Este blog tem como objectivo difundir a documentação de carácter desportivo
Quinta-feira, 07 DE Agosto 2014

ONZE escolas da cidade de Matola que participaram na segunda edição do Torneio Pequenada receberam, recentemente, diversos materiais desportivos oferecidos pelo Standard Bank, organizador da competição.

 

O material é constituído por bolas, apitos, sapatilhas, cronómetros, fatos de treino, calções, meias. O Torneio da Pequenada denominado Standard Bank decorreu entre os meses de Abril e Maio, nas instalações do Centro Social do banco, localizadas na Matola. Para além do material desportivo, as escolas foram oferecidas livros para apetrechar as bibliotecas das cinco escolas melhor classificadas no torneio.

 

Na sua intervenção, António Coutinho, administrador-delegado do Standard Bank, explicou a génese deste projecto e vincou que o mesmo visa, essencialmente, identificar talentos do desporto nos bairros e escolas.

 

"Sempre que organizávamos torneios interbancários de basquetebol e de futebol, víamos crianças a assistirem aos jogos sobre as árvores e muros. Por isso, decidimos introduzir o Torneio Pequenada, para identificar talentos. Não foi difícil, porque o Standard Bank já está ligado ao futebol profissional como um dos maiores parceiros do Moçambola", indicou António Coutinho.

 

Referiu ainda que, devido ao sucesso que foram as duas últimas edições, está garantida a realização da terceira edição do Torneio Pequenada Standard Bank, a ter lugar no próximo ano.

 

O ministro da Juventude e Desportos, Fernando Sumbana, presente no acto, enalteceu o papel do Standard Bank por conceber e organizar o torneio e considera que este banco tem as comunidades como uma das prioridades das suas acções de responsabilidade social.

 

"Com esta iniciativa, o Standard Bank assume a responsabilidade social no verdadeiro sentido do termo, e não no sentido comercial. O banco está a inserir-se e sente-se parte integrante da comunidade", frisou o governante.

 

O Torneio Pequenada Standard Bank, organizado por esta instituição bancária desde o ano 2013, tem como objectivo despertar o interesse das crianças pelo desporto, em particular o futebol.

 

Este ano movimentou cerca de 700 crianças e teve como vencedoras as escolas primárias Unidade H e Liberdade, na categoria de Benjamins (dos 11 aos 14 anos de idade), em masculinos e femininos, respectivamente.

 

Na categoria de Traquinas (dos 8 aos 10 anos de idade), o primeiro classificado em femininos foi a Escola Primária Matola J, enquanto em masculinos foi a Escola Primária de Sikwama.

 

Já a Escola Primária Completa de Liqueleva classificou-se em primeiro lugar tanto em masculinos como em femininos na categoria de Petizes (dos 6 aos 7 anos).

 

 

 

 

Fonte:Jornal Noticias

publicado por Vaxko Zakarias às 10:14
 O que é? |  O que é? | favorito

O SPORTING de Nampula, uma das antigas e prestigiadas colectividades desportivas da região norte do país, tem vindo a viver nos últimos anos momentos profundamente conturbados, devido fundamentalmente às mudanças sistemáticas e conflituosas dos presidentes da direcção.

 

 

Esta situação preocupa até certo ponto a massa associativa, porquanto só contribui para a estagnação do clube. Só para ilustrar o quão são preocupantes as mudanças no ex-Namutequeliua, é que de 2012, o clube teve quatro presidentes, dos quais três não chegaram a cumprir o seu mandato até ao fim.

 

 

Trata-se de Carlos Coelho, que em 2012 foi “golpeado” por António Uaqueia, tendo este, por sua vez, sido arrancado o poder por Vítor de Sousa em 2013.

 

  Antes de cumprir o seu mandato, Sousa demitiu-se do cargo há bem pouco tempo, por alegados desentendimentos com um grupo de sócios, e para ocupar o cargo deixado foi eleito o antigo jogador do clube, Zito Mussagy. A eleição foi feita numa Assembleia Geral Extraordinária.

O novo presidente e outros elementos que a integram os órgãos sociais do Sporting de Nampula tomaram posse sábado, cuja cerimónia decorreu nas instalações do clube.

 

 

 Falando a jornalistas depois de ter sido empossado, Zito Mussagy reconheceu a difícil tarefa que lhe espera daqui em diante em resolver os muitos problemas que enfermam actualmente os “leoninos”.

