Este blog tem como objectivo difundir a documentação de carácter desportivo
Quarta-feira, 11 DE Dezembro 2013

NESTE período todas as equipas que vão “atacar” o Moçambola no próximo ano estão centradas no mesmo objectivo: reforçar os respectivos plantéis. E por estas alturas já começam a ficar definidas algumas situações que suscitavam algumas dúvidas.

 

 


 

A permanência ou não de Mário no Ferroviário da Beira era uma das questões mais badaladas, por ser este um dos jogadores que esteve mais em evidência na temporada recém-terminada. Pode-se dizer que o “dossier Mário” ficou encerrado depois do avançado ter renovado por mais dois anos.


 

A direcção dos “locomotivas” da Beira conseguiram assim segurar a sua principal “estrela”, da qual se falou que poderia rumar à Liga Muçulmana para colmatar a eventual saída de Sonito, que ainda não se sabe se assinará pelo Kaizer Chiefs da África do Sul, clube onde vai treinando à experiência.


Numa semana feliz no apetrecho do plantel, os beirenses acertaram a contratação do “capitão” do Desportivo de Nacala, Coutinho. A avaliar pela postura da direcção de não querer perder os seus melhores intérpretes e ainda acrescentar mais qualidade com outros atletas, perspectiva-se um ano 2014 bom do ponto de vista competitivo para o vice-campeão que terá a tarefa de representar o país na Taça CAF, na qualidade de detentor da Taça de Moçambique. 

 

 

O Desportivo, que regressou ao Moçambola, parece disposto a reforçar-se com atletas de topo, contrariando o processo de contratações de jogadores medianos em 2012 que culminou com a despromoção ao futebol dos “quarteirões”. Caio, ex-guarda-redes da Liga Muçulmana, é o primeiro grande reforço dos “alvi-negros”.


O “keeper” brasileiro voltará a trabalhar com o técnico Artur Semedo. Sublinhe-se que ambos estiveram juntos durante as épocas 2011/2012 nos “muçulmanos”. Está igualmente confirmada a continuidade de Lanito, a jovem coroa da canteira “alvi-negra”.


O rival vizinho, o Maxaquene também já está no mercado e por estas alturas é uma forte hipótese a entrada de Rachide, um talentoso médio ofensivo que brilhou no Ferroviário de Maputo na época 2011/2012, facto que lhe valeu uma transferência para a Liga Muçulmana, este ano, não tendo conseguido se impor. O regresso do experiente Genito, que esteve em grande no Estrela Vermelha, é também uma probabilidade a ter em conta.


 

Nos próximos dias mais transferências podem ser confirmadas como a de Reginaldo do qual se fala poder reforçar o Nacional da Madeira, onde actuam Zainadine Júnior e Mexer.




Fonte:Jornal Noticias

publicado por Vaxko Zakarias às 11:42
 O que é? |  O que é? | favorito

 

 

O DUELO entre o Costa do Sol e o Maxaquene é o mais importante da nona jornada do Campeonato de Basquetebol da Cidade de Maputo em seniores femininos, que tem lugar esta noite (19.30 horas) no pavilhão dos “tricolores”.


É um “clássico” de basquetebol nacional, embora as duas equipas não tenham estado no seu melhor nos últimos anos, o certo é que a partida promete, até porque a luta pelo título está cada vez mais acesa.


Outro duelo não menos importante é aquele que irá opor o Desportivo à A Politécnica, às 20.00 horas, no pavilhão dos “alvi-negros”. Meia-hora antes, a líder da prova e actual campeã em título, Liga Muçulmana, mede forças com a A Politécnica B, no pavilhão dos “politécnicos”. O Ferroviário terá pela frente a aguerrida Universidade Pedagógica, às 18.30 horas.




Fonte:Jornal Noticias

publicado por Vaxko Zakarias às 11:31
 O que é? |  O que é? | favorito

ESTÁ encontrado o substituto de Nacir Armando no Desportivo de Nacala. Trata-se de Akil Marcelino, técnico que comandou o Vilankulo FC na temporada passada, e que vai durante a próxima época assumir os destinos dos nacalenses.


A direcção do Desportivo de Nacala conseguiu ultrapassar a sua maior “dor de cabeça” depois que Nacir Armando ter anunciado a saída da colectividade, algo que colheu de surpresa os dirigentes. 


À semelhança do Desportivo de Nacala, tem a situação definida no que diz respeito aos treinadores: Maxaquene (Chiquinho), Desportivo (Artur Semedo), Liga Muçulmana (Litos), HCB (Wetson Nyerenda), Ferroviário da Beira (Lucas Barrarijo), Ferroviário de Nampula (Rogério Gonçalves), Ferroviário de Maputo (Víctor Pontes) e Chibuto (Caló).


