Este blog tem como objectivo difundir a documentação de carácter desportivo
Quinta-feira, 21 DE Julho 2011
 

 

O POSTO administrativo de Chidenguele, a 27 quilómetros da cidade do Xai-Xai e a 275 da capital do país, está num processo avançado de preparação para acolher a X edição dos Jogos Africanos a terem lugar de 3 a 18 de Setembro, embora a população local ainda tenha pouca informação sobre o evento.
 

Os jogos vão decorrer em três pontos do país, nomeadamente nas cidades do Maputo, Matola e no posto administrativo de Chidenguele, província de Gaza, cabendo a este último acolher a modalidade de canoagem, mais concretamente na lagoa Nhambavane, uma região ladeada de várias estâncias turísticas.

 

 

O “Notícias” esteve recentemente em Chidenguele e em contacto com alguns populares locais, estes demonstraram ter pouca informação sobre a realização dos Jogos Africanos na sua região. “Já ouvimos pela rádio que teremos Jogos Africanos, mas de uma forma oficial ainda não recebemos nenhuma informação”, explicaram vários grupos dentre jovens e adultos interpelados pela nossa Reportagem.

 

Juvenal Nhabanga, líder tradicional do posto administrativo de Chidenguele, explicou ao nosso Jornal que o Governo local já se reuniu com os líderes comunitários sobre a necessidade da divulgação do evento.

 

 

Segundo Nhabanga, pretende-se aproveitar o evento para a divulgação das potencialidades locais, como alimentos e danças culturais. “Estamos a preparar vários grupos culturais, desde Ngalanga, Chibuto, Macuaela, entre outros”, disse.

Para nivelar a estrada que parte da vila até Nhambavale, local dos Jogos, um troço de sete quilómetros, terra batida, o Governo alocou três máquinas niveladoras.

 

Esperamos transformar os Jogos Africanos num ambiente de festa e de divulgação das potencialidades. Chidenguele tem muita coisa boa, e esperamos organizar feiras de gastronomia para a divulgação dos nossos pratos”, acrescentou.

 

Enquanto a população espera por uma informação oficial para se organizar rumo aos Jogos Africanos, as estâncias turísticas já estão a afinar as máquinas. Da direcção do “Lakeview Resort”, uma estância que oferece serviços de acomodação, restaurante e bar, eventos, Internet café, sala de conferências, piscina e serviços de transfer, soubemos que para além dos 60 trabalhadores que asseguram o funcionamento, vai recrutar 50 eventuais que vão reforçar o atendimento dos atletas e dirigentes desportivas que se vão deslocar ao local.

 

Lakeview Resort” é uma das estâncias seleccionadas pelo Governo para hospedar e servir refeições aos atletas e dirigentes desportivos que estarão em Nhambavale durante os Jogos.

 

 

Norberto Varinde, proprietário do “Lakeview Resort”, explicou que o complexo tem 130 quartos e espera concluir outros 70 até Junho de 2012. “A nossa expectativa em relação a estes Jogos Africanos é grande, porque estamos à espera de receber muita gente de fora e queremos que saia daqui com uma boa impressão de Moçambique”, afirmou.

 

 

Para além de pratos internacionais, a estância vai oferecer aos visitantes pratos moçambicanos e, em particular, de Chidenguelene, como peixe, cacana, mandioca, matapa, xiguinha e outros. “Ainda não sabemos quantas pessoas estarão cá, mas estamos preparados para servir acima de mil visitantes”.

 

Os Jogos vão acontecer no terreno do Clube Marítimo, onde foram erguidas infra-estruturas à altura.
Fonte:Jornal Noticias
publicado por Vaxko Zakarias às 11:50
 O que é? |  O que é? | favorito

AS selecções nacionais de andebol seguiram ontem para Joanesburgo, África do Sul, onde a partir de hoje efectuarão jogos de preparação tendo em vista os Jogos Africanos Maputo 2011.

 

As equipas moçambicanas realizarão, durante três dias (de hoje a sábado) partidas amigáveis frente às congéneres sul-africanas.

