Este blog tem como objectivo difundir a documentação de carácter desportivo
Terça-feira, 26 DE Fevereiro 2013

O EMPRESÁRIO e agente FIFA Shafee Sidat foi eleito, na manhã de ontem, presidente da Federação Moçambicana de Atletismo (FMA), tendo sido votado por oito dos dez representantes das associações provinciais com direito à decisão.

 
Depois da leitura e posterior votação dos relatórios de actividades (abstenção de Sofala) e de contas da FMA (abstenção de Tete) dos últimos quatro anos, seguiu-se o momento mais esperado da Assembleia daquela agremiação: a apresentação pela parte dos manifestos eleitorais por parte dos candidatos.

Ângelo Muria foi o primeiro, dado que fazia parte da lista A. Seguiu José Cucheza e, por último, Shafee Sidat que posteriormente seria eleito presidente da FMA.

 

 

O escrutínio correu num ambiente tranquilo e de tolerância entre os contendores. Apesar de o voto ser secreto, o “Notícias” apurou que Niassa, Cabo Delgado, Nampula, Zambézia, Sofala, Gaza, Maputo-província e Maputo-cidade votaram em Shafee Sidat, sendo que Inhambane apostou em Ângelo Muria e Tete em José Cucheza.
Fonte:Jornal Noticias
publicado por Vaxko Zakarias às 10:26
 O que é? |  O que é? | favorito

MOMENTOS depois da sua eleição, Shafee era um homem visivelmente emocionado, tendo afirmado que não é o vencedor, a vitória é do atletismo, incluindo dos candidatos derrotados.

 

 

Segundo Shafee, para que a modalidade progrida no país, não vale a pena se investir na colocação de atletas nos “Mundiais” ou nos Jogos Olímpicos, enquanto na base nada se está a fazer. Com estas palavras, o presidente eleito disse que preferia investir mais na criação das condições de trabalho para as associações do que em gastar dinheiro com um ou mais atletas nos Jogos Olímpicos para depois nada trazerem.

 

 

Penso que o mais importante é termos as bases sólidas. O dinheiro que se gasta levando um atleta para os Jogos Olímpicos podia-se investir na formação de muitos atletas. Não se pode dar um passo para frente e dois para trás”, sublinhou.

 

 

Shaffe promete, por outro lado, dar dinheiro às associações, numa primeira fase 50 mil Meticais por ano, para além de fazer uma pista de tartan em cada capital provincial.

 

 

Em relação ao seu elenco, disse que não tinha compromisso com ninguém, apenas com o trabalho, daí que quem não mostrar serviço logo cairá na “rua”.

 

 

Tenho apenas compromisso com Deus e com o atletismo. Se eu não trabalhar, coloco o meu lugar à disposição, da mesma forma que quem não fizer nada, será destituído”, ajuntando que “vou exigir muito do meu elenco”.

 

 

O novo presidente da FMA promete construir sedes para todas as associações, e para tal disse que já tem um investidor que irá fornecer casas pré-fabricadas para o feito.
Fonte:Jornal Noticias
publicado por Vaxko Zakarias às 10:17
 O que é? |  O que é? | favorito

ÂNGELO Muria, um dos candidatos vencidos, disse que os profissionais do desporto, pessoas que vivem e melhor entendem a disciplina não são valorizados no país, daí que o escrutínio teve o desfecho que teve.

 

 

Estive há pouco tempo a fazer uma pesquisa sobre o desporto em Moçambique e constatei que pessoas com habilitações, ou seja, os verdadeiros profissionais do desporto, não são valorizados e eu sou exemplo disso. Sou mestre em Ciências de Desporto”, lamentou.

Em relação às eleições em si, Muria afirmou terem corrido bem e espera que Shafee cumpra com as suas promessas.

 

 

 “Penso que Shafee é uma boa opção para a modalidade. É um empresário e é capaz de desenvolver o atletismo. Promete 11 pistas, em igual número de capitais provinciais e construir sedes das associações, tudo em quatro anos. Digo honestamente que eu se tivesse sido eleito não conseguiria fazer isso”, reiterando que o presidente eleito tem um bom plano.

 

 

Muria vincou que as associações são carenciadas a todos os níveis, sobretudo financeiramente, por isso olha para a ideia de Shafee de dotá-las de orçamento como positiva.

 

 

Seria injusto um candidato com tamanhas promessas e planos como Shafee perder. Para além de pistas, vai construir sedes e dar dinheiro às associações, isso é positivo”, elogiou.
Fonte:Jornal Noticias
publicado por Vaxko Zakarias às 10:10
 O que é? |  O que é? | favorito

FRUSTRADO, era como estava José Cucheza, velha raposa do atletismo, momentos após a derrota no escrutínio. Cucheza disse que tudo levava a crer que seria o vencedor das eleições, mas em menos de 24 horas, o sentido de voto mudou.

 

 

Confesso que muitos presidentes tinham apostado em mim, mas à última hora houve algumas coisas misteriosas”, disse, para depois acrescentar que “se não tivesse havido acrobacias venceria as eleições sem qualquer problema”.

 

 

Em todo caso, Cucheza vincou que o processo eleitoral foi democrático e que ele como pessoa antiga no atletismo jamais iria desistir.

 

 

Vou continuar no atletismo. Agora pretendo fundar uma associação de solidariedade para o patrocínio dos talentos que não têm condições para irem avante na província de Tete”, vincou.

 

 

Em relação ao convite formulado por Shafee para integrar o seu elenco, disse que antes de tudo quer se reunir com o seu elenco e só depois disso é que irá tomar uma decisão.

