Este blog tem como objectivo difundir a documentação de carácter desportivo
Quinta-feira, 18 DE Setembro 2014

 

O FERROVIÁRIO da Beira deu um passo importantíssimo rumo à final da Taça de Moçambique/mCel, ao bater na tarde de ontem o Estrela Vermelha, também da Beira, por 4-1, em partida da primeira “mão” das meias-finais desta segunda mais importante prova futebolística do país. O outro encontro, o mais equilibrado, entre o Costa do Sol e Ferroviário de Maputo, terminou empatado sem abertura de contagem.

 

 

A avaliar pelos desfechos de ontem, tudo indica que os “locomotivas” da Beira vão marcar presença na final da Taça de Moçambique/mCel pelo segundo ano consecutivo, uma vez que dificilmente o Estrela Vermelha conseguirá dar a volta ao resultado de 4-1 verificado ontem. Aliás, o Ferroviário da Beira é o actual detentor do título, enquanto o outro finalista será conhecido na segunda “mão” num encontro de vaticínio bastante difícil.

 

 

A presença de uma das equipas da capital do país na final seria o salvar da época, pois tanto o Costa do Sol bem como o Ferroviário já não vão a tempo de se sagrarem campeões nacionais. Até porque os “locomotivas” da capital correm o risco de jogarem próximo ano nos “quarteirões”.

 

 

 

Fonte:Jornal Noticias

publicado por Vaxko Zakarias às 12:19
 O que é? |  O que é? | favorito

VERDADE seja dita: o Ferroviário da Beira entrou de rompante, a puxar de si os galões de que milita no escalão maior do futebol nacional e, por isso, juntando-se ao facto de estar a jogar em sua casa e diante do seu público, tinha a obrigação de mandar. E mandou, efectivamente.

 

 

Foram precisos cinco minutos de total sufoco para que os ‘alaranjados’ conseguissem chegar à baliza do seu adversário. Aos 31 minutos o Ferroviário chegou ao primeiro golo através de Reinildo, resultado com que terminou a primeira parte. Na segunda parte o Estrela Vermelha entrou disposto a inverter a situação e chegou ao empate por intermédio de Kuibas num remate sem hipóteses para o guarda-redes Willard, isto aos 61 minutos. Foi um total susto para as hostes locais que, afinal, não passou disso.

 

 

Posto isto os “locomotivas” deram volta ao resultado, com Henry, que acabava de entrar para o lugar de Carlitos, a cabecear ao 2-1 para aos 86 minutos o ‘capitão’ Maninho aproveitar-se, e bem, da desatenção da defensiva contrária e elevar para 3-1. Já quase no final do jogo, isto é, aos 90 minutos, Mário desferiu um remate que também voltou a bater pela quarta vez o guarda-redes do Estrela Vermelha, fixando assim o resultado final. O juiz da partida esteve bem.

 

 

FICHA TÉCNICA

 

 

ÁRBITRO:Arão Júnior, auxiliado por Bento Chengeranao e Manuel Nelson. Manuel Castigo foi o quarto.

FER. BEIRA:Willard; Elísio, Cufa, Mambucho, Edson, Reinildo (Gildo), Paíto, Carlitos (Henry), Maninho, Mário e Nelito (Mfiki).

E. VERMELHA:Elves; Chuza, Pedrito (Kley), Anselmo, Edmundo, Dino, Valy, Dainho, Mambo, Balaca (Ivan) e Kuibas.

 

 

ANTÓNIO JANEIRO

 

 

Fonte:Jornal Noticias

publicado por Vaxko Zakarias às 12:07
 O que é? |  O que é? | favorito

O HCB travou na tarde de ontem a Liga Desportiva no seu próprio reduto, ao empatar sem abertura de contagem em jogo em atraso da 20.ª jornada do Moçambola-2014. O resultado coloca os campeões nacionais na “corda-bamba”, ou seja, com a revalidação do título cada vez mais tremida.

Com o nulo de ontem a Liga viu-se com apenas dois pontos de vantagem sobre o segundo classificado, o Ferroviário de Nampula, numa altura em que restam cinco jornadas para o fim do campeonato.O embate foi pobre a todos os níveis. As duas formações estiveram mal técnica e tacticamente, o que fez com que escasseassem as oportunidades de golo.

