Este blog tem como objectivo difundir a documentação de carácter desportivo
Quarta-feira, 28 DE Outubro 2015

 

O SELECCIONADOR Nacional de Basquetebol Sénior Feminino, Nazir Salé é de opinião que Moçambique deu um salto qualitativo e quantitativo rumo ao futuro nos Jogos Africanos e no Afrobasket, competições que tiveram lugar em Brazzaville e Yaoundé, respectivamente, não obstante o modesto sexto lugar.

 

De acordo com Nazir Salé, o objectivo da selecção naqueles dois eventos era, por um lado, melhorar a classificação, mas acima de tudo injectar “sangue novo” à equipa numa altura em que muitas jogadoras que por largo tempo constituíam a espinha dorsal estão a retirar-se.

 

Os Jogos Africanos e Afrobasket foram momentos ímpares para nós. Os objectivos que havíamos propostos foram alcançados. Introduzimos jogadoras novas, que prometem  um futuro brilhante. Penso que demos um salto qualitativo e quantitativo”, observou.

 

Ao todo, segundo Nazir Salé são sete caras novas que vestiram a camisola da selecção durante aqueles dois mega-eventos, de um total de 12 seleccionadas. “Penso que é um passo. Ganhámos novas caras, a pensar nos próximos dois anos. Nas próximas edições das competições africanas teremos uma palavra a dizer em termos de resultados”, vaticinou.

 

O seleccionador nacional diz ter ficado muito encorajado pelos resultados que a equipa obteve nos dois eventos, pois apesar de alguns desaires, os mesmos foram com equipas de grande gabarito, mas por números tangenciais.

 

Se forem a prestar atenção irão constatar que em muitos jogos perdemos com diferenças de um, dois, três ou cinco pontos. Isso nos dá algum alento e acreditámos que daqui a dois anos voltaremos mais fortes para aquele tipo de eventos”, continuou.

 

E em relação ao seu futuro na selecção, Nazir Salé frisou que é patriota e sempre que a Federação Moçambicana de Basquetebol (FMB) quiser os seus préstimos estará de peito aberto e orgulhoso em representar à pátria.

 

Relativamente ao apoio do Millenium bim ao combinado nacional, cujo acto foi segunda-feira formalizado em Maputo, Nazir é de opinião que é sempre bem-vindo o patrocínio, pois irá resolver muitos problemas para a equipa nos próximos anos.

 

 

Fonte:Jornal Noticias

 

publicado por Vaxko Zakarias às 10:16
 O que é? |  O que é? | favorito

 

A VICE-MINISTRA da Juventude e Desportos, Ana Flávia Azinheira, considerou de positivo o nível de conservação das infra-estruturas desportivas existentes em Nampula, em particular na capital provincial, o que propicia a prática do desporto em condições desejáveis.

 

A governante fez esta conclusão falando a jornalista depois de ter constatado “in loco” várias e importantes instalações desportivas dos clubes na cidade de Nampula, no início da sua visita de trabalho de quatro dias àquela província.

 

No seu primeiro dia a vice-ministra da Juventude e Desportos visitou sucessivamente o campo de futebol 25 de Junho, agora com relva sintética, pertencente ao Ferroviário de Nampula, o futuro campo de futebol do Benfica de Nampula, o Estádio Municipal, a piscina da escola 3 de Fevereiro, as instalações da Associação Clube de Leopardos de Namialo, o Clube Sporting de Nampula e o Ferroviário de Nampula.

 

A visita foi mais para percebermos que tipo de condições temos em Nampula para criarmos ou formarmos melhores atletas e inclusive termos melhor desporto. Depois da visita, e em função do que vi no geral, a percepção que tenho é bastante positiva, fiquei bastante satisfeita, pois há condições infra-estruturais para que Nampula tenha um grande potencial desportivo”, frisou a governante.

 

Num outro desenvolvimento a vice-titular do pelouro da Juventude e Desportos disse ter constatado igualmente haver muitos projectos de formação dos atletas de várias modalidades por parte dos clubes da cidade de Nampula, com destaque para o futebol e basquetebol.

 

Porém, e segundo Azinheira, é preciso que se pense que os programas de formação precisam também de mais estruturação para que se saiba tirar efectivamente proveitos e conseguir-se concretizar a formação básica e a sua transição para os escalões seguintes, isto é, para a alta competição.

 

Durante a sua estada em Nampula a vice-ministra da Juventude e Desporto tem deslocações sucessivas aos distritos de Rapale, Ribáuè e Nacala-Porto, onde vai, além de manter encontros com os clubes, associações juvenis, visitar instalações desportivas, projectos juvenis financiados pelo FAIJ bem como manter encontro com representantes de todos os clubes desportivos da província de Nampula.

 

Fonte:Jornal Noticias

publicado por Vaxko Zakarias às 09:54
 O que é? |  O que é? | favorito

 

MOÇAMBIQUE conquistou ontem uma medalha de bronze nos Campeonatos Mundiais de Atletismo Paralímpico, que decorrem na capital do Qatar, Doha, com a proeza a ser alcançada por Edmilsa Governo, nos 400 metros, na especialidade dos T-12.

 

Depois do sucesso nos Jogos Africanos, onde amealhou a única medalha de ouro para o país, Governo parece estar a manter o ritmo em Doha onde busca a qualificação directa para os jogos paralímpicos do próximo ano no Rio de Janeiro. A moçambicana precisou de 58.68 segundos para chegar à meta em terceiro lugar.

 

Edmilsa ficou atrás da cubana Omara Durand, que cortou a meta em primeiro lugar com 53.05 segundos. Em segundo lugar ficou Oxana Boturchuk da Ucrânia, com 54.92 segundos. A moçambicana foi a tempo de superar Yaqin Shen, da China, que ficou em quarto, com o tempo de 59.42 segundos.

 

Ainda ontem em Doha, Moçambique viu Guildo Zacarias a apurar-se para a final dos 400 metros, na especialidade de T-13, depois de ficar em quarto lugar da sua série com um tempo de 52.99 segundos. Nos três primeiros lugares ficaram um americano e dois russos.

 

Quem teve sorte diferente foi Hilário Chavela, na categoria dos 400 metros, T-12, que foi eliminado nas meias-finais, ao ficar em quarto lugar. Nessa série, o português Luís Gustavo foi o vencedor, seguido pelo mexicano Valles Martinez e o americano Carlos Mc Cormick.

 

Os “Mundiais” de Doha terminam sábado. Moçambique procura mínimos para os Jogos Paralímpicos, sendo que para já não conseguiu, poisa condição é estar entre os dois primeiros na final de cada especialidade.

 

 

Fonte:Jornal Noticias

publicado por Vaxko Zakarias às 09:37
 O que é? |  O que é? | favorito
Outubro 2015
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
16
17
18
24
25
31
Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

subscrever feeds
tags

todas as tags

mais sobre mim
pesquisar neste blog
 
últ. comentários
Joga se hoje em Lichinga ataça de Moçambiqui as fo...
Eu acho que já é o momento para a Federação Moçamb...
MANOSTAXXMapa Europeu dos Salarios por Paíshttps:/...
MANOSTAXXMapa Europeu dos Salarios por Paíshttps:/...
MANOSTAXXMapa Europeu dos Salarios por Paíshttps:/...
MANOSTAXXMapa Europeu dos Salarios por Paíshttps:/...
MANOSTAXXMapa Europeu dos Salarios por Paíshttps:/...
Para auxiliar no treino nada melhor do que receita...
Entao e em 2016 nao havera????
Gostaria de salientar que a tentativa de mínimo nã...
blogs SAPO