 

 

 

Este mini-estágio dos combinados nacionais obriga a uma paragem nas competições domésticas. O Campeonato da Cidade do Maputo, cujo início estava programado para o próximo sábado, ficou adiado para o dia 5 de Agosto. 
Fonte:Jornal Noticias
publicado por Vaxko Zakarias às 11:48
 O que é? |  O que é? | favorito
 
Djuba campeão da província do Maputo
Djuba campeão da província do Maputo

 

O DJUBA FC terminou o Campeonato Provincial do Maputo em grande estilo ao vencer, no último fim-de-semana, em partida da décima e última jornada, a Liga MG, por 2-0.
 

O jogo serviu apenas para cumprir calendário, visto que o Djuba já se tinha sagrado campeão na penúltima jornada ao empatar a três bolas com o Ntumbuluko e beneficiar-se do empate do Desportivo da Matola a um golo com o Clube de Xinavane.

 

 

A turma de Beleluane terminou na primeira posição com 22 pontos, mais cinco que o Desportivo da Matola que venceu o Ntumbuluko, por 2-0.

O Clube de Xinavane ganhou ao Clube da Manhiça, por 2-0. A formação de Xinavane ocupou o terceiro lugar com 15 pontos, enquanto o seu adversário ficou na última posição com sete pontos.

 

O Clube da Manhiça foi a grande desilusão da prova. Depois de ter sido campeão na época passada quedou-se na última posição.

 

1° DE MAIO APROXIMA-SE DO LÍDER

 

O 1° DE MAIO reduziu de sete para quatro pontos a diferença que o separava do Estrela Vermelha, líder do Campeonato de Futebol da Cidade do Maputo (Liga GWM), ao golear, no pretérito fim-de-semana, o União FC, por 5-1, em desafio da 11ª jornada.

 

 

Com esta vitória, os “alvi-rubros” passaram a somar 21 pontos contra 25 dos “alaranjados” que nesta ronda ficaram de fora devido ao número ímpar de equipas.

 

 

A partida entre o Ferroviário das Mahotas e Mahafil terminou empatada a duas bolas, fazendo valer as previsões que apontavam para um despique muito renhido, tal como veio a acontecer.

 

 

Na Catembe, o embate entre o Beira-Mar local e as Águias Especiais terminou também empatado, mas a uma bola.

A Académica, a jogar em casa, ganhou ao Nova Aliança, por 1-0. Os “estudantes” passaram a contar com 14 pontos e ficaram mais próximos do terceiro classificado, as Águias Especiais, que somam 17.

 

 

Na próxima jornada realizam-se os seguintes jogos: Académica-Beira-Mar; Estrela Vermelha-Nova Aliança; Águias Especiais-1 de Maio e União FC-Fer.Mahotas. 

FERROVIÁRIO DE GAZA NOVO COMANDANTE

 
O FERROVIÁRIO de Gaza “assaltou”, domingo último, a liderança do Campeonato Provincial, destronando desta feita o Clube de Gaza, que vinha comandando o certame ao longo das últimas jornadas.

A proeza resultou do deslize do Gaza no seu próprio reduto ao empatar com a formação do Clube de Mandlakazi a uma bola, um resultado que veio efectivamente comprovar o excelente estado de forma da equipa oriunda das terras do gigante Gabriel Mondlane.

 

 

Por outro lado, o Ferroviário de Gaza, treinado pelo seu ex-atleta Erasmo Cabral, protagonizou uma daquelas goleadas à moda antiga, cilindrando o Costa do Sol local, por dez bolas sem concorrência.
Fonte:Jornal Noticias
publicado por Vaxko Zakarias às 11:37
 O que é? |  O que é? | favorito
 
Intiaz Amugy
Intiaz Amugy

 

INTIAZ Amugy demitiu-se terça-feira do cargo de vice-presidente do Maxaquene. O dirigente, que convocou uma conferência de imprensa para fazer tal anúncio, apontou o negócio do campo com o Grupo Afrin como uma das razões que o levaram a tomar tal decisão.
 

Intiaz mostrou-se insatisfeito com o facto de o campo não ter sido entregue ao “Afrin” que já há muito tempo avançou com a sua compra.

Apesar de já não fazer parte da direcção, Intiaz disse que continuará a apoiar o Maxaquene e a sofrer pelo clube do qual é sócio há muitos anos.