 

 

Mesmo jogando fora, a equipa de Tete foi bastante ousada, discutiu o jogo taco-a-taco. Os “hidroeléctricos” foram mais esclarecidos no primeiro tempo e dispuseram de duas oportunidades claras de golo.

 

 

Aos 21 minutos Luís responde de cabaça a um centro bem tirado por Gervásio, mas o esférico saiu por cima. A estas alturas o HCB atacava mais pelas alas, sendo que os “maputenses” funcionavam em bloco, sendo que Imo e Kito, com apoio de Hagy, desempenhavam a função de construtores de jogadas.

 

 

Numa das suas investidas pela esquerda Eusébio desfere um portentoso remate para a figura do atento Chico, passavam 32 minutos. Mas a perdida da tarde pertenceu a Babo, que depois de “roubar” o esférico a Bhéu isolou-se e perante Milagre, já no interior da grande área, chutou escandalosamente ao lado.

 

 

Foi-se ao intervalo com o nulo a prevalecer e no reatamento a qualidade do espectáculo deteriorou-se. A Liga passou a assumir as despesas do jogo, mas não traduzia o seu domínio em oportunidades claras de golo. A excepção foi o remate de Bhéu quase na linha-limite da área, descaído para a direita, que, entretanto, saiu ao lado.

 

 

O HCB jogava em contra-ataques, e num dos contra-golpes quase chegava ao golo por Jacob, mas este, em plena área, é desarmado com falta por Gildo, mas o árbitro não assinalou um penalte claríssimo.Era o cúmulo dos vários erros cometidos pela equipa da arbitragem dirigida por António Massango, que não esteve à altura da partida.

 

 

FICHA TÉCNICA

 

 

LIGA DESPORTIVA: Milagre; Gildo, Bhéu (Nando), Chico, Eusébio, Hagy, Imo (Liberty), Kito, Telinho, Zicco e Jerry (Avelino).

HCB: Chico; Gervásio, Mucuapel, Rogério, Tony, Luís, Cambala, Fabrice (Dangalira), Babo (Jacob), Payó (Eurico) e Masha.

Disciplina: Amarelo para Eurico (HCB).

 

 

 

 

 

Fonte:Jornal Noticias

publicado por Vaxko Zakarias às 11:58
 O que é? |  O que é? | favorito

A CIDADE de Maputo vai acolher sábado, dia 20 de Setembro, a primeira mini-maratona, com um percurso de 10 quilómetros, denominada Corrida Azul, envolvendo atletas populares e federados.

 

 

Promovida pelo Standard Bank, em parceria com o Conselho Municipal da Cidade de Maputo e a loja de material desportivo Lightning Bolt, a prova enquadra-se na semana do desporto, promovida pela Direcção da Juventude e Desportos da Cidade de Maputo, que decorrerá entre 20 e 28 de Setembro.

 

 

A Corrida Azul, com um “prize money” global de 99 mil meticais, a ser repartido entre atletas federados e deficientes físicos, para além de variados prémios monetários destinados aos populares e famílias, vai contar com a participação de dirigentes da cidade de Maputo.

 

 

Esta iniciativa surge no contexto das celebrações dos 120 anos do Standard Bank e também se enquadra nas acções de bem-estar e promoção de hábitos de vida saudáveis que esta instituição bancária promove anualmente no mês de Setembro por ocasião do Dia Mundial do Coração.

 

 

Trata-se de um momento para reunir familiares e amigos para correrem pela saúde na cidade-capital e usufruir do clima e a sua impressionante paisagem, para além de se habilitar a ganhar vários prémios monetários e vouchers para a aquisição de equipamento desportivo.

 

 

A Corrida Azul tem um percurso bastante atractivo para todas as categorias, compreendendo, principalmente, as avenidas Julius Nyerere e a Avenida Marginal, cuja distância é típica de uma prova de resistência que não exige muito treinamento e mais adequada para corredores comuns.

