Este blog tem como objectivo difundir a documentação de carácter desportivo
Quarta-feira, 25 DE Maio 2011
Ferroviario de Nampula vs Maxaquene
A Associação Desportiva de Pemba recebe, domingo, o Ferroviário de Pemba, em desafio pontuável para a primeira eliminatória da Taça de Moçambique em futebol, na fase provincial de Cabo Delgado.

No mesmo dia, e para a mesma eliminatória, o Atlético de Montepuez terá como adversário o Desportivo de Mueda.

Por sua vez, as equipas do Desportivo de Ibo e de Pemba jogam entre si.

 

Universidade Pedagógica apurada para nova etapa


A equipa da Universidade Pedagógica de Lichinga é a representante da Zona Norte do Niassa na fase provincial da Taça de Moçambique em futebol.

 

Para chegar a esta etapa, a Universidade Pedagógica derrotou, no último fim-de-semana, a formação Desportiva da Saúde e Vida por 2-1.

Na Zona Sul, a contar para a segunda eliminatória da Taça de Moçambique, a equipa da Escola Secundária de Cuamba triunfou diante do Estrela de Benfica de Lichinga por 4-1.

 

Sporting de Nampula avança para  regional


O Sporting de Nampula transitou para a Fase regional Norte da Taça de Moçambique, após afastar da competição o Ferroviário de Nacala com o desfecho de 1-0.

 

Hoje, quarta-feira, procura-se a segunda equipa representativa de Nampula. Para o efeito, esta tarde, na Ilha de Moçambique, as equipas do Moçambique FC e do Ferroviário de Nampula jogam entre si.

 

 

 

Crescêncio José

 

 

 

Fonte:O Pais

publicado por Vaxko Zakarias às 12:04
 O que é? |  O que é? | favorito
Desportivo vs Liga

O DESPORTIVO e o Ferroviário jogam hoje, a partir das 21.00 horas, no pavilhão da primeira equipa, em partida da terceira e última jornada do torneio de preparação de hóquei em patins.

 

Trata-se de mais uma partida em que os “alvi-negros” e os “locomotivas” decidem entre si a conquista de um troféu.

Ambas as equipas partem para este confronto empatadas na primeira posição com seis pontos, embora os “verde-e-brancos” estejam em vantagem no “goal-average”, pelo que se podem dar ao luxo de empatarem.

 

Será, portanto, um jogo em que os comandados de Pedro Pimentel terão que correr atrás do prejuízo visto que só a vitória lhes interessa. Espera-se, por isso, um despique empolgante e combativo até ao apito final.

 

O Desportivo persegue a conquista do primeiro troféu da época 2011, enquanto o Ferroviário disputa o segundo depois de ter ganho o torneio de abertura.

 

LIGA –ESTRELA TERCEIRO EM VISTA


Na abertura da jornada, Liga Muçulmana e Estrela Vermelha jogam a partir das 20:00 horas. Em causa está a luta do terceiro lugar. Os “muçulmanos”, com uma equipa melhor estruturada, são favoritos a vencer e consolidar a terceiro posto que ocupam nesta altura.

 

 

 

Fonte:Jornal Noticias

publicado por Vaxko Zakarias às 11:13
 O que é? |  O que é? | favorito
Dominguez ao centro

A SELECÇÃO líbia cumpre desde domingo um estágio no Quénia para preparar o jogo da próxima jornada, a 5 de Junho, contra as ilhas Comores, de qualificação para o CAN-2012.

 

O estágio de duas semanas será marcado por dois jogos amigáveis contra a equipa nacional queniana e um clube local.

A equipa líbia partirá a 1 de Junho próximo para Moroni, a capital comoriana.

