Este blog tem como objectivo difundir a documentação de carácter desportivo
Quarta-feira, 15 DE Maio 2013

A LIGA Muçulmana parte hoje para Lubumbashi, República Democrática do Congo, onde no próximo domingo, defronta o TP Mazembe em partida da primeira “mão” da terceira e última eliminatória de acesso à fase de grupos da Taça CAF.

 

Ainda hoje a Liga deve desembarcar na RD Congo para amanhã realizar a primeira sessão de treino além-fronteiras. Dada a proximidade das eliminatórias da Taça CAF, a equipa moçambicana teve pouco tempo para preparar este jogo. Aliás, só ontem é que Litos deu início à preparação, visto que a Liga jogou domingo na Beira com o Estrela Vermelha para o Moçambola.

 

 

Assim sendo, é na capital congolesa onde a equipa “muçulmana” vai ter mais tempo para preparar o primeiro desafio com o TP Mazembe, mas sem dois dos habituais titulares. O guarda-redes Caio e o médio ofensivo Josimar, a cumprirem castigo, não vão jogar. Ambos viram o segundo cartão amarelo na eliminatória anterior frente ao Wydad Casablanca de Marrocos. Vão assim cumprir um jogo de castigo pelo que estarão disponíveis na segunda “mão”, em Maputo. O avançado Zicco ainda a recuperar de lesão vai também falhar o embate de domingo.

 

 

De resto, todo o plantel estará disponível, sendo de salientar o regresso de Miro, após ter cumprido um jogo de suspensão, na partida frente ao Wydad Casablanca.

 

 

A adaptação ao relvado do Estádio de la Kenya com capacidade para 35 mil espectadores, também conhecido como o “tout puissant” (todo-poderoso), será na sexta-feira.

 

 

Para chegar a esta fase, a Liga deixou pelo caminho o Wydad Casablanca, enquanto o TP Mazembe foi relegado da Liga dos Campeões para a Taça CAF ao ser eliminado pelo Orlando Pirates, da África do Sul.A equipa de arbitragem provém do Ruanda. O árbitro será Hudu Manyemana e será coadjuvado por Ndagimana Theoge e Simba Onore. O quarto árbitro é Hakizamana Louis.

 

 

O comissário da CAF é da vizinha África do Sul e dá pelo nome de Ian Mcleod.Nesta última eliminatória, a CAF reforçou o controlo do jogo dentro das quatro linhas e para tal nomeou um inspector gabonês, Pierre Alain, que trabalhará em estreita coordenação com o comissário da CAF.

Fonte:Jornal Noticias
publicado por Vaxko Zakarias às 13:05
 O que é? |  O que é? | favorito
tags:

LITOS, treinador da Liga Muçulmana, espera dificuldades na eliminatória frente ao TP Mazembe, particularmente no jogo que a sua equipa irá efectuar no solo congolês.

 

 

O técnico aponta a arbitragem como uma das principais adversidades que a sua equipa terá pela frente no jogo da primeira “mão”, no qual o TP Mazembe jogará na condição de anfitrião.

 

 

O curriculum do TP Mazembe é impressionante. É uma grande equipa. Nesta primeira “mão” teremos muitas dificuldades, a começar pela arbitragem. É só olhar para o que viveu recentemente o Orlando Pirates”, vincou.

 

 

Litos resfriou dizendo que a Liga tem o jogo da segunda “mão” em casa, no qual pode tentar contrariar tudo o que poderá acontecer no Congo.

 

 

Teremos de ter muitas cautelas para passar esta eliminatória. A nossa estratégia será a habitual, que será tentar marcar em casa do adversário. Marcámos em todos os jogos fora, espero que continuemos assim”, realçou, ajuntando que os jogadores têm de estar preparados para uma arbitragem tendenciosa em casa do TP Mazembe”.

 

 

O técnico português foi mais longe acentuando que irá encarar a eliminatória, particularmente o jogo da primeira “mão”, com muito cuidado e com uma boa postura defensiva, sem descurar de ter a bola e atacar a baliza contrária, pois essa é a forma de jogar que a sua equipa nunca abdicou.

 

 

Com atitude, apesar do poderio do TP Mazembe penso que podemos passar para a fase de grupos, que é o osso principal objectivo. Mas não temos boas recordações das viagens que fizemos à Nigéria e Marrocos, onde fomos claramente prejudicados pela arbitragem”, finalizou.