 

Porém, disse que a sua prioridade é unir a família sportinguista que se encontra muito dispersa e desentendida, até porque a nova direcção está aberta a todo aquele que é do Sporting.

 

 

  Com efeito, segundo Mussagy, essa tarefa deverá contar com o maior envolvimento de sócios e simpatizantes, que são chamados neste momento conturbado em que está a passar o clube, a terem consciência profunda sobre a necessidade de se acabar uma vez por todas com ciclo de demissões ou “golpes” de presidentes que prejudicam a evolução do clube.

 

 

 “Prometo trabalhar mais tendo como objectivo principal a revitalização do clube, bem como promoção da formação que actualmente não existe. Aliás, enquanto não tivermos formação, não vamos ter frutos que pretendemos. A falta de formação compromete a alta competição neste clube. É preciso que se deve perceber que nesta primeira fase vai ser de um Sporting de sacrifícios, porque este não é um clube milionário. Contudo, vamos cumprir com a nossa missão”, realçou Zito Mussagy.

 

 

O presidente da Mesa da Assembleia Geral, Brás dos Santos, explicou, por seu turno, que um dos factores que contribui para que haja demissões ou “golpes” sistemáticos na presidência do Sporting, é a falta de formação dos gestores da direcção incluindo a comunicação e entendimento entre os dirigentes e os chamados sócios fundadores.

 

 

 

 

Fonte:Jornal Noticias

publicado por Vaxko Zakarias às 10:01
 O que é? |  O que é? | favorito

AS delegações desportivas que participaram recentemente em diversas competições internacionais, nomeadamente Jogos da CPLP, da Commonwealth, Campeonatos “Mundias” de karate-kimura shukokai e de Tang So Doo, mais a Selecção Nacional de futebol, os “Mambas”, que no último domingo assegurou a presença na fase de grupos de qualificação ao Campeonato Africano de Nações, ao vencer a Tanzania, por 2-1, serão recebidas esta tarde pelo ministro da Juventude e Desportos, Fernando Sumbana.

 

 

A cerimónia de recepção tem como finalidade homenagear as selecções nacionais pela boa prestação conseguida além-fronteiras nas diversas modalidades e contará com a presença de atletas, técnicos, dirigentes e demais integrantes das delegações.

 

 

Salientar que o grande feito foi conseguido pela selecção nacional de Tang So Doo, na Carolina do Norte, nos Estados Unidos da América, onde conquistou 28 medalhas, sendo 10 de ouro, sete de prata e 11 de bronze.

 

Já nos IX Jogos da CPLP, decorridos em Luanda, Angola, Moçambique conquistou 21 medalhas, sendo seis de ouro, cinco de prata e 10 de bronze; enquanto nos XX da Commonwealth, realizados em Glasgow, na Escócia, obteve uma medalha de prata, pela atleta Maria Muchavo, na modalidade de atletismo adaptado, e outra de bronze, por Maria Muchonga, no boxe feminino.

 

 

No Mundial de karate-kimura shukokai, realizado em Sun City, na vizinha África do Sul, Moçambique conseguiu 10 medalhas, sendo uma de ouro, quatro de prata e cinco de bronze.

 

 

 

 

 

Fonte:Jornal Noticias

publicado por Vaxko Zakarias às 09:56
 O que é? |  O que é? | favorito

O FERROVIÁRIO da Beira conseguiu ontem quebrar o jejum de quatro jornadas em que não conhecia o sabor da vitória. O facto aconteceu diante do Costa do Sol num jogo em que os “locomotivas” do Chiveve entraram com a intenção de assumir as despesas do jogo, mas foram os “canarinhos” que tiveram a primeira grande oportunidade de golo, só que Paulo rematou ao lado da baliza de Willard quando aquele estava já batido. Eram jogados apenas sete minutos.

 

A estratégia do Ferroviário só começou a vir ao de cima quando transcorriam 16 minutos com Mário a aproveitar-se bem de uma jogada de contra-ataque que embaraçou tanto a defesa, bem como o guardião Gervásio. Daí para a frente, o Ferroviário carregou ainda mais no acelerador com Carlitos a ser o “maestro” no meio campo, mas falltava a pontaria por parte dos seus atacantes.

 

Contudo, até ao intervalo, o Costa do Sol equilibrou ligeiramente, no entanto sem criar qualquer situação de verdadeiro perigo.