 

Para este estágio, o seleccionador líbio convocou 25 jogadores, nomeadamente Samir Aboud, Muftah Ghazala, Mohamed Nachnouch, Younès Chibani, Ahmed Al-Alouani, Abdelazziz Berrich, Mohamed Al-Magherbi, Mohamed Mounir, Djibril Al-Bakarmaoui, Hicham Chaâbane et Rabia Llaffi, Abdelnasser Slil, Zakeria Llaffi, Ali Rhouma, Riyad Llaffi, Jemal Abdallah Chérif, Mansour Al-Barki, Walid Al-Khatrouchi, Tarek Tayeb, Ibrahim Al-Hassi, Ahmed Abdelkader, Oussama Al-Fazzani, Ihab Al-Boussifi e Mohamed Al-Ghanoudi.

 

A Líbia ocupa, lembre-se, a primeira posição do Grupo III com sete pontos obtidos após a sua vitória em jogo da primeira-“mão” sobre as Comores (3-0), um empate com os “Mambas” (0-0), em Maputo, e a vitória em Tripoli  sobre a Zâmbia (1-0).

A selecção deixou o país por via terrestre para a Tunísia numa longa e penosa expedição devido ao embargo aéreo imposto contra o país, depois seguiu para Nairobi, via Istambul, na Turquia.

 

 

 

Fonte:Jornal Noticias

publicado por Vaxko Zakarias às 10:58
 O que é? |  O que é? | favorito
tags:
Selecção líbia

A SELECÇÃO líbia cumpre desde domingo um estágio no Quénia para preparar o jogo da próxima jornada, a 5 de Junho, contra as ilhas Comores, de qualificação para o CAN-2012.

 

O estágio de duas semanas será marcado por dois jogos amigáveis contra a equipa nacional queniana e um clube local.

A equipa líbia partirá a 1 de Junho próximo para Moroni, a capital comoriana.

 

Para este estágio, o seleccionador líbio convocou 25 jogadores, nomeadamente Samir Aboud, Muftah Ghazala, Mohamed Nachnouch, Younès Chibani, Ahmed Al-Alouani, Abdelazziz Berrich, Mohamed Al-Magherbi, Mohamed Mounir, Djibril Al-Bakarmaoui, Hicham Chaâbane et Rabia Llaffi, Abdelnasser Slil, Zakeria Llaffi, Ali Rhouma, Riyad Llaffi, Jemal Abdallah Chérif, Mansour Al-Barki, Walid Al-Khatrouchi, Tarek Tayeb, Ibrahim Al-Hassi, Ahmed Abdelkader, Oussama Al-Fazzani, Ihab Al-Boussifi e Mohamed Al-Ghanoudi.

 

A Líbia ocupa, lembre-se, a primeira posição do Grupo III com sete pontos obtidos após a sua vitória em jogo da primeira-“mão” sobre as Comores (3-0), um empate com os “Mambas” (0-0), em Maputo, e a vitória em Tripoli  sobre a Zâmbia (1-0).

A selecção deixou o país por via terrestre para a Tunísia numa longa e penosa expedição devido ao embargo aéreo imposto contra o país, depois seguiu para Nairobi, via Istambul, na Turquia.

 

 

 

Fonte:Jornal Noticias

publicado por Vaxko Zakarias às 10:52
 O que é? |  O que é? | favorito
tags:

SR. DIRECTOR!

 

 

Coja

Sabe-se que para a realização das olimpíadas africanas, serão contratados cerca de 5 mil voluntários que irão trabalhar em diversas áreas e, para reflexão de todos, gostaria de lançar umas questões para o COJA assim como para a sociedade moçambicana:

 

Qual é a contribuição de outros stockholders (sector privado, sociedade civil e as demais associações)?

O que será feito em caso do plano “A” não se concretizar, se bem que as obras da Vila Olímpica estão atrasadas quando faltam menos de 120 dias para o arranque do evento?

 

Existe o plano “B” ou vamos fazer tudo em cima de joelhos?

 

Qual é a posição das diversas federações nacionais no que tange a preparação e dos objectivos traçados, se vão ser cumpridos ou não?

Quais são os critérios de premiação dos atletas nas modalidades individuais e colectivas (valores monetários para aqueles que obterem medalhas de ouro, prata e bronze), se bem que sempre tem havido polémica?

