Este blog tem como objectivo difundir a documentação de carácter desportivo
Sexta-feira, 09 DE Dezembro 2011
Yassin Amuji

O VILANKULO FC vai receber anualmente 100 mil dólares norte-americanos, durante três anos, da SASOL, patrocínio que visa dotar a equipa principal de futebol de condições para encarar as próximas épocas com alguma tranquilidade na prova máxima do futebol nacional, o Moçambola, e não só.

 

O acordo nesse sentido foi rubricado na tarde de ontem, em Maputo, entre os representantes das duas partes.

O Vilankulo FC já está a trabalhar afincadamente na preparação da próxima época, de modo a progredir ainda mais nas provas em que estiver envolvido.

 

 

Aliás, o representante de Inhambane deu o primeiro sinal de que estava preocupado com o seu futuro quando na segunda-feira rubricou um contrato inédito de 10 anos com Chiquinho Conde.

 

Na altura, para além da permanência do técnico, o patrono do clube, Yassin Amuji, anunciou algumas contratações de vulto e prometeu surpresas para o próximo ano, ao mesmo tempo que se mostrou aberto a apoiar a equipa de futebol naquilo que for necessário para dignificar a província de Inhambane.

 

 

 

Fonte:Jornal Noticias

publicado por Vaxko Zakarias às 12:35
 O que é? |  O que é? | favorito
Desportivo

O DESPORTIVO revalidou o título de campeão da cidade do Maputo de básquete sénior masculino ao vencer a Universidade Pedagógica, por 61-59, naquele que foi o último encontro da prova (21ª) disputado na última quarta-feira.

 

Os “alvi-negros” terminaram a prova com 38 pontos conquistados mais quatro que o Ferroviário de Maputo, segundo classificado, e cinco que o seu eterno rival, o Maxaquene.

 

Como era previsível não foi fácil para a turma das “águias” vencer a UP. Teve mesmo que vestir o fato-macaco para não sair derrotada.

 

 

A UP surgia em campo bastante motivado depois de ter ganho ao Maxaquene e sem qualquer receio estava disposto a deixar cair mais um gigante. No entanto, o Desportivo conseguiu controlar e contornar as situações de algum apuro na parte final e festejou o título com um triunfo sofrido.

 

Os “alvi-negros” vão agora participar no “Nacional” que arranca sábado na posição de campeões da cidade do Maputo, à semelhança do que aconteceu no ano passado.

 

 

 

Fonte:Jornal Noticias

publicado por Vaxko Zakarias às 12:28
 O que é? |  O que é? | favorito
Guimarães Lucas

O EX-xadrezista Guimarães Lucas apresentou-se publicamente como candidato à presidência da Federação Moçambicana de Xadrez (FMX), cujas eleições terão lugar em princípios do próximo ano.

 
Enquanto isso, o actual presidente da FMX, Pedro Chambule, anunciou a sua retirada antecipada, tendo em conta que o seu mandato vai até Junho de 2012, alegando agitações movidas por algumas pessoas ligadas à modalidade, que têm resultado em boicotes de algumas actividades por parte dos atletas.

Entretanto, Guimarães Lucas é o primeiro candidato que aparece em público aguardando-se que mais concorrentes apareçam ao longo dos próximos tempos.

 

 

O candidato disse que a principal motivação que lhe conduz a concorrer para a liderança da FMX é resgatar o passado brilhante que o xadrez conheceu há anos atrás, período durante o qual a modalidade registou um envolvimento massivo de atletas, sócios e simpatizantes. Esta motivação é para dar resposta à letargia que o xadrez está a registar nos últimos tempos em consequência de divergências entre a direcção liderada por Chambule e atletas, um clima que, segundo Guimarães Lucas, paralisou as competições e tem afugentado os amantes da modalidade.

 

 

Segundo Guimarães Lucas, Chambule manifestara a vontade de se retirar da presidência da FMX há cerca de um ano devido a contradições que o opunham da Selecção Nacional masculina, quando suspendeu parte dos melhores xadrezistas de participarem nos Jogos Olímpicos na Rússia, em Setembro do ano passado, alegando o seu envolvimento no boicote do Campeonato Nacional.