 

Terminou assim o primeiro tempo e quem julgou que o Ferroviário iria entrar para a etapa conclusiva do jogo mais motivado, olhando pela forma como fechou a etapa inicial, enganou-se, pois tudo acontecia de forma algo atabalhoada o que foi bem aporoveitado pelos “canarinhos.Aos 76 minutos, Willard negou o golo ao Costa do Sol numa jogada que partiu do lado direito, com Chimango a cruzar para o cabeceamento de Tchaka.

 

Na resposta, o Ferroviário, por intermedio de M’fiki, tirou do caminho  três adversários, ficando apenas cara-a-cara com Gervásio, mas atirou para as nuvens, deixando o público agastado.

 

Ambos os conjuntos começaram então a ficar conformados com o resultado de tal maneira que os últimos minutos foram dirimidos sem grandes emoções, embora o Ferroviário tenha mostrado maior ousadia.

 

Assim, numa jogada de contra-ataque rápido, o atacante Mfiki cruzou para o interior da área onde surgiu Paíto  a rematar fortiíssimo, mas a bola foi tocar na mão de Dito. O árbitro, perto da jogada, apitou para o castigo máximo.

 

Chamado a cobrar, Mambucho atirou com sucesso, fazendo o único golo da partida e que foi bastante festejado nas hostes “locomotivas”. Daí para a frente, viu-se o cai-cai por parte do Ferroviário até ao apito final.O árbitro Aníbal Armando esteve bem.

 

 

FICHA TÉCNICA

 

ÁRBITRO:Aníbal Armando, auxiliado por Ivo Muiambo e Carlos Guambe.

FER. BEIRA: Willard; Elísio, Mambucho, Cufa, Veloso; Gildo  (Djei), Paíto, Carlitos, (Henri), Maninho; Mário (Sankani) e M’fiki.

COSTA DO SOL: Gervásio; João, Manuelito I, Campira, Dito, Tchaka (Manucho), Manuelito II (Chimango), Paulo, Rodrigues (Matide) e Alvarito.

DISCIPLINA: Amarelos para Cufa e M’fiki ambos do Ferroviário da Beira. Gervásio e Dito, do Costa do Sol.

 

 

LAITON SIFA

 

 

 

 

Fonte:Jornal Noticias

publicado por Vaxko Zakarias às 09:43
 O que é? |  O que é? | favorito

O FERROVIÁRIO de Maputo vai de mal a pior no Moçambola-2014. Ontem, em partida de acerto ao calendário, referente à 15ª jornada, perdeu com a Liga Desportiva de Maputo (ex-Liga Muçulmana), por 3-1, permitindo que a Liga eleve a vantagem em relação ao seu mais directo perseguidor, Ferroviário de Nampula, para 10 pontos.

 

 

No outro encontro também em atraso, desta feita referente à 16ª ronda, o Ferroviário da Beira recebeu e venceu o Costa do Sol, por 1-0, tento conseguido na marcação de grande penalidade já na etapa final da contenda. Com este triunfo, os “locomotivas” da Beira pularam da 10ª para a sexta posição, enquanto os “canarinhos” caíram um degrau, portanto do sexto para o sétimo lugar.

 

 

 

Fonte:Jornal Noticias

publicado por Vaxko Zakarias às 09:31
 O que é? |  O que é? | favorito

NUMA partida aparentemente controlada, o Ferroviário de Maputo voltou a claudicar, muito por culpa do seu guarda-redes. Os “locomotivas”, talvez por alerta máximo pelo facto de jogarem com o líder e campeão em título, entraram em campo bastante motivados e decididos a saírem da Matola com os três pontos.

 

Para lograr os seus intentos, Vítor Pontes fez questão de mandar os seus pupilos anularem as unidades mais criativas da Liga Desportiva, sobretudo Imo, Muandro ou Liberty, para depois flanquear o seu jogo através dos tecnicistas Andro e Diogo.

 

 

Isso fez com que os “locomotivas” dominassem toda a primeira parte e dispusessem das mais flagrantes oportunidades de golo. Aliás, foi com toda a naturalidade que Luís inaugurou o marcador aos 14 minutos, quando na zona frontal faz um remate colocado, que antes de entrar na baliza de Milagre, bate num defensor “muçulmano”, o que dificultou a missão do guardião dos campeões nacionais.