Ainda está por decidir a situação do Costa do Sol – Arnaldo Salvado é forte possibilidade -, Estrela Vermelha da Beira, Ferroviário de Pemba e Ferroviário de Quelimane.





Fonte:Jornal Noticias

publicado por Vaxko Zakarias às 11:24
 O que é? |  O que é? | favorito

HÁ barulho na Federação Moçambicana de Atletismo (FMA). Em causa está a suposta incompatibilidade do mandato do presidente da agremiação, Shafee Sidat, com as funções de agente-FIFA e a conjecturada suspensão do secretário-geral, Paulo Sunia, devido ao comportamento pouco ortodoxo.


Na verdade desde que Shafee Sidat tornou-se presidente da FMA surgiram alas na agremiação. Um grupo presumivelmente encabeçado por Paulo Sunia, que se auto-intitula “família de atletismo”, provocou ruptura, alegadamente porque o novo líder da modalidade não é pessoa do atletismo.


O facto faz com que uma parte do elenco de Shafee conspirasse contra ele, na tentativa de afastá-lo da FMA, tendo como base o facto de ser agente-FIFA, o que é supostamente incompatível com as funções de presidente de uma federação.


Outra ala da agremiação, a mais fiel a Shafee, optou por isolar Paulo Sunia, um secretário-geral acusado de ser orquestrador da queda do actual presidente. Na sequência disso, de forma tácita, Sunia viu as funções de secretário-geral “diluírem”, tornou-se ilegítimo, apesar de ser legal.


Shafee acusa Sunia e outras pessoas ligadas ao atletismo e ao seu elenco de perseguição, tudo com o objectivo de lhe verem fora da FMA, alegadamente por incompatibilidade, situação que o presidente da FMA não teme em ceder.


Se acharem que sou incompatível, estou aberto a deixar o meu lugar à disposição, sem qualquer problema. Estou no atletismo por atletismo, mais nada. Não tiro qualquer proveito disso”, avança Shafee Sidat.


Vai mais longe ao afirmar que “se não estiverem satisfeitos comigo podem arranjar outra pessoa, que pode fazer melhor para a modalidade. Não tenho nada a perder, até porque isso não constitui problema para mim”.


Em relação à suspensão de Sunia, adiantou que este não chegou a ser suspenso, pelo contrário auto-exclui-se no colectivo de direcção, que em muitas ocasiões não participa dos seus encontros, dando como exemplo, a última deslocação do secretário-geral à província do Niassa sem dar qualquer informação e sem qualquer autorização.

Paulo Sunia, por sua vez, afirma que em nenhum momento sabotou Shafee Sidat e nunca levantou a questão da sua incompatibilidade, pelo contrário é a Lei do Desporto que o coloca numa situação dúbia.


Vai mais longe, acrescentando que enquanto não lhe for notificado segundo os trâmites legais, ainda continua secretário-geral da FMA, até porque nem verbalmente ainda lhe foi dada qualquer informação.


Agora acabo de voltar do Niassa, onde fui fazer a minha campanha (não explicou os propósitos e nem o conteúdo da referida campanha) já estou em Maputo, e vou me inteirar da situação. Vou procurar os meus homens para sentarmos e vermos o que se passa, o que está bem ou mal”, avançou.


Quais são os seus homens? Questionámos. “É a família do atletismo: Eu estou com a família de atletismo, porque sou homem da modalidade”, disse.






Fonte:Jornal Noticias

publicado por Vaxko Zakarias às 11:05
 O que é? |  O que é? | favorito
Dezembro 2013
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
14
15
16
17
20
21
22
23
24
25
26
27
28
29
30
31
subscrever feeds
tags

todas as tags

mais sobre mim
pesquisar neste blog
 
últ. comentários
Joga se hoje em Lichinga ataça de Moçambiqui as fo...
Eu acho que já é o momento para a Federação Moçamb...
MANOSTAXXMapa Europeu dos Salarios por Paíshttps:/...
MANOSTAXXMapa Europeu dos Salarios por Paíshttps:/...
MANOSTAXXMapa Europeu dos Salarios por Paíshttps:/...
MANOSTAXXMapa Europeu dos Salarios por Paíshttps:/...
MANOSTAXXMapa Europeu dos Salarios por Paíshttps:/...
Para auxiliar no treino nada melhor do que receita...
Entao e em 2016 nao havera????
Gostaria de salientar que a tentativa de mínimo nã...
blogs SAPO