 

 

Chambule confirmara na altura ter submetido uma carta de demissão à Mesa da Assembleia-Geral da federação.

De lá a esta parte, tem se assistido a um “braço de ferro” entre os xadrezistas em geral e o presidente, facto que, segundo a fonte, veio a culminar com a demissão de alguns vice-presidentes de direcção.

 

 

 

Fonte:Jornal Noticias

publicado por Vaxko Zakarias às 11:53
 O que é? |  O que é? | favorito
Desportivo vs

LIGA Muçulmana e Ferroviário protagonizam hoje, a partir das 20.00 horas, no pavilhão do Maxaquene, o desafio mais aliciante da 13 ª jornada do Campeonato de Basquetebol da Cidade do Maputo em seniores femininos.

 

A Liga ainda não perdeu na prova e por isso segue invicto com 12 vitórias conquistadas em igual número de jogos efectuados. Quando a competição aproxima-se do fim, o Ferroviário surge como um adversário que pode oferecer alguma resistência e fazer com que as “muçulmanas” percam o estatuto de imbatíveis, algo que, no entanto, parece ser impossível dada a qualidade que as líderes vêm exibindo a todos os níveis.

 

Formada na sua maioria por basquetistas que constituem a Selecção Nacional, a Liga não tem oferecido qualquer possibilidade de manobra às suas concorrentes.

 

Importa referir que na primeira e segunda voltas, a turma “muçulmana” superou as “locomotivas”. Ao terceiro despique cresce a expectativa para ver qual será o desfecho.

 

Na abertura da ronda, o Maxaquene, uma das equipas com maior tradição na modalidade, e que em tempos já reinou em África, recebe, a partir das 18.30 horas, A Politécnica “B”, a turma-revelação do campeonato. Perspectiva-se uma partida equilibrada em que a experiência e juventude travarão uma cerada batalha.

 

 

As “tricolores” já com o título praticamente entregue à Liga Muçulmana jogarão para honrarem o emblema que representam, enquanto A Politécnica “B” aposta na manutenção do estatuto de equipa-sensação.

 

 

No pavilhão do Desportivo, a equipa da casa andará à caça da primeira vitória quando receber, às 18.30 horas, A Politécnica “A”. Mas se calhar este não será o adversário mais indicado para as “alvi-negras” pensarem em tirar a barriga da miséria a julgar pelo poderio do plantel.

 

 

As “águias” procuram formar uma equipa forte após a razia que sofreram há sensivelmente dois anos no seu plantel. Baseada numa equipa composta por juniores a vida não tem sido fácil. A Politécnica, numa posição bem mais cómoda, joga pela consolidação do segundo lugar.  

 

    

HOJE


Pavilhão de Desportivo

 

 

18.30 h - A Politécnica A x Desportivo

 

Pavilhão de Maxaquene

 

 

18.30 h - Maxaquene x A Politécnica B

20.00 h - Ferroviário x Liga Muçulmana

 

 

 

Fonte:Jornal Noticias

publicado por Vaxko Zakarias às 11:24
 O que é? |  O que é? | favorito
boxe

PROSSEGUE mais logo, a partir das 17.00 horas, no pavilhão anexo do Estrela Vermelha, o Campeonato de Boxe da Cidade do Maputo iniciado ontem.

 

Apesar de a modalidade ter observado um período prolongado de interregno, os combates de ontem vieram a demonstrar que os pugilistas estão em forma e com muita vontade de competir, o que chama a atenção dos dirigentes para a promoção de mais provas.

 

 

A jornada de hoje, porém, vai ser ainda mais animada, pois entrarão em jogo os melhores pugilistas da capital do país, por sinal do país, de modo a apurarem-se para as finais de amanhã, sábado.

 

Esperam-se combates bastante renhidos principalmente entre pugilistas do Matchedje e do Ferroviário, que sempre concorrem para os lugares do pódio.

 

 

 

Fonte:Jornal Noticias

publicado por Vaxko Zakarias às 11:07
 O que é? |  O que é? | favorito

Entretanto, Pedro Chambule esclareceu à nossa Reportagem que está pronto para sair e que a assembleia-geral está dependente de fundos disponibilizados anualmente às federações

Pedro Chambule é presidente da Federação Moçambicana de Xadrez

pelo Estado, através do Fundo de Promoção Desportiva (FPD) para o seu funcionamento e cobertura das actividades mais importantes.

