Este blog tem como objectivo difundir a documentação de carácter desportivo
Sexta-feira, 13 DE Dezembro 2013

O BARULHO no atletismo está a atingir, a cada dia, contornos alarmantes. Depois do já conhecido ambiente de crispação na Federação Moçambicana da modalidade (FMA), onde o presidente é acusado de incompatibilidade e o seu secretário-geral de comportamento pouco ortodoxo, agora a celeuma vem das bandas de Chiveve.


 

Na Beira o ambiente é de “cortar à faca” entre o delegado regional-centro da FMA, António Mavila, e a Associação Provincial de Atletismo de Sofala.Mavila acusa esta entidade de interferir em todo o seu trabalho desde que foi nomeado. Em contrapartida, a associação indicia António Mavila de ser um grande “calcanhar de Aquiles” ao desenvolvimento do atletismo naquela parcela do país.


 

Em face desta situação, António Mavila apresentou, quarta-feira, demissão do cargo de delegado regional-centro, deixando um vazio, para além de colocar o presidente da FMA, quem o nomeou, com influência reduzida naquela zona.Mavila alega dois motivos: incompatibilidade e sabotagens por parte de pessoas que, segundo ele, não sabem estar no desporto.


 

“Demito-me por duas razões: a primeira prende-se com a incompatibilidade entre as funções que desempenho na FMA e o facto de ser funcionário da Direcção Provincial da Juventude e Desportos. A segunda situação é o facto de não compactuar com pessoas que não sabem estar no desporto”, avançou.


 

De seguida, o demissionário explicou-se com mais detalhes: “desde que assumi o cargo de delegado regional, a minha relação com a associação provincial nunca foi cordial, foi sempre tensa. Nunca houve entendimento, eles nunca estiveram a favor do meu trabalho, pelo contrário sempre sabotaram-me”, esclareceu.


 

António Mavila adiantou que já fez chegar uma missiva ao presidente da FMA que neste momento encontra-se fora do país, a colocar o seu lugar à disposição. Mesmo ainda sem resposta (até na manhã de ontem), Mavila garantiu que da sua parte a decisão está tomada.


 

Já me demiti, independentemente daquilo que vier a ser a opinião do presidente. Tive sempre uma boa relação com ele, mas infelizmente não vou continuar. Doravante vou apoiar o atletismo em outros aspectos, mas como delegado não”, rematou.


 

Refira-se que as figuras de delegados regionais são inovações do actual presidente da FMA, Shafee Sidat.


 

NUNCA RECONHECEMOS MAVILA


 

Em jeito de reacção, a Associação Provincial de Atletismo de Sofala, através do seu secretário-geral, Tito Muliga, afiançou que a instituição que representa não reconhece e nunca legitimou Mavila como delegado regional-centro da FMA.


 

Nós conhecemos Mavila já há bastante tempo como um cidadão daqui da cidade da Beira, mas não como delegado regional-centro da FMA. Aliás, nunca nos foi apresentado como delegado, mesmo na lista da candidatura a presidente da FMA de Shafee Sidat não constava o nome dele. Como é que ele é nomeado à revelia da associação?”, questiona.


 

Foi mais longe indicando que Mavila tem sido uma verdadeira “pedra no sapato” da Associação Provincial de Atletismo, não compreendendo por que insisti em desempenhar as funções sem reunir consenso.


 

Ele está a mando dos seus patrões. Não está ao serviço do atletismo. Nós não o consideramos delegado, porque, por outro lado, está numa situação de incompatibilidade como o seu presidente que está num “fogo-cruzado” devido à mesma situação”.Muliga acrescentou ainda que a FMA é uma instituição cheia de problemas.





Fonte:Jornal Noticias

publicado por Vaxko Zakarias às 11:02
 O que é? |  O que é? | favorito

OS adeptos do Desportivo de Nacala vão poder apoiar de perto a sua equipa no Moçambola-2014. É que as obras do campo da Bela Vista, localizado naquela cidade portuária estão perto da conclusão e é bem provável que nos próximos dias o empreiteiro faça a entrega do recinto desportivo em alusão.


 

Este ano, durante o Moçambola, o Desportivo de Nacala foi obrigado a jogar fora de portas, mais concretamente no Estádio 25 de Junho, localizado na cidade de Nampula, facto que obrigou os adeptos a terem que se deslocar àquela cidade vizinha para prestar apoio.


 

Mesmo estando em desvantagem, pelo facto de ter jogado fora de casa, os nacalenses apresentaram-se em boa forma esta época, no seu primeiro ano no Moçambola, e em 2014 poderão fazer mais e melhor tendo como estímulo o renovado campo da Bela Vista.Refira-se que as obras do campo da Bela Vista arrancaram em Fevereiro passado.




Fonte:Jornal Noticias

publicado por Vaxko Zakarias às 10:49
 O que é? |  O que é? | favorito

JÁ está a correr sem sobressaltos o festival nacional de futebol feminino depois de um início titubeante devido à chegada tardia das equipas participantes, algumas por razões financeiras, outras por temerem ataques armados na EN1.


 

Entretanto, no primeiro dia da prova, houve apenas uma partida opondo o Costa do Sol ao Clube Desportivo de Muelé de Inhambane, com as “canarinhas” a golearem a equipa da “terra de boa gente”, por 4-0, assumindo-se desde já como um “osso duro de roer”.


 

Na quarta-feira, segundo dia houve mais partidas, que ditaram os seguintes resultados: Benfica de Laulane-Costa do Sol (1-2), Academia Militar-Estrela Vermelha de Maputo (0-0).