 

Qual é o papel dos media na divulgação do evento? Quem vai transmitir em directo para todo o país e quiçá, para o resto dos países africanos? Se estamos em condições de faze-la ou serão os outros a fazer em pleno país?

 

Se for a TV pública, como se fala nos bastidores que será a TV oficial do evento (devia ser tanto internamente como além-fronteiras), não faz em regime de exclusividade, e depois, os que estiverem interessados em adquirir os mesmos, para sua retransmissão nos respectivos países?

O que está ser feito para garantir a segurança dos atletas e suas delegações? Se não haverá o congestionamento de trânsito criando caos todas vezes que passa uma delegação?

 

Quais são as vias alternativas para os automobilistas em horas de ponta (manhã e tarde), quando vão aos seus postos de trabalho e no regresso as suas casas?

 

 

Que papel terão os nossos atletas consagrados, os casos de Lurdes Mutola, Chiquinho Conde, Tico-Tico e outros (como acontece noutros quadrantes), na promoção do evento dentro e fora do país?

 

 

Quem vai divulgar os jogos além-fronteiras? São as embaixadas e consulados ou os cidadãos que residem nestes países?

Como será feito o protocolo na recepção das delegações e como serão alojados? Como está andar o processo de formação de pessoal para trabalhar durante o evento? Já iniciou ou ainda não?

 

 

Os residentes nas áreas circunvizinhas do Estádio Nacional estão sensibilizados sobre os jogos? Como é que estes devem se portar durante a realização? Se não estão sensibilizados, o que está ser feito para tal?

 

 

PS: Como diz um ditado mandarim; a paciência é uma árvore que dá muitos frutos bons. Tenho dito que trabalho + trabalho = sucesso e preguiça + preguiça =insucesso. Se optarmos pela segunda alternativa, seremos meros espectadores em nossa casa, vendo os outros a dançarem na nossa festa.


Bem-haja a X edição dos Jogos Pan-africanos Maputo – 2011, e que a mesma seja um sucesso total para os moçambicanos e quiçá, sonharmos em organizar outros eventos desportivos!

  • PAULO GOMES
Fonte:Jornal Noticias
publicado por Vaxko Zakarias às 10:25
 O que é? |  O que é? | favorito
Academia de Artes Marciais será criada no país com o apoio do Governo da China

 

 

UMA Academia de Artes Marciais será criada no país com o apoio do Governo da China, segundo revelou ontem ao “Noticias” o Embaixador daquele país, Huang Songfo.

 

O diplomata, que disse ter já avançado a ideia junto das autoridades do Ministério moçambicano da Juventude e Desportos, explicou que a China vai também oferecer equipamento para apetrechar a infra-estrutura, bem como enviar professores e técnicos para assistirem a fase inicial do projecto.

 

 

Explicou que a vinda esta semana ao nosso país de um grupo de artistas chineses para realizar um espectáculo único de artes marciais em Maputo, enquadra-se também no interesse chinês em reforçar as relações culturais e desportivas entre os dois países.

Segundo o embaixador, a exibição que terá lugar na próxima sexta-feira, no Centro Cultural da Universidade Eduardo Mondlane, pelas 19.00 horas, será gratuita.

 

Os convites para todos os interessados em participar no espectáculo estão disponíveis a partir de hoje na recepção da Embaixada da China e na Câmara do Comércio China-Mocambique que se localiza no edifício da SOGECOA, na avenida Vladimir Lenine. No próprio dia do espectáculo também serão distribuídos convites no local da realização. Portanto, queremos convidar todos os moçambicanos e cidadãos de outras nacionalidades a assistirem a este evento que reúne os melhores executantes de artes marciais da China”.

 

Esta é a primeira vez que um grupo de artes marciais chinesas vem a Moçambique. Os artistas, que chegam a Moçambique já na próxima quarta-feira, constituem uma selecção nacional chinesa dessa modalidade.