 

 

Era o 1-0 que se justificava, e pouco depois, uma falha da defesa da Liga quase permitia que o Ferroviário ampliasse o “score” por Graven, mas este, incompreensivelmente, sem oposição em plena área, desviou o esférico ao lado. O Ferroviário aumentou o volume do jogo, mas viu a sua avalanche ofensiva a não dar frutos.

 

 

Com o 1-0 foi-se ao intervalo. No reatamento, tudo mudou, e o guardião “locomotiva” Pinto tanto contribuiu para tal. Logo aos 46 minutos, perante uma desatenção da defensiva do Ferroviário, Zicco empata a partida, num lance em que Pinto podia ter feito melhor.

 

Instantes depois, foi a vez do recém-entrado Telinho fazer o 2-1, aos 48 minutos, numa desatenção da defesa e sobretudo um “frango” de Pinto, que de resto foi o carrasco da sua equipa. Era a cambalhota no marcador, e a “locomotiva” começava a ficar completamente descomandada.

 

 

Aos 68 minutos Telinho bisa, fazendo o 3-1, numa jogada aparentemente inofensiva que conta, uma vez mais, com uma passividade tremenda da defensiva “locomotiva” e um Pinto desnorteado. A estas alturas, a Liga mandava completamente em campo e várias oportunidades de esticar os números foram desperdiçadas.

 

Perante a desvantagem, o melhor que o Ferroviário fez foram três falhanços, o primeiro na sequência de um remate de Tchitcho para uma excelente defesa de Milagre (56´), o segundo (83´) por Henriques detido pelo guardião da Liga, e depois uma chega tardia de Chico para responder a um cruzamento primoroso de Andro.

 

 

O resultado não mais se alterou e castiga ainda mais o Ferroviário de Maputo que pelo que fez merecia pelo menos um empate.

Ainade Ussene e sua equipa tiveram uma arbitragem controvérsia, que prejudicou de certa forma o Ferroviário de Maputo, mesmo sem influenciar directamente no resultado final.

 

FICHA TÉCNICA

 

 

ÁRBITRO: Ainade Ussene, auxiliado por Arsénio Marrengula e Luís Lifanissa. Quarto foi Sérgio Rumbane.

FERROVIÁRIO DE MAPUTO: Pinto; Solomon, Chico, Timbe, Tchitcho, Andro, Edmilson, Graven, Diogo (Mupoga), Danito (Henriques) e Luís.

LIGA DEPSORTIVA: Milagre; Chico, Gildo, Eusébio, Hagy, Liberty, Bheu, Imo (Telinho), Muandro (Jerry), Kito (Avelino) e Zicco.

Disciplina: Amarelo para Diogo (Fer. Maputo)

GOLOS: Luís, 14´, (Ferroviário); Zicco, 46´ e Telinho, 48´ e 68´, (Liga).

 

 

SÉRGIO MACUÁCUA

 

 

 

 

Fonte:Jornal Noticias

publicado por Vaxko Zakarias às 09:21
 O que é? |  O que é? | favorito

O ESTRELA Vermelha isolou-se na liderança do Torneio da Federação de Hóquei em Patins ao vencer o Desportivo, por 4-2, em jogo da quarta jornada.

 

O Estrela passou a somar nove pontos, mais três que o Desportivo. No duelo entre o tio Bruno Pimentel e o sobrinho Kevin Pimentel saiu-se melhor o mais novo, que até marcou um dos quatro golos. Os outros foram de autoria de Siga, Mercy e Maninho.

 

O Ferroviário venceu a Académica, por 4-0, e somou os primeiros três pontos, igualando os estudantes na terceira posição.A próxima jornada, a 5ª, realiza-se na sexta-feira, com os seguintes jogos: Desportivo-Académica (19 h) e Ferroviário-Estrela (20 h).

 

 

 

Fonte:Jornal Noticias

publicado por Vaxko Zakarias às 09:16
 O que é? |  O que é? | favorito

O SPORTING da Beira e o Estrela Vermelha de Gaza festejaram no último fim-de-semana os respectivos títulos províncias de futebol.O Sporting conquistou o título mercê do empate consentido na deslocação a Marromeu sem abertura de contagem e beneficiado da derrota do seu perseguidor, o Matchedje da Beira, diante do Porto, também da Beira, por 2-1.