 

 

Cucheza desafia Shafee a incluir a todos no atletismo e acrescenta que para o seu elenco ter sucesso há algumas pessoas que devem sair, dado que têm nome “sujo” na praça e que podem abalar todo o grupo de trabalho.

 

 

Não vou citar nomes, mas quem está no atletismo sabe de quem estou a falar. São pessoas que estão no atletismo com interesses pessoais do que da modalidade”, sublinhou.
Fonte:Jornal Noticias
publicado por Vaxko Zakarias às 10:05
 O que é? |  O que é? | favorito

O ELEVADO grau de exigência e competitivo do Afrobasket, onde marcam presença as melhores selecções africanas, obrigam a Federação Moçambicana de Basquetebol (FMB) a ter de envidar esforços para oferecer à equipa nacional uma preparação de bom nível.

 

Consciente disso mesmo, já se desenha, de acordo com o presidente da FMB, Francisco Mabjaia, um plano de preparação que deve passar pela participação em torneios internacionais e estágios extra-muros.

 

 

Vamos pedir à equipa técnica para apresentar um programa de trabalho. Mas posso adiantar que já em conversa com os técnicos, até porque estava nas nossas contas estar no Afrobasket, a nossa ideia é participar em torneios internacionais e efectuar estágios fora do país de modo a estarmos em Abidjan em bom nível”, afirmou.

 

 

Depois de no último Afrobasket/Madagáscar 2011, Moçambique ter ocupado o décimo lugar, o objectivo traçado pela equipa técnica passa por chegar aos quartos-de-final.

Sublinhe-se que a turma moçambicana, então treinada pelo espanhol Inak Garcia, foi eliminada por Angola nos oitavos-de-final.

 

 

No sentido de alcançar esse objectivo, Francisco Mabjaia assegura que a FMB tudo fará para criar as melhores condições de preparação para a Selecção Nacional. “A FMB fará o que for possível e estará disponível. Desta vez temos de estar nos quartos-de-final. Para tal contamos com ajuda dos nossos parceiros”.

 

 

De recordar que o Campeonato Africano de Basquetebol (Afrobasket) terá lugar em Abijdan, Costa do Marfim, em Agosto.

 

Além de Moçambique (Zona VI), estão apuradas para o Afrobasket as seguintes selecções: Argélia/Marrocos (Zona I); Cabo Verde/Senegal (Zona II), Burkina Faso (Zona III), Rep. Centro Africana, Camarões e Congo (Zona IV), Egipto (Zona V), Tunísia (campeã africana) e Angola (vice-campeã).
Fonte:Jornal Noticias
publicado por Vaxko Zakarias às 09:57
 O que é? |  O que é? | favorito

NÃO foi fácil qualificarmo-nos para o Afrobasket. Tivemos de nos empenhar para atingir o nosso objectivo”, afirma Fernando Manjate, mais conhecido nos meandros desportivos por Nandinho.

 

 

Aquele basquetebolista diz que o triunfo volumoso sobre a Zâmbia, na final, dá a entender que a partida foi jogada a um ritmo de treino, mas, segundo ele, não foi o que aconteceu. “Entrámos decididos e concentrados, se não nos tivéssemos aplicado, seria difícil vencermos a equipa zambiana, que até exibiu-se a um bom nível. Só que nós estivemos melhor e mostrámos ser superiores em todo o torneio”.  

 

 

Nandinho, um dos experientes da equipa nacional, afirma que agora é preciso começar-se a trabalhar arduamente tendo em vista a participação no Afrobasket. “Temos de começar a trabalhar o mais rápido possível para que estejamos em boas condições no Campeonato Africano. Acredito que se as pessoas de direito criarem melhores condições de preparação, podemos melhorar e conseguirmos bons resultados”.

 

 

Fonte:Jornal Noticias

publicado por Vaxko Zakarias às 09:53
 O que é? |  O que é? | favorito

VAMOS ao Afrobasket para melhorar a nossa prestação. É na preparação para esta prova que temos todos, em conjunto, que centrar as nossas atenções”, disse Custódio Muchate.

 

 

Para Custódio Muchate, jogador de maior destaque na final, se se cumprir com um programa de preparação rigoroso, com estágios fora do país e jogos de controlo contra selecções de maior dimensão, Moçambique poderá fazer história. “Temos de estar bem preparados se quisermos fazer boa figura no Campeonato Africano. O grupo já mostrou ser valioso, mas precisa de competir para ganhar maior ritmo, pois a exigência será outra”.

 

 

Muchate aposta no retorno da Liga de Basquetebol como um bom incentivo competitivo interno na preparação dos atletas nacionais. “Se tivéssemos continuado com a Liga de Basquetebol estaríamos bem melhores. Seria benéfico para a modalidade se esta prova voltasse a ser promovida”.

 

 

 

Fonte:Jornal Noticias

publicado por Vaxko Zakarias às 09:46
 O que é? |  O que é? | favorito
Fevereiro 2013
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
16
17
23
24
25
Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

subscrever feeds
tags

todas as tags

mais sobre mim
pesquisar neste blog
 
últ. comentários
Joga se hoje em Lichinga ataça de Moçambiqui as fo...
Eu acho que já é o momento para a Federação Moçamb...
MANOSTAXXMapa Europeu dos Salarios por Paíshttps:/...
MANOSTAXXMapa Europeu dos Salarios por Paíshttps:/...
MANOSTAXXMapa Europeu dos Salarios por Paíshttps:/...
MANOSTAXXMapa Europeu dos Salarios por Paíshttps:/...
MANOSTAXXMapa Europeu dos Salarios por Paíshttps:/...
Para auxiliar no treino nada melhor do que receita...
Entao e em 2016 nao havera????
Gostaria de salientar que a tentativa de mínimo nã...
blogs SAPO