 

 

 

Fonte:Jornal Noticias

publicado por Vaxko Zakarias às 10:20
 O que é? |  O que é? | favorito
Desportivo

 

 

APÓS ter defrontado e vencido o seu vizinho e rival Maxaquene (72-52), na ronda transacta, o Desportivo é novamente chamado a uma jornada complicada, desta feita com o Ferroviário como adversário, em partida referente à Taça Maputo em Basquetebol de Seniores Masculinos.

 

O jogo tem lugar esta noite, a partir das 20.00 horas, no campo dos “locomotivas” e tem o interesse de colocar frente-a-frente dois conjuntos que são candidatos à conquista da Taça Maputo, que roda a sua terceira jornada. O Ferroviário, sob a batuta de Carlos Aik, entrará nas quatro linhas depois de, não só ter batido o Costa do Sol na jornada anterior, como também na qualidade de vencedor do torneio de abertura.

A anteceder a este encontro, estarão em campo a A Politécnica e o Costa do Sol, às 18.30 horas.

 

Em femininos, Maxaquene enfrenta amanhã a Universidade Pedagógica, às 20.00 horas, no pavilhão do Desportivo.

No fecho da jornada passada, Aeroporto ganhou por falta de comparência do Matolinhas. Já em femininos, A Politécnica levou de vencida Desportivo pela marca concludente de 61-15 e Ferroviário derrotou Maxaquene por 46-35.

 

Entretanto, a Associação de Basquetebol da Cidade do Maputo reúne-se sábado, às 9.00 horas, na sua sede, com os chefes de departamento dos seus clubes filiados, com o objectivo de discutir, entre outros assuntos, a Liga Muçulmana, taxa de arbitragem e campeonato da cidade.

 

 

 

Fonte:Jornal Noticias

publicado por Vaxko Zakarias às 10:06
 O que é? |  O que é? | favorito

O FERROVIÁRIO de Gaza, ao perder por 1-0 no seu próprio reduto, frente ao Clube de Chibuto, com o tento solitário de Arnaldo Muainga, afastou-se do grupo das três formações que vinham liderando o “Provincial” de futebol, disputadas três jornadas.

 

Com o caldeirão dos “locomotivas” a registar casa cheia, coisa que já não se via há bastante tempo, os amantes do futebol reviveram na partida do último domingo, entre o Ferroviário e o Clube de Chibuto, momentos de muita animação e de festa, perante duas equipas que entraram em campo para valorizar o espectáculo.

 

A actuação, particularmente da equipa de Chibuto, deixou bem patente o excelente trabalho de base que vem sendo desenvolvido pelos gestores da colectividade, que tudo têm estado a fazer nos últimos cinco anos, na perspectiva de um dia virem a fazer parte da “fina flor” do futebol moçambicano, disputando o “Moçambola”.

 

Nos restantes encontros da jornada, o Clube de Gaza cilindrou o Costa do Sol de Xai-Xai por seis bolas sem resposta, enquanto o Clube de Manjacaze conquistava mais três preciosos pontos, ao bater no seu meio a formação do Tekamahala, por duas bolas sem resposta, momento também em que a Associação Desportiva de Chókwè vencia o Estrela Vermelha de Xai-Xai por 3-1.

 

Assim, os Clubes de Gaza e de Chibuto continuam a comandar a prova com nove pontos cada, seguidos do Ferroviário, com seis.

A próxima jornada vai proporcionar um aliciante Clube de Gaza-Ferroviário, para além do Manjacaze-ADC, Costa do Sol-Tekamahala e Estrela-Chibuto.

 

 

 

Fonte:Jornal Noticias

publicado por Vaxko Zakarias às 10:03
 O que é? |  O que é? | favorito

SR. DIRECTOR!

 

 

Coja

Maputo irá acolher de 3 a 18 de Setembro próximo, a X edição dos Jogos Pan-africanos, em substituição da Zâmbia que desistiu em Dezembro de 2008. Ao todo, estarão em cena, cerca de 24 modalidades desportivas, movimentando 6 mil atletas, em representação de 40 países que acederam tomar parte nos mesmos, para mim há muito que deixou de ser Jogos Pan-africanos como outrora, pelo facto de uns tomarem parte, e pela ausência de 14 países, de um total de 54 países do continente negro.