Fonte:Jornal Noticias
publicado por Vaxko Zakarias às 12:59
 O que é? |  O que é? | favorito
tags:

NUMA acção que se pode considerar uma reedição dos acontecimentos de Vilankulo, em que o árbitro do jogo entre os donos da casa e o Estrela Vermelha da Beira foi fisicamente agredido pelo treinador desta última equipa, Abdul Omar, este domingo, na cidade de Pemba e a contar para a terceira jornada do “Provincial” de futebol de Cabo Delgado, o treinador dos regressados “locomotivas”, Hilário Manjate, invadiu o recinto do jogo para ir agredir o árbitro da partida, Abdul Ânuar Pinheiro, que punha frente-a-frente a equipa do Ferroviário e do Desportivo do Ibo.

 

Como consequência, a partida não chegou ao fim, tendo havido uma intervenção policial que incluiu disparos para a dispersão dos adeptos enfurecidos, que tiveram à cabeça o seu próprio técnico.

 

 

Tudo começou com a reentrada, sem autorização do árbitro principal, dum jogador do Ferroviário que havia simulado uma lesão, que sem ter sido assistido pela equipa médica levantou-se, mas depois de ter recebido ordens de recuperar fora das quatro linhas, uma atitude que soube a “queima de tempo”, numa altura em que o Desportivo do Ibo estava a carregar, caminhando para um empate, depois de estar a perder por dois golos.

 

 

O juiz ao ver o jogador a reentrar ordenou que voltasse, pois não tinha sido autorizado, o que na opinião da equipa técnica do Ferroviário, estaria a prejudicar o colectivo “locomotiva”, que já evoluía com uma unidade a menos, desde a primeira parte, em resultado da expulsão de um atleta.

 

 

Hilário Manjate, nada mais fez do que invadir o campo ao encontro do árbitro que o foi empurrar reiteradamente, até que jogadores e outros dirigentes foram acudir, sem sucesso. A Polícia se fez ao campo, ao mesmo tempo que a claque dos adeptos ligados ao Ferroviário, igualmente, tomaram de assalto o recinto do jogo. Pelo menos três balas foram disparadas para a dispersão da multidão, na qual pontificava Hilário Manjate e a Polícia efectuou pelo menos uma detenção.

 

 

A partida viria a ser interrompida, com o resultado de 2-1, porque a equipa insular não aceitou continuar o jogo, alegadamente porque as condições de segurança estavam deterioradas.

 

 

É a primeira mancha da edição deste ano do campeonato de futebol, na sua terceira jornada, que entretanto confirmou a liderança da equipa da PRM, com nove pontos, seguida pela dupla Desportivo do Ibo, Associação Desportiva de Pemba, com quatro, Ferroviário de Pemba e Desportivo de Pemba, com três e da tripla Beira-Mar, Desportivo de Mueda e Paróquia da mesma vila, com um ponto cada.

 

 

 

 

 

Fonte:Jornal Noticias

publicado por Vaxko Zakarias às 12:38
 O que é? |  O que é? | favorito

O PALMMEIRAS e o Sporting, ambos de Quelimane, continuam invictos no Campeonato Provincial de Futebol da Zambézia após a disputa da nona jornada do certame.

 

A formação do Palmeiras somou por vitória todos os jogos por si disputados e o Sporting consentiu dois empates, mas em três jogos conseguiu sair da quarta para a segunda posição, constituindo uma ameaça aos clientes tradicionais da prova, nomeadamente o Palmeiras e o Ferroviário.

No jogo mais importante da ronda, o Palmeiras derrotou a turma da Califórnia FC pela marca de quatro bolas a duas.

 

 

O jogo que foi disputado no relvado dos “locomotivas”, que contou com a presença de uma grande moldura, a Califórnia pregou um susto ao seu oponente durante trinta minutos do desafio, mas a sufocante pressão foi inconsequentemente porque acabou sofrendo o primeiro golo contra a corrente do jogo. Volvidos dez minutos, Califórnia igualou o marcador e caiu novamente por cima do adversário, mas foi sol de pouca dura. 

 

 

O Ferroviário de Quelimane deslocou-se à Mocuba para buscar três preciosos pontos fruto da sua vitória sobre o seu homónimo daquela autarquia, por três bolas a uma. Os “locomotivas” tornaram-se a segunda equipa que saiu do pelado Negres Pires com um resultado positivo depois do Palmeiras.