 

Assim, a província de Sofala far-se-á  representar  por estas duas equipas na “Poule” de apuramento ao Moçambola de 2015, nomeadamente Sporting e Matchedje, ambos da Beira.  

 

Eis o quadro completo de resultados da última jornada: Agrifocus FC de Marromeu, 0 - Sporting da Beira, 0, Matchedje da Beira, 1 – Porto da Beira, 2, Pipeline, 4 – FC da Munhava, 0 e FC da Beira, 0 - Ferroviário B, 2.

 

Na classificação final, o Sporting da Beira  somou 33 pontos, o Matchedje, 29, Agrifocus FC de Marromeu e Ferroviário da Beira B, 25, cada, Pipeline, 19, Porto da Beira, 10, FC da Munhava, nove, e FC da Beira, sete pontos.

 

 

“ALARANJADOS” BRILHAM

 

 

Com uma jornada ainda por disputar, o Estrela Vermelha venceu o “Provincial” de Gaza, mesmo tendo empatado a um golo com a Associação Desportiva de Macuácua.

 

Os novos campeões, que no próximo final de semana irão defrontar a turma do Ferroviário local, somam 41 pontos, seguidos do Clube de Gaza com 37 que garantiu a segunda posição nesta prova.

 

Nos restantes jogos da jornada, a formação de Patrice Lumumba perdeu, no seu reduto, por 3-0, no confronto com a Associação Desportiva do Chókwè.

 

O Clube de Mandlakaze foi derrotado, no seu campo, por 1-0, pela turma da 3 de Fevereiro, resultado semelhante imposto pela Samora Machel ao Ferroviário de Gaza.Nesta que foi a penúltima jornada, o Clube Vespas de Massingir empatou a zero com o Clube de Chidenguele.

 

 

ENH PERTO DO TÍTULO

 

 

A três jornadas do fim do “Provincial” de Inhambane, a recém-criada equipa da Empresa Nacional de Hidrocarbonetos de Vilankulo está próxima de erguer o seu primeiro canecão, caso vença no próximo fim-de-semana o Nova Aliança da Maxixe, o seu directo perseguidor.

A ENH soma 37 pontos contra 35 dos azuis e brancos da Maxixe, segundo classificados.

 

 

O jogo, a ter lugar no sempre complicado pelado do Município da Maxixe, poderá arrastar multidões, pois, em caso da vitória dos forasteiros, poderão encomendar as faixas e se a vitória sorrir aos anfitriões, adia-se o título para a última jornada em que os dois contentores terão jogos a doer, sendo que a ENH bate-se com o Ferroviário de Inhambane, no Municipal de Vilankulo, e o Nova Aliança ombreia com o Comércio da Maxixe, que luta para chegar aos lugares do pódio.

 

 

O Ferroviário de Inhambane, embora conservando a terceira posição, fruto de um empate caseiro frente ao Baleia de Vilankulo, vai tentar reacender a esperança de assaltar o segundo lugar caso o Nova Aliança da Maxixe perca com o líder da prova.O último fim-de-semana foi marcado pelo regresso às vitórias dos “comerciantes” de Morrumbene ao surpreenderem o Desportivo de Inharrime, por 2-1. Os “estudantes” (Universidade Pedagógica) golearam os “ leões” da Massinga, 4-0.

 

 

 

 

 

 

Fonte:Jornal Noticias

publicado por Vaxko Zakarias às 09:06
 O que é? |  O que é? | favorito
Agosto 2014
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
16
17
23
24
27
28
29
30
31
subscrever feeds
tags

todas as tags

mais sobre mim
pesquisar neste blog
 
últ. comentários
Joga se hoje em Lichinga ataça de Moçambiqui as fo...
Eu acho que já é o momento para a Federação Moçamb...
MANOSTAXXMapa Europeu dos Salarios por Paíshttps:/...
MANOSTAXXMapa Europeu dos Salarios por Paíshttps:/...
MANOSTAXXMapa Europeu dos Salarios por Paíshttps:/...
MANOSTAXXMapa Europeu dos Salarios por Paíshttps:/...
MANOSTAXXMapa Europeu dos Salarios por Paíshttps:/...
Para auxiliar no treino nada melhor do que receita...
Entao e em 2016 nao havera????
Gostaria de salientar que a tentativa de mínimo nã...
blogs SAPO