 

O mesmo será um evento impar na história do país pós-independente, visto que, será o primeiro evento de tal magnitude que vamos realizar nos 36 anos de independência nacional, ano em que inauguramos o Estádio Nacional do Zimpeto (com capacidade para 42 mil espectadores), a “Nova Catedral do Futebol” em substituição do Estádio da Machava que presenciou nada mais, nada menos, que 4 qualificações de Moçambique para as fase finais da Taça de África das Nações vulgo CAN (1986, 1996, 1998 e 2010). Tal evento coincide num ano em que o Governo de Moçambique, consagrou o ano 2011, como o Ano Samora Machel, bem-haja a figura de Samora Moisés Machel, o primeiro Presidente de Moçambique independente e fundador do Estado moçambicano, porque ele merece pelos seus feitos quando estava entre nós. 

 

 

Dizer que recentemente, o Governo através do Ministério das Finanças, reduziu para metade o orçamento que inicialmente estava previsto, para alocar as várias federações desportivas do país, devido as medidas de austeridade e de contenção de custos, em parte influenciada pela crise económica e financeira que se vive actualmente em vários países do mundo, mormente, os países do Ocidente, que contribuem em 40 porcento do Orçamento de Estado moçambicano. Tal medida afecta sobremaneira as preparações de diversas selecções nacionais, onde umas já começaram a preparar, outras nem tanto, em parte, pelo facto das planificações estarem algo condicionado com a exiguidade de fundos, e ao facto de se deixar tudo para última hora, fazendo as coisas em cima de joelhos, facto característico cá em Moçambique.

 

 

O Comité Organizador destes jogos, parece que está mais preocupado em fazer merchandising nos Gabinetes do que no terreno, prova disso, é a divulgação dos jogos que na minha óptica, está algo apática, nem nos Media (Rádio, TV e da Imprensa escrita) não vejo tanta divulgação, salvo algumas excepções (TV e Rádio pública), bem como a principal concorrente da TV pública (fazendo em assuntos de relevo), e não o dia-a-dia de como andam as preparações das várias selecções nacionais que tomaram parte no certame, aliás, em algumas modalidades, o país não estará representada, pelo simples facto de não ter uma federação desportiva, muito menos, pela ausência da sua praticabilidade, onde seremos meros espectadores, vendo os adversários passeando a sua classe, a seu bel-prazer no território nacional.

 

 

Ainda recentemente, escutei no programa radiofónico Café da Manhã, o discurso de uma figura do COJA ligada ao alojamento, dizendo que, na cidade capital, tem disponíveis 10 mil camas para alojar os 6 mil atletas que estarão em competição, incluindo as respectivas delegações, ao passo que na vizinha cidade da Matola, estão disponíveis entre 300 e 400 camas, querendo mostrar ao público que algo está a ser feito no que tange ao alojamento dos atletas e das respectivas delegações.

  • PAULO GOMES
Fonte:Jornal Noticias
publicado por Vaxko Zakarias às 09:25
 O que é? |  O que é? | favorito
Maio 2011
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
14
15
17
21
22
28
29
subscrever feeds
tags

todas as tags

mais sobre mim
pesquisar neste blog
 
últ. comentários
Joga se hoje em Lichinga ataça de Moçambiqui as fo...
Eu acho que já é o momento para a Federação Moçamb...
MANOSTAXXMapa Europeu dos Salarios por Paíshttps:/...
MANOSTAXXMapa Europeu dos Salarios por Paíshttps:/...
MANOSTAXXMapa Europeu dos Salarios por Paíshttps:/...
MANOSTAXXMapa Europeu dos Salarios por Paíshttps:/...
MANOSTAXXMapa Europeu dos Salarios por Paíshttps:/...
Para auxiliar no treino nada melhor do que receita...
Entao e em 2016 nao havera????
Gostaria de salientar que a tentativa de mínimo nã...
blogs SAPO