 

Refira-se que esta prova envolve oito equipas e serve de antecâmara para a Liga Nacional Futebol Feminino (LNFF) que terá lugar próximo ano.Por razões financeiras, o ABCA de Quelimane e Fanta da Beira boicotaram a competição e para os seus lugares estão o Cachela FC de Murrombene (Inhambane) e Viveiros de Nampula.


 

A competição prossegue hoje, com Rock 7 a defrontar Matola Servitrade, a partir das 15.00 horas no campo da Costa do Sol, jogo grande da ronda.




Fonte:Jornal Noticias

publicado por Vaxko Zakarias às 10:34
 O que é? |  O que é? | favorito

A PISCINA Raimundo Franisse, no centro da capital do país, acolhe, a partir de hoje até domingo, o Campeonato de Natação da Cidade Maputo de Verão, naquela que é a última prova do ano.


 

O evento contará com a presença dos clubes Golfinhos, Tubarões, Desportivo, Ferroviário, Banco de Moçambique e Nguenhas, juntando nadadores de vários escalões desde iniciados até aos seniores em ambos os sexos e em várias especialidades, com destaque para mariposas, bruços e costas.As provas compreenderão seis jornadas, com sessões matinais que se iniciam às 9.00 horas e vespertinas que começam às 15.00.


 

A competição, que em princípio estava agendada para a piscina Olímpica do Zimpeto, é organizada pela Associação de Natação da Cidade de Maputo (ANCM).

 

O Golfinhos ganhou as últimas cinco edições, sendo desde já o principal favorito à conquista do título.




Fonte:Jornal Noticias

publicado por Vaxko Zakarias às 10:21
 O que é? |  O que é? | favorito



O DUELO entre a Liga Muçulmana e A Politécnica A é o mais aguardado da 10ª jornada do Campeonato de Basquetebol da Cidade de Maputo, em seniores femininos, prova que se aproxima da ponta final.


 

A partida tem início marcado para as 20.00 horas, no pavilhão da A Politécnica. Não menos importante será o embate entre o Desportivo e o Ferroviário, que se inicia às 19.30 horas, no pavilhão dos “alvi-negros”.


 

 À mesma hora, no vizinho Maxaquene, a equipa da casa medirá forças com a Universidade Pedagógica. Às 18.30 horas, o Costa do Sol terá pela frente a A Politécnica B, no reduto da segunda equipa.


 

As emoções da competição prosseguem amanhã, com a efectivação da 11ª ronda. Às 15.00 horas, o Desportivo recebe o Maxaquene, naquele que é o duelo da jornada. Às 16.30 o Ferroviário bate-se com a A Politécnica A, no pavilhão do Desportivo. A A Politécnica B terá pela frente a Universidade Pedagógica, às 15.00 horas.No pavilhão do Maxaquene, a Liga Muçulmana jogará com o Costa do Sol.


 

Entretanto, na quarta-feira rodou a nona jornada que forneceu os seguintes resultados:Ferroviário-UP (88-23); Desportivo-A Politécnica A (27-95); Costa do Sol-Maxaquene (62-64) e Liga- A Politécnica B (98-41).




Fonte:Jornal Noticias

publicado por Vaxko Zakarias às 10:07
 O que é? |  O que é? | favorito

Realizam-se esta noite, no pavilhão da Académica, as meias-finais do Campeonato Nacional de Futsal com desafios que prometem ser emotivos e espectaculares.Em campo estarão as quatro melhores equipas da prova, as que “a priori” eram apontadas como favoritas, nomeadamente Computer Solution de Chimoio-Iquebal (18.00 horas) e Liga Muçulmana-Petromoc (19.30).


 

Em ambos os confrontos é difícil apontar favoritos, dado o bom nível competitivo apresentado pelas quatro equipas. Nota de realce para Computer Solution, a única equipa de fora da capital do país que ainda sonha em conquistar o “canecão”. A equipa de Chimoio quer fazer história no “Nacional”, conquistando o troféu. Sublinhe-se que nunca uma equipa de fora da capital venceu título igual.


 

A Computer Solution terminou no segundo lugar do Grupo “A”, atrás da líder Liga Muçulmana, enquanto Iquebal e Petromoc transitaram para as meias-finais como primeiro e segundo classificados do Grupo “B”.A Liga Muçulmana é a actual detentora do título.




Fonte:Jornal Noticias

publicado por Vaxko Zakarias às 10:01
 O que é? |  O que é? | favorito
Dezembro 2013
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
14
15
16
17
20
21
22
23
24
25
26
27
28
29
30
31
Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

subscrever feeds
tags

todas as tags

mais sobre mim
pesquisar neste blog
 
últ. comentários
Joga se hoje em Lichinga ataça de Moçambiqui as fo...
Eu acho que já é o momento para a Federação Moçamb...
MANOSTAXXMapa Europeu dos Salarios por Paíshttps:/...
MANOSTAXXMapa Europeu dos Salarios por Paíshttps:/...
MANOSTAXXMapa Europeu dos Salarios por Paíshttps:/...
MANOSTAXXMapa Europeu dos Salarios por Paíshttps:/...
MANOSTAXXMapa Europeu dos Salarios por Paíshttps:/...
Para auxiliar no treino nada melhor do que receita...
Entao e em 2016 nao havera????
Gostaria de salientar que a tentativa de mínimo nã...
blogs SAPO