 

Está assim aberto mais um episódio na crise da direcção “tricolor” numa altura em que desportivamente os ânimos estão ardentes depois da derrota no último domingo da equipa de futebol frente à Liga Muçulmana para o Moçambola. 
Fonte:Jornal Noticias
publicado por Vaxko Zakarias às 11:33
 O que é? |  O que é? | favorito

 

UM apoio financeiro de 418.500 meticais foi disponibilizado à Federação Moçambicana de Patinagem (FMP) para apoiar na preparação da Selecção Nacional, que de 24 de Setembro a 1 de Outubro participará no Campeonato do Mundo do Grupo A, em San Juan, Argentina.
 

Este apoio surge no âmbito de um acordo de patrocínio que a FMP e a mcel celebraram na terça-feira, que prevê, para além da referida verba, a oferta de telemóveis e pacotes iniciais a todos os atletas.

 

Nicolau Manjate, presidente da FMP, afirmou que este apoio dará um outro alento à preparação da Selecção Nacional.

Já Cláudio Chiche, administrador comercial da mcel, disse esperar que este contributo seja mais um incentivo para que os atletas nacionais representem condignamente o país.
Fonte:Jornal Noticias
publicado por Vaxko Zakarias às 11:29
 O que é? |  O que é? | favorito
 
Elisa Cossa
Elisa Cossa

 

ELISA Cossa está suspensa, por tempo indeterminado, de todas as competições internas e internacionais por "comportamento incorrecto", fez saber ontem a Federação Moçambicana de Atletismo (FMA) através de um comunicado recebido na nossa Redacção.
Maputo, Quinta-Feira, 21 de Julho de 2011:: Notícias
 

A Federação Moçambicana de Atletismo comunica a todas as associações provinciais, clubes, empresas, bairros, escolas, órgãos de comunicação social, FPD, DND, COM, CND e ao público em geral que, face ao comportamento da atleta Elisa Cossa, do Clube desportivo Matchedje e da selecção nacional, aquando da entrevista dada ao programa desportivo da TIM, no dia 15.07.2011, onde proferiu palavras injuriosas dirigidas à presidente da Federação Moçambicana de Atletismo, a FMA, reunida com a comissão técnica e o Conselho de Disciplina, decide suspender preventivamente a atleta Elisa Cossa e instaurar-lhe um processo disciplinar.

 

 

No mesmo documento, a FMA refere que para tomar tal decisão teve em consideração o comportamento displinar que a atleta vem revelando de há algum tempo a esta data, caracterizado por intriga, agitação, injúrias a dirigentes da FMA. Tomou também em consideração que a atleta já foi punida  após os Jogos Olímpicos de Sidney em 2000 onde protagonizou uma falsificação de marcas, facto que lhe valeu seis meses de suspensão.

 

 

Elisa Cossa, que se sagrou em Maio campeã nacional dos 400 e 800 metros, fica igualmente sem todos os subsídios a que vinha tendo direito, segundo faz menção o comunicado.

 

 

Esta suspensão implica a não convocação para qualquer competição interna ou externa em representação do seu clube ou do país e de igual modo todos os subsídeos a que tem direito.

 


Com este afastamento, a atleta fica assim impossibilitada de disputar os Jogos Africanos, e está desde já afastada da Selecção Nacional que se prepara para tomar parte na competição.
Fonte:Tim
publicado por Vaxko Zakarias às 11:19
 O que é? |  O que é? | favorito
Julho 2011
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
16
17
23
24
25
30
31
Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

subscrever feeds
tags

todas as tags

mais sobre mim
pesquisar neste blog
 
últ. comentários
Joga se hoje em Lichinga ataça de Moçambiqui as fo...
Eu acho que já é o momento para a Federação Moçamb...
MANOSTAXXMapa Europeu dos Salarios por Paíshttps:/...
MANOSTAXXMapa Europeu dos Salarios por Paíshttps:/...
MANOSTAXXMapa Europeu dos Salarios por Paíshttps:/...
MANOSTAXXMapa Europeu dos Salarios por Paíshttps:/...
MANOSTAXXMapa Europeu dos Salarios por Paíshttps:/...
Para auxiliar no treino nada melhor do que receita...
Entao e em 2016 nao havera????
Gostaria de salientar que a tentativa de mínimo nã...
blogs SAPO