris” da Manga, Ernesto Vicente, explicou que o novo timoneiro, com o apoio de todos poderá cumprir os objectivos traçados pela direcção da colectividade devido à sua experiência no futebol africano.

 

Vicente disse que a sua direcção está no mercado à procura de cerca de nove milhões de Meticais para fazer face à sua participação na 2.ª Divisão.

 

Numa breve declaração à imprensa, o camaronês disse ter aceite o projecto do Têxtil não pelo dinheiro, mas porque pretende lançar a sua imagem e mostrar o quanto vale como treinador.

 

Prometo dar o meu máximo de modo que o Têxtil do Púnguè volte ao convívio dos grandes de Moçambique. Pelo que sei, ela merece lá estar. Vamos trabalhar com todos para que se atinjam os resultados que a equipa deseja”, referiu a fonte.

 

Assim, Alberto Gimo, que tinha sido apresentado há dias como treinador principal, passa a ser adjunto do camaronês.

 

 

Fonte:Jornal Noticias

publicado por Vaxko Zakarias às 10:17
 O que é? |  O que é? | favorito
Fevereiro 2016
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
12
13
14
20
27
28
subscrever feeds
tags

todas as tags

mais sobre mim
pesquisar neste blog
 
últ. comentários
Joga se hoje em Lichinga ataça de Moçambiqui as fo...
Eu acho que já é o momento para a Federação Moçamb...
MANOSTAXXMapa Europeu dos Salarios por Paíshttps:/...
MANOSTAXXMapa Europeu dos Salarios por Paíshttps:/...
MANOSTAXXMapa Europeu dos Salarios por Paíshttps:/...
MANOSTAXXMapa Europeu dos Salarios por Paíshttps:/...
MANOSTAXXMapa Europeu dos Salarios por Paíshttps:/...
Para auxiliar no treino nada melhor do que receita...
Entao e em 2016 nao havera????
Gostaria de salientar que a tentativa de mínimo nã...
blogs SAPO