 

 

Noutros desafios da ronda, o Sporting bateu o 1º de Maio pela expressiva marca de três bolas sem resposta, enquanto o Benfica humilhava o “lanterna vermelha”, o 3 de Fevereiro, por cinco bolas sem resposta. O Matchedje venceu de forma tangencial à União Esperança de Morrrumbala por uma bola sem resposta, afundando-a mais na tabela classificativa.

 

 

A prova continua a ser liderada pelo Palmeiras com 23 pontos, Sporting 21 pontos, Ferroviário de Quelimane com 19, Califórnia com 11 e, por último, 3 de Fevereiro com um ponto.
Fonte:Jornal Noticias
publicado por Vaxko Zakarias às 11:37
 O que é? |  O que é? | favorito

O FERROVIÁRIO esteve em destaque na primeira jornada do Torneio da Abertura em basquetebol sénior masculino e feminino a nível da cidade de Maputo, ao levar de vencida as suas partidas em ambos os sexos.

 

Em masculinos, os “locomotivas” bateram, na noite de sexta-feira, o Desportivo, por uma diferença de 33 pontos, ou seja, 69-36. Noutras partidas em masculinos, a A Politécnica “A” bateu a Bela Rosa por 60-44, uma diferença de 14 pontos.

O Costa do Sol, por sua vez, derrotou, à tangente, a Universidade Pedagógica.

 

 

No sábado, em seniores femininos, o Ferroviário bateu A Politécnica B, por 52-43. A Politécnica A derrotou o Desportivo, por 84-29, uma estrondosa diferença de 55 pontos, o que espelha o desnível entre as duas formações.O Maxaquene e a Liga Muçulmana dispensaram esta prova, alegadamente por razões organizacionais.

Refira-se que o Torneio da Abertura começou depois de muitos adiamentos devido à falta de campos ou pavilhões para os jogos, um problema que só foi resolvido na tarde da quinta-feira, com o Ferroviário a ceder o recinto.Os pavilhões do Desportivo e do Maxaquene, que normalmente acolhem estas provas, continuam em obras de melhoramento.

 

 

 

 

 

Fonte:Jornal Noticias

publicado por Vaxko Zakarias às 11:28
 O que é? |  O que é? | favorito

O IQUEBAL venceu no último fim-de-semana o Torneio de Abertura de Futsal na categoria de seniores masculinos, a nível da cidade de Maputo. A proeza foi cometida após vitória por 3-0 sobre GCS, em partida da sétima e última jornada da prova.

 

O Iquebal somou um total de 19 pontos, frutos de seis vitórias e um empate, mais três que a Liga Muçulmana que quedou em segundo lugar, com cinco vitórias, um empate e uma derrota. Com 14 pontos, resultantes de quatro triunfos, dois empates e uma derrota, a Petromoc ficou em terceiro posto e a Auto Avenida caiu na última posição com apenas dois.

 

Entretanto, noutras partidas da ronda, a Liga Muçulmana goleou a Auto Avenida por 5-0. A Brandel bateu a Autoridade Tributária por uma bola sem concorrência e a Logística não teve problemas para superar a Petromoc por 6-3.

 

 

Concluído o Torneio de Abertura, segue, brevemente, o Campeonato da Cidade, no qual, a Liga Muçulmana, campeã em título surge como favorita à revalidação do título, apesar do insucesso na primeira prova da temporada.

 

 

Na categoria de Sub-20 rodou a segunda jornada, na qual Kaya Kwanga goleou a Liga Muçulmana por 6-2, a Addec B bateu a Escola Portuguesa por 3-0, enquanto a Auto Avenida derrotou copiosamente o Iquebal por 6-3.
Fonte:Jornal Noticias
publicado por Vaxko Zakarias às 11:16
 O que é? |  O que é? | favorito
Maio 2013
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
18
19
24
25
26
27
31
Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

subscrever feeds
tags

todas as tags

mais sobre mim
pesquisar neste blog
 
últ. comentários
Joga se hoje em Lichinga ataça de Moçambiqui as fo...
Eu acho que já é o momento para a Federação Moçamb...
MANOSTAXXMapa Europeu dos Salarios por Paíshttps:/...
MANOSTAXXMapa Europeu dos Salarios por Paíshttps:/...
MANOSTAXXMapa Europeu dos Salarios por Paíshttps:/...
MANOSTAXXMapa Europeu dos Salarios por Paíshttps:/...
MANOSTAXXMapa Europeu dos Salarios por Paíshttps:/...
Para auxiliar no treino nada melhor do que receita...
Entao e em 2016 nao havera????
Gostaria de salientar que a tentativa de mínimo nã...
blogs SAPO