Este blog tem como objectivo difundir a documentação de carácter desportivo
Terça-feira, 10 DE Setembro 2013

JÁ são conhecidos os onze hoquistas que vão defender a Bandeira Nacional no Campeonato do Mundo de Hóquei em Patins, prova que decorrerá em Angola e 20 a 28 do mês em curso.


Dos onze que integram a convocatória final há que realçar os nomes de Filipe Nabais (Fipilinho), Momed Buanar (Dino) e Nuno Araújo, três jovens que farão a sua estreia na mais alta roda da modalidade a nível mundial.


As três promessas do hóquei moçambicano juntam-se a um núcleo daqueles que honraram as cores moçambicanas no último Mundial (San Juan 2011) com o brioso quarto lugar. São eles: Spiros Esculudes (Kiko), Ivan Esculudes (Maninho), Arnaldo Queiróz, Nelson Miquessene (Mafamba), Igor Alves, Bruno Pinto, Mário Rodrigues (Marinho) e Frederico Saraiva (Fredy).


Assim, com um grupo jovem, mas de todo ambicioso e com uma enorme vontade de voltar a fazer um brilharete em Angola, é de se esperar um bom campeonato.

A equipa nacional está em estágio em Portugal, mais precisamente no Centro de Estágio da Cruz Quebrada, onde vai fazendo jogos de controlo até ao dia 15, sendo que a partida para Angola está prevista para o dia 17, quarta-feira da próxima semana.


Refira-se que Moçambique está no Grupo “D” e faz a sua estreia no dia 22 frente à Itália, jogando nos dias subsequentes com a Colômbia e Estados Unidos.   



EIS OS 11 QUE VÃO AO MUNDIAL


GUARDA-REDES: Arnaldo Queiróz e Igor Alves;


DEFESAS/MÉDIO: Spiros Esculudes (Kiko), Momed Buanar (Dino), Nuno Araújo e Bruno Pinto;


MÉDIO/AVANÇADO: Ivan Esculudes (Maninho), Nelson Miquessene (Mafamba, Filipe Nabais (Filipinho), Frederico Saraiva (Fredy) e Mário Rodrigues (Marinho).




Fonte:Jornal Noticias

publicado por Vaxko Zakarias às 10:01
 O que é? |  O que é? | favorito

 

NO final do encontro entre o Matchedje e o Ferroviário da Beira (2-4), a contar para a 17ª jornada do Moçambola-2013, os técnicos das duas equipas tiveram opiniões marcadamente antagónicas, com Alcides Chambal (Matchedje) a queixar-se da falta de atitude por parte dos seus pupilos, e com Vítor Matine (Ferroviário) a congratular a postura da sua equipa em campo.



JOGADORES CUMPRIRAM A MISSÃO - AFIRMA VITOR MATINE


Visivelmente satisfeito com a vitória, por sinal a primeira nesta segunda volta do Moçambola, Vítor Matine teceu rasgados elogios à sua equipa, que soube aguentar a pressão do Matchedje, conseguindo inaugurar o marcador, uma vantagem que durou pouco, mas que fora posteriormente “resgatada”.


Os jogadores cumpriram o que lhes pedimos e os frutos são estes. Vencemos e esta vitória tem sabor especial pois é a primeira neste segunda volta, que à semelhança da primeira estreámo-nos a vencer frente a este mesmo Matchedje. O jogo foi dividido, com o Matchedje a dominar a primeira parte e nós a mandarmos na segunda, disse.



FALTOU AUTO-ESTIMA Á EQUIPA - Alcides Chambal


 

 

Frustrado, Alcides Chambal, timoneiro dos “militares”, não gostou da postura dos seus jogadores, que depois de uma primeira parte esplêndida, na qual operaram uma reviravolta em três minutos, fizeram uma etapa complementar para esquecer.


Faltou auto-estima a esta equipa. Infelizmente não foi desta que conseguimos ganhar mas estivemos perto disso. Faltou espírito de equipa e de sacrifício por parte dos jogadores e o adversário tirou partido disso, lamenta.




Fonte:Jornal Noticias

publicado por Vaxko Zakarias às 09:48
 O que é? |  O que é? | favorito

O FERROVIÁRIO continua em alta na Taça Maputo em basquetebol sénior masculino. No fim-de-semana os “locomotivas” passaram com classe na prova de “fogo” sobre A Politécnica, equipa que venceram por 56-39.