 

 

 

 

 

Fonte:Jornal Noticias

publicado por Vaxko Zakarias às 11:40
 O que é? |  O que é? | favorito

NEM o facto de o jogo ter sido à porta fechada justifica que Costa do Sol e Ferroviário de Maputo tivessem protagonizado uma má propaganda de futebol.

 

 

O empate a zero reflecte realmente o que se passou dentro das quatro linhas. Saudade daqueles tempos em que os “canarinhos” e “locomotivas” eram equipas tidas como temíveis, até nos apetece dizer “quem lhes viu e quem lhes vê!” Os primeiros minutos foram jogados a um ritmo lento, mas com algum ascendente por parte do Ferroviário de Maputo, que incomodava com maior perigo a baliza contrária. A situação mais vistosa foi protagonizada por Timbe, de livre directo, no entanto, houve mais força do que pontaria no remate.

 

 

Gradualmente o Costa do Sol foi acertando e aos 20 minutos passou a ter maior controlo da bola e a chegar mais vezes à baliza à guarda de Leonel, que passou a ter trabalho com algumas saídas importantes para evitar males maiores. Numa das suas intervenções mediu mal o tempo de saída dos postes e permitiu que Chiukepo metesse o pé entre ele e o defesa Jeitoso e tocasse na bola, sorte para os “locomotivas”, pois que esta não tomou a direcção da baliza. Até ao apito para o intervalo nada de especial aconteceu.

 

 

O jogo decaiu ainda mais de qualidade, com as equipas a falharem muitos passes e os jogadores a serem demasiadamente individualistas.

O Costa do Sol regressou para a segunda parte com os olhos postos na baliza. Num espaço de quatro minutos fez dois remates. Primeiro por David, de fora da área, e segundo por Chiukepo que de cabeça quase abria o marcador.

 

 

No banco Victor Pontes, treinador do Ferroviário, demonstrava o seu descontentamento pela postura dos seus jogadores que se exibiam desinspirados a atacarem e a defenderem. A má actuação dos “locomotivas” poderia ter sido castigada com um golo de Chiukepo, mas faltou-lhe arte e engenho para violar as redes à guarda de Leonel. Os “canarinhos” atacavam mas não marcavam e quase sofriam um golo numa jogada de contra-ataque. Tchictho chega atrasado, por uma unha negra, diga-se, à bola, após cruzamento de Manucho. Arlindo Silvano realizou um trabalho aceitável.

 

 

FICHA TÉCNICA 

 

 

ÁRBITRO: Arlindo Silvano, auxiliado por Arsénio Marrengula e Pedro Justino. Quarto árbitro: Samuel Chirindza.

COSTA DO SOL: Gervásio; James, Dário Khan, Campira e Dito; Manuelito, Alvarito, Manuelito II e David (João Mazive); Chimango (Paulo) e Chiukepo (Rodrigues).

FER. MAPUTO: Leonel; Solomon, Chico, Jeitoso e Edmilson (Belo); Tchitcho, Timbe, Andro (Danito Parruque) e Diogo (Henriques); Luís e Manucho.

 

 

Ivo Tavares

 

 

 

Fonte:Jornal Noticias

publicado por Vaxko Zakarias às 09:43
 O que é? |  O que é? | favorito
Setembro 2014
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
13
14
15
17
20
21
25
26
27
28
Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

subscrever feeds
tags

todas as tags

mais sobre mim
pesquisar neste blog
 
últ. comentários
Joga se hoje em Lichinga ataça de Moçambiqui as fo...
Eu acho que já é o momento para a Federação Moçamb...
MANOSTAXXMapa Europeu dos Salarios por Paíshttps:/...
MANOSTAXXMapa Europeu dos Salarios por Paíshttps:/...
MANOSTAXXMapa Europeu dos Salarios por Paíshttps:/...
MANOSTAXXMapa Europeu dos Salarios por Paíshttps:/...
MANOSTAXXMapa Europeu dos Salarios por Paíshttps:/...
Para auxiliar no treino nada melhor do que receita...
Entao e em 2016 nao havera????
Gostaria de salientar que a tentativa de mínimo nã...
blogs SAPO