 

 

Defendeu que as eleições deverão acontecer entre Fevereiro e Maio, tendo em conta que é nesse período que o FPD tem alocado fundos às federações. Para Chambule, o conveniente é que a assembleia-geral aconteça, como tem sido apanágio, em paralelo com os Campeonatos Nacionais.

 

 

No seu entender, as eleições teriam lugar durante a Liga B, que é a prova mais representativa, uma vez que junta as três regiões do país para a disputa do acesso à Liga A (prova prinicipal).

 

 

Se o problema sou eu, então saio. Vamos realizar a assembleia logo que houver dinheiro. A única forma viável para fazer eleições é pagar passagens para os representantes regionais durante a Liga B, tendo em conta que maior parte dos membros das associações são igualmente jogadores. Assim será possível diminuir os encargos. Caso contrário, teremos que fazer a assembleia isoladamente o que será mais oneroso. Apresentamos as duas propostas ao FPD no plano orçamental anual e aguardamos pelos fundos para fazer a assembleia”, comentou.

 

 

 

 

Fonte:Jornal Noticias

publicado por Vaxko Zakarias às 11:01
 O que é? |  O que é? | favorito
Catedral do basquetebol moçambicano

É JÁ amanhã que arranca, na capital do país, o Campeonato Nacional de Basquetebol em seniores masculinos que este ano terá a denominação de Taça da Liga.

 

O troféu mais cobiçado da bola-ao-cesto será disputado por dez equipas, a saber: Maxaquene, campeão nacional, Desportivo, vice-campeão, Ferroviário, Costa do Sol e UP, em representação da cidade do Maputo, Matolinhas, da província do Maputo, Ferroviário da Beira, província de Sofala, Sporting Só Protecção a defender a província da Zambézia, Instituto Politécnico de Tete e Ferroviário de Nacala.

 

 

As equipas de fora da capital do país devem começar amanhã a fim de se adaptarem ao piso do renovado Pavilhão do Maxaquene, palco que irá acolher a competição.

 

 

No sentido de fazerem uma boa prova, algumas equipas reforçaram-se com jogadores vindos de outros países. O Maxaquene, que aposta forte na revalidação do título, contará com um poste zimbabweano, mas em contrapartida não poderá, em princípio, contar com os préstimos do técnico espanhol, Inak Garcia, que levou os “tricolores” ao título no ano passado. Simão Mataveia ao que tudo indica orientará a equipa.

 

 

O Ferroviário da Beira é que até esta altura fez mais aquisições num desejo de quebrar a hegemonia das equipas da capital do país que vêm ganhando títulos atrás de títulos. Os beirenses contrataram o técnico espanhol Luís Hernandez, ex-treinador da Selecção Feminina nos Jogos Africanos e ainda um poste norte-americano. Conseguiram ainda manter o poste congolês que no último “Nacional” deu muito boas indicações.  

 

 

 

 

 

Fonte:Jornal Noticias

publicado por Vaxko Zakarias às 10:47
 O que é? |  O que é? | favorito
Dezembro 2011
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
17
18
19
20
21
22
23
24
25
26
27
28
29
30
31
subscrever feeds
tags

todas as tags

mais sobre mim
pesquisar neste blog
 
últ. comentários
Joga se hoje em Lichinga ataça de Moçambiqui as fo...
Eu acho que já é o momento para a Federação Moçamb...
MANOSTAXXMapa Europeu dos Salarios por Paíshttps:/...
MANOSTAXXMapa Europeu dos Salarios por Paíshttps:/...
MANOSTAXXMapa Europeu dos Salarios por Paíshttps:/...
MANOSTAXXMapa Europeu dos Salarios por Paíshttps:/...
MANOSTAXXMapa Europeu dos Salarios por Paíshttps:/...
Para auxiliar no treino nada melhor do que receita...
Entao e em 2016 nao havera????
Gostaria de salientar que a tentativa de mínimo nã...
blogs SAPO