O Maxaquene redimiu-se com um resultado expressivo da derrota sofrida há uma semana diante do Ferroviário. Os “tricolores” bateram a Bela Rosa por 98-54 e estiveram à beira de aplicar “chapa 100”.



Equilibrado foi o Desportivo-Costa do Sol, que terminou com a vitória dos “canarinhos” por apenas três pontos de diferença (47-44). A Universidade Pedagógica derrotou o Aeroporto por uma margem de 12 pontos de diferença, ou seja, 63-51.



Já em femininos também rodou a sexta jornada, na qual o destaque vai para o duelo entre Maxaquene e A Politécnica A, que terminou com a vitória das “politécnicas” por tangenciais 44-46, numa partida bastante equilibrada.



O Ferroviário não teve muitos problemas para levar de vencida a Universidade Pedagógica por claros 58-23. A Politécnica B derrotou o Costa do Sol por 56-39.

Refira-se que esta prova decorre no sistema clássico de todos contra todos em duas voltas.




Fonte:Jornal Noticias

publicado por Vaxko Zakarias às 09:20
 O que é? |  O que é? | favorito

 

A TERCEIRA jornada da Poule de Apuramento ao Moçambola-2014 teve desfechos animadores nas zonas norte e sul, onde a partilha de liderança abre grandes expectativas para a jornada que se segue.



 

No norte a UP de Lichinga e o Ferroviário de Pemba, que à entrada desta ronda ocupavam a terceira e quinta (penúltima) posições, estão colocados no topo da tabela e trocaram de posições com o Ferroviário de Nacala, anterior líder, e Benfica de Monapo, ex-detentor do segundo posto. A UP de Lichinga goleou o Benfica de Monapo (3-0), enquanto o Ferroviário de Pemba venceu o Desportivo de Mueda (2-1).O encontro entre a AD de Cuamba e Ferroviário de Nacala terminou sem abertura de contagem.

 


 

Enquanto isso, no sul, o Estrela Vermelha alcançou o Desportivo, que liderava a prova isolado, elevando a rivalidade entre estes que são tidos como os favoritos à transição ao nível da região. Os “alvi-negros” consentiram empate na sua deslocação ao terreno da AD da Maxixe (1-1), enquanto o Estrela ganhava em casa ao Incomáti por 1-0. No seu encalço está o Ferroviário de Gaza, que, por seu turno, cilindrou o seu homónimo de Inhambane por 3-0. Samora Machel recebeu e venceu MG da Matola por 2-1, ocupando a quarta posição.



Entretanto, o Ferroviário de Quelimane é que se mantém impune, tendo registado a terceira vitória consecutiva. Os “locomotivas” de Quelimane venceram na Beira ao FC local por 1-0. O seu mais directo perseguidor e um dos fortes concorrentes à ascensão, Textáfrica, não deixou os seus créditos em mãos alheias, tendo recebido e derrotado o conterrâneo FC de Chimoio por 3-1. O precioso terceiro lugar pertence ao Sporting da Beira, que pulou do quinto lugar depois de vencer o FC de Angónia também por 3-1.




Fonte:Jornal Noticias



publicado por Vaxko Zakarias às 08:58
 O que é? |  O que é? | favorito
Setembro 2013
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
11
14
15
21
22
23
24
25
26
27
28
29
30
subscrever feeds
tags

todas as tags

mais sobre mim
pesquisar neste blog
 
últ. comentários
Joga se hoje em Lichinga ataça de Moçambiqui as fo...
Eu acho que já é o momento para a Federação Moçamb...
MANOSTAXXMapa Europeu dos Salarios por Paíshttps:/...
MANOSTAXXMapa Europeu dos Salarios por Paíshttps:/...
MANOSTAXXMapa Europeu dos Salarios por Paíshttps:/...
MANOSTAXXMapa Europeu dos Salarios por Paíshttps:/...
MANOSTAXXMapa Europeu dos Salarios por Paíshttps:/...
Para auxiliar no treino nada melhor do que receita...
Entao e em 2016 nao havera????
Gostaria de salientar que a tentativa de mínimo nã